SHINee Portugal

SHINee Portugal

Um lugar de carinho, uma segunda casa, um lugar de encontro de Shawols e não só!
 
InícioInício  PortalPortal  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 A new life ~update 36 ~30-12-2014

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1 ... 10 ... 16, 17, 18, 19, 20  Seguinte
AutorMensagem
Juu
Moderador
Moderador
avatar

Feminino Mensagens : 10710
Reputação : 9
Data de inscrição : 06/01/2011
Idade : 21
Localização : What did i become ???0.0

Ficha do personagem
Grupos:
0/10000  (0/10000)
Aulas&Pontuação!:
0/10000  (0/10000)

MensagemAssunto: Re: A new life ~update 36 ~30-12-2014   Seg 24 Jun - 16:55:16

hahahhaah sou??

concordo ,sempre que essa pessoa (deah?)

_________________
                                      
                     No one never really said that life was easy then why was i so restless, so careless.....

Spoiler:
 

 Ultimate Bias : Taemin♥Nichkhun  Ultimate son: Chanyeol  Ultimate OTPJongKey♥2min  Bias List ultimate  Ruiners: Myungsoo♥Xiumin   (─‿‿─)


                                                                       
Voltar ao Topo Ir em baixo
AndieLiu
Dance Machine
Dance Machine
avatar

Feminino Mensagens : 5853
Reputação : 4
Data de inscrição : 31/05/2011
Idade : 23
Localização : Wanted Dead or Alive

MensagemAssunto: Re: A new life ~update 36 ~30-12-2014   Sab 6 Jul - 20:29:15

Ao fim de um milénio, como mim ser vampira, mim ter vindo... gosh tenho que parar de deixar muito tempo entre as minhas leituras aqui, gosh, mim ter tido muitas emoções >_<''


Capítulo 24:

Duas citações deste capítulo que me é complicado explicar portanto... aqui vão...

Juu escreveu:
“Estas rosas trouxe o jonghyun , ele mesmo as plantou…ele disse que quando se sentia sozinho conversava com elas, elas o faziam sorrir um pouco mais, e olha que ele não é de poucos sorrisos, mas sempre esconde o coração por debaixo daquele sorriso” Tremi sem me aperceber quando o nome jonghyun foi mencionado, seria o mesmo jonghyun que estou a pensar, olhando para a cara do jardineiro e ver o sorriso dócil com que ele falou do jonghyun fez me confuso seria o dino? Ele sentia se sozinho? O jonghyun?

Eu adorei isto, aigoo o Jonghyun a plantar rosas só para falar com elas e sorrir *-* aigoo lindo :06: 

E a outra...

Juu escreveu:
Um canto escuro da escola , onde ninguém passava nem mesmo professores ou empregados duas pessoas se encontravam, embrulhando-se na penumbra do local cheio de vidros espalhados e pinturas grotescas nas paredes.
“Ainda não percebi onde queres chegar?” a rapariga encolheu-se num canto vendo o olhar profundo e agoniante do olhar que a fitava sem piscar.
“Acho que percebeste muito bem honey, ou o teu segredinho vai ser pagina principal do jornal deste porcaria a que chamam colégio” a rapariga acenou e saiu daquele canto escuro .
“Agora é só assistir” um sorriso perverso e sinistro escondido na penumbra lançava seus agoiros para o futuro de muitos.

WTH??????????????????????????????????????????????? Oh Deus, eu fiquei tão mega da curiosa  


O Key foi mesmo muito engraçado ao mandar o coração dele ficar quieto, e duas vezes, ahah x'D
Oi aquela pessoa que sorriu ao ver o reencontro de passagem de JongKey, que consta em ser a menina Jessica, não me está a agradar... algo me diz que é ela voltou para a escola e para a casa do Jonghyun para dar mais do que problemas à vidinha do Key, como se não estivesse já a criar problemas, raios partam à rapariga pah... isto ainda vai dar muito que falar.
Aigoo, mim a ser severa com o meu maridinho... mas eu não resisto e desato a rir, ele é tão cute a comer frango *-*
Khunnie  e Hyuna vão-se meter num sarilho quando o Joon descubrir onde eles vão!!!
Agora resuminho geral do capítulo, como não podia deixar de ser eu adorei dongsae, as tuas descrições estão cada vez mais deliciosas de se ler, eu fico totalmente vidrada.. e raios que tu despertas em mim tanta curiosidade pah, tu não sabes que isso é mau para o coração? Aish, aigoo... bem, vamos ao próximo capítulo...


Capítulo 25:

O paragrafo logo inicial em itálico é lindo, tão lindo dongsae, eu tinha que o mencionar, está cheio de sentimento, adorei-o!
Okay, se eu bem percebi a mãe da Hyuna e do Joon tem cancro, poderá morrer... será que o Joon a vai perdoar agora? Aigoo... I'm scared... e aigoo o Khunnie tão amável para ela, tão romântico, tão doce... eu aprovo-te Nichkhun!!

&/%#$/&%#$&%$%&%#!$&%#&%!$%&# OH MY GOSH MY POOR AND SWEET FEELINGS  
AQUELA CENAAAAAAA OMGGGGG JONGKEY TÃO PERFEITO~~
*atenção: overdose emocional a ocorrer ainda...*
LINDO LINDO LINDO EU ADOREI CADA PEDAÇO SANTO DEUS *-*
Aigooo e e eles a verem as estrelas, aiii tão romântico meu deus, é bom que aquela tipa não estrague o sorriso encantador do Key, eu juro que me vingo por ele, juro!!! Monkey 206 
Agora vem uma parte que me conti muito... LEE JOON COMO É QUE OUSAS EM FAZER O MEU MIREU DE TEU PROSTITUTO???????? EU VOU ESFOLAR-TE VIVO!!!

Dongsae tu és má, má, má e muito má! Já viste a quantidade de emoções que me fizeste sentir? Já?
Eu estou incontrolável agora... aigoo, começou a doer barriga... ou isto é fome... aigoo...
ISTO ESTÁ UMA PERFEIÇÃO  
AMEI AMEI AMEI AMEI AMEI  
Ai Jesus, eu preciso de acalmar as hormonas pah, urghhhh...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Juu
Moderador
Moderador
avatar

Feminino Mensagens : 10710
Reputação : 9
Data de inscrição : 06/01/2011
Idade : 21
Localização : What did i become ???0.0

Ficha do personagem
Grupos:
0/10000  (0/10000)
Aulas&Pontuação!:
0/10000  (0/10000)

MensagemAssunto: Re: A new life ~update 36 ~30-12-2014   Sab 6 Jul - 20:46:31


Bem primeiro vamos ter calma O.O
  o jong é adoravel e sente-se alone T.T por isso as rosas
Agora eu dou te uma hint quem sorriu no reencontro de jongkey não é a jessica
cap 25 
hahah ainda bem que gostas te do texto em italico
Sim o khunie esta super cute *-*
JOngkey finalmente han depois de 25 capitulos chegou jongkey eheh
Bem han---então era aqui que me dizias que matavas (diz isso outra vez e eu faço pior ao mir )??
O mir nao é uma prostituta o joon é que quiz ser mau para ele...
Bieneh unnie mas tu conheces me, tem que haver romance, comedia e desastre para mim ficar em paz hahaha
Ainda bem que gostas te unnie, deah deah acalma te e ve se comes o.o

_________________
                                      
                     No one never really said that life was easy then why was i so restless, so careless.....

Spoiler:
 

 Ultimate Bias : Taemin♥Nichkhun  Ultimate son: Chanyeol  Ultimate OTPJongKey♥2min  Bias List ultimate  Ruiners: Myungsoo♥Xiumin   (─‿‿─)


                                                                       
Voltar ao Topo Ir em baixo
AndieLiu
Dance Machine
Dance Machine
avatar

Feminino Mensagens : 5853
Reputação : 4
Data de inscrição : 31/05/2011
Idade : 23
Localização : Wanted Dead or Alive

MensagemAssunto: Re: A new life ~update 36 ~30-12-2014   Sab 6 Jul - 21:15:00

Aqui a gente não tem calma nenhuma!!!
Foi por isso mesmo que adorei o momento *-*~
NÃO ERA A JESSICA????   


Adorei aquele texto, adorei mesmo.
E espero que continue super cute, senão deixo de o aprovar!
Ahah, és como eu, ao fim de um século de capítulos é que vem o couple! Ahah!
Não a parte que disse que te matava foi por toda a emoção JongKey...
HEY TU NÃO FAÇAS NADA AO MIREU, já falamos sobre isso (estamos a falar)! Para mim quem paga depois do sexo é prostituição, portanto o Joon está a fazer o meu Mireu de prostituto!
Unnie sabe mas isto é demais para heart da unnie...  
Gonna dinner soon...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Pirili
Dream Girl
Dream Girl
avatar

Feminino Mensagens : 4188
Reputação : 0
Data de inscrição : 01/04/2013
Idade : 30
Localização : Jinki heart!

Ficha do personagem
Grupos:
0/10000  (0/10000)
Aulas&Pontuação!:
10000/10000  (10000/10000)

MensagemAssunto: Re: A new life ~update 36 ~30-12-2014   Sab 6 Jul - 21:38:16

Pensei que era uma actualização!

_________________
~At the end of a busy day
Emptiness is always there
But my sadness is comforted by you
You are my song~An Ode To You ~ 



Voltar ao Topo Ir em baixo
Juu
Moderador
Moderador
avatar

Feminino Mensagens : 10710
Reputação : 9
Data de inscrição : 06/01/2011
Idade : 21
Localização : What did i become ???0.0

Ficha do personagem
Grupos:
0/10000  (0/10000)
Aulas&Pontuação!:
0/10000  (0/10000)

MensagemAssunto: Re: A new life ~update 36 ~30-12-2014   Sab 6 Jul - 22:32:33

Waaa vá vá eu faço uma promessa esta semana eu posto de certeza, its a promise <3

_________________
                                      
                     No one never really said that life was easy then why was i so restless, so careless.....

Spoiler:
 

 Ultimate Bias : Taemin♥Nichkhun  Ultimate son: Chanyeol  Ultimate OTPJongKey♥2min  Bias List ultimate  Ruiners: Myungsoo♥Xiumin   (─‿‿─)


                                                                       
Voltar ao Topo Ir em baixo
AndieLiu
Dance Machine
Dance Machine
avatar

Feminino Mensagens : 5853
Reputação : 4
Data de inscrição : 31/05/2011
Idade : 23
Localização : Wanted Dead or Alive

MensagemAssunto: Re: A new life ~update 36 ~30-12-2014   Dom 7 Jul - 2:51:21

Uhuhuh~   
Voltar ao Topo Ir em baixo
Juu
Moderador
Moderador
avatar

Feminino Mensagens : 10710
Reputação : 9
Data de inscrição : 06/01/2011
Idade : 21
Localização : What did i become ???0.0

Ficha do personagem
Grupos:
0/10000  (0/10000)
Aulas&Pontuação!:
0/10000  (0/10000)

MensagemAssunto: Re: A new life ~update 36 ~30-12-2014   Sex 12 Jul - 1:58:45

Há quanto tempo eu não fazia um cap deste tamanho >.<
Bem contem duas smuts(+18) fica aqui escrito que nao me responsabilizo por nada *wink*

CAPITULO 26

*****
SARANGHAE...






Um sopro…um murmúrio…um ronronar fugaz e sensual…Meu corpo treme, minha voz foge, as palavras não se formam…sinto o teu toque no meu corpo, ele quer-te, ele deseja-te …eu desejo-te…Fecho os meus olhos...posso sentir os teus lábios quentes na minha pele nua, teus beijos quentes no meu corpo gélido…um arrepio…estremece meu coração…tua voz diz me “amo-te”, teu toque grita “desejo-te”… as tuas mãos vagueiam por meu corpo, tomam-me como teu…eu sou teu…leva-me …faz-me sentir-te, faz-me amar-te… esses olhos pedem por mim, teu sorriso perfeito beija meus lábios, sinto que estou perto… perto de te amar para sempre…
                                                                 *****
As primeiras horas da manhã traziam consigo o sol sonolento, o aroma da primavera que cada vez parecia mais perto. Os passarinhos cantavam com todo o ar em seus pulmões, as flores abriam recebendo a luz do sol , as arvores dançavam com os seus pequenos botões , era mais uma manhã em Quiriam School. Os alunos abriam as suas janelas saboreando aquele aroma doce da manhã.
Vitória sorriu quando sentiu aquela onda de frescura e sabores entrar pela janela de seu quarto, deixando cair um longo suspiro quando olhou para trás. Hyuna enrolava-se nos lençóis brancos de sua cama, recusando-se a sim mesmo a sair da cama para enfrentar a realidade que ela esperava que fosse sonho fácil de esquecer, a única coisa que a poderia fazer sorrir nestes dias era o nichkhun, o amor que sempre sentiu por ele. O seu corpo recusava-se a movimentar-se, parecia mais pesado do que nos outros dias, o ar parecia mais sufocante no que nas outras manhãs. Todos os seus pensamentos se resumiam á sua “mãe” , todas as imagens que estavam na sua cabeça eram preenchidas por aquele hospital branco e sem cor, aquele quarto melancólico e morte…onde sua “mãe “ dormia.
      - Hyuna, sabes que tens que te levantar…- vitória olhou-se uma ultima vez ao espelho antes de devolver seu olhar á hyuna.
    - Não quero- Ela resmungava baixinho, mas suficientemente alto para a vitória ouvir.
   - Anda, daqui a nada começam as aulas e ainda não tomas-te o pequeno-almoço- Vitoria sentou-se na cama de hyuna, tirou-lhe os lençóis que lhe cobriam o rosto e acariciou os seus cabelos, levemente… Hyuna mesmo assim tentou esconder o rosto inchado e pálido por debaixo das mãos esguias e sem vida.
         -Estou cansada….- Hyuna respondeu depois de uns segundos olhando para vitoria por entre os dedos.
      - Hyuna…- ela disse com o tom de repreensão.
      -Diz ao professor que não me sinto bem, por favor- a morena disse sem tirar as mãos de cima do rosto, respirando pesadamente.
       - Queres que chame o Nichkhun? A sooyun ou a haneul?- Vitoria pós a mão no ombro descoberto de hyuna, fazendo-a retirar as mãos da cara, revelando o seu olhar vermelho e inchado.
    - Anyo, eu não quero que me vejam assim…diz só ao professor- hyuna virou-se costas para vitoria e fitou a parede até a loira sair.
 
     - Sabes que podes contar comigo- vitória disse antes de sair.
    - Vitoria?—Hyuna virou-se para a porta e vitoria parou para olhar para hyuna.
- A minha mãe está doente…ela precisa de cirurgia….mas não tem dinheiro…é por isso que estou assim…não contes a ninguém--- Vitoria abraçou hyuna com força e deu palminhas nas costas desta.
-- Não te preocupes eu não contarei, mas não podes ficar assim….vais acabar por ficar doente também , tens que ser forte para ela ser forte também hum?— hyuna acenou com a cabeça e vitoria deu-lhe um beijo na testa.
-- Descansa mais um pouco, e se tiveres vontade de ir á aula manda mensagem que eu venho ca ter, agora por favor não fiques sem comer nada.
Vitoria saiu , deixando hyuna sentada na cama olhando a manhã bonita e gélida que crescia lá fora. Arrastou o seu pequeno e frágil corpo até á janela aberta de seu quarto e suspirou , mentalizou-se que não podia chorar o dia todo enquanto via os pequenos pássaros saindo de seu ninho . Cruzou os braços e olhou as arvores do jardim da escola enquanto que pensava numa maneira de conseguir dinheiro para a operação da mãe.
*******
Vitoria corria para chegar ao refeitório com a esperança de que este ainda se encontra-se aberto quando lá chegasse. Olhou ao relógio enquanto seus pernas davam grandes paços rápidos , faltavam exatamente 20 minutos para começar a primeira aula da manhã, o que não lhe ajudava muito visto que ainda não tinha tomado o pequeno almoço, numa das viragens de corredores sem se aperceber  bate contra outra pessoa que cruzava o corredor ao mesmo tempo que ela e quando se deu conta já estava estendida ao comprido pelo corredor, com uma dor aguda ardendo nas suas costas  e um corar nítido nas suas maçãzinhas no rosto.
- Só mesmo eu  - ela queixou-se tentando levantar-se.
- Estas bem?- aquela voz familiar a fez abrir os olhos e o seu rosto suavizou quando o outro lhe estendeu a mão.
- Deah, estou bem- ela apoiou seu corpo na mão de kibum e em segundos já estava a pé á sua frente.
- Desculpa- o kibum disse coçando o pescoço, enquanto um pequeno sorriso crescia-lhe pelos cantos da boca.
~Desculpa eu, eu é que vinha a correr- vitória estranhou o sorriso de kibum na verdade ela nunca o tinha visto a sorrir, lembrou-se do refeitório e olhou ao relógio.
- Omo preciso de ir ate já- ela disse afastando-se do kibum em passos apressados.
^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^
 -- Que boca escancarada é essa?— Joon escondeu uma gargalhada enquanto apontava para os lábios do jonghyun que ainda não se tinham fechado desde que acordara ao lado da pessoa mais importante da sua vida.
--Eu acho que posso adivinhar.— Minho sorriu e bateu no ombro do Joon que também já não conseguia esconder o sorriso.
--Que tal vocês irem cuidar da própria vida – Jonghyun entrou na sala e sentou-se no lugar habitual antes de dar um olhar ao kibum que escondia o seu rosto vermelho.
Minho e joon entreolharam-se e desmancharam-se a rir . Minho virou o rosto e encontro o taemin olhando para ele. Minho sorriu como o taemin corava quando ele notou que o minho também olhava para ele.
-- Tenho que ir cuidar da minha vida, vê se cuidas da tua também- minho pós a mão no ombro do joon e afastou-se em direção ao taemin.
Joon olhou-o o minho afastar-se deixando aquelas palavras que o deixou confuso mas ele logo apercebeu-se quando reparou no Mir olhando para ele do fundo do corredor. Mir virou o rosto e saiu do seu alcance de visto, joon perguntava-se se ele não viria á aula e entrou na sala.
Minho já estava ao lado do taemin, ele observava taemin corando. Ele achava-o adorável que por momentos esqueceu-se que estava em publico e beijou a bochecha rosa de taemin que abriu os olhos quanto podia. Naquele momento o taemin só podia sentir os lábios do minho em seu rosto e o seu coração batendo como um louco.
-Queres sair depois das aulas?- Taemin ainda não conseguia processar bem aquilo que o minho dizia por isso só acenou com a cabeça.
-- ahah ótimo- ele puxou o taemin para seus braços e cheirou os seus cabelos.
*******
- Kibum?- o onew olhou-o com um olhar zangado. Kibum pensou algumas vezes tentando perceber o porquê daquele olhar e algo brilhou na sua mente.
- Oh ! eu posso explicar porquê que não apareci ontem em casa…mas…” onew sorriu.
- Não faz mal mas hoje temos que ir é sexta-feira assim que iremos dormir la o fim-de-semana, o taemin veem também.- o onew parou a meio da frase e kibum olhou-o curioso.
  - Convidei o minho e o jonghyun também…- kibum olho-o com os olhos abertos e sentiu-o o seu rosto corar, ele já tinha dormido ao lado do jonghyun, melhor na noite anterior mas nada aconteceu,…e se o jonghyun tentar alguma coisa? O.O—kibum não conseguiu deixar de se perguntar a aula inteira, enquanto tentava desviar-se dos olhares confusos do jonghyun.
Kibum POV
 
Desviei o olhar sempre que o jonghyun olhava para mim, mesmo sem querer lembrava-me do dia anterior…da maneira que ele se tinha declarado, empurrando seu corpo no meu. Senti o meu rosto corar, na noite anterior tinha-mos dormido abraçados…nada de mais havia acontecido. E se ele tentar alguma coisa esta noite? Ele não certo? Vai esta lá muita gente. Tem calma kibum ele não vai fazer nada- eu respirei fundo e quando soube tinha os meus olhos nos do jonghyun.
Não posso negar que este pensamento de que ele me vá tocar durante a noite lá em casa não me excite, pelo contrario sinto o meu sangue pulsar com mais força. Sinto o meu corpo arder por dentro. Bati-me mentalmente – pareço um pervertido a falar- eu fechei os olhos com força antes do  sino tocar para o primeiro intervalo. Nem acredito que pensei no jonghyun as duas horas de aula. -.-
   - Pensado em mim?- Senti o jonghyun abraçando a minha cintura, apoiando a sua cabeça no meu ombro. Meu coração batia como um louco, amaldiçoei-o por se entregar tão facilmente.
    Porquê que dizes isso?- eu não pude deixar de sorrir na sua conclusão. Eu estava a sorrir, ele me faz sorrir…agora sorrir parecia a coisa mais fácil do mundo. Senti um aperto no meu coração, eu só costumava sorrir para meus irmãos. Acordei dos meus pensamentos quando o senti beijar meu pescoço ao de leve, cheirando meus cabelos e suspirando contra o meu pescoço. Ele apertou meu corpo contra o dele, senti as minhas pernas tremerem… era este o seu efeito em mim.
   - Estas corar- Podia dizer que ele sorria.
 -- Anda- ele pegou na minha mão, entrelaçando os dedos. Ele levou me o mais rápido que pode para o jardim detrás da escola , onde quase ninguém ia. Olhei em seus olhos e ele sorria para mim, encostou me a uma arvore e abraçou-me fortemente.
  -Senti a tua falta- ele disse em seu abraço. Abracei-o de volta e sorri.
  - Precisavas de vir para aqui dizer me isso?- eu olhei em seu rosto que agora expressava uma careta.
 - Não estragues o momento- ele disse pondo os seus lábios nos meus, lentamente , apreciando cada segundo, explorando cada milímetro da minha boca. Aos poucos o beijo transformava-se em fome.
No pov
O beijo era levado a outras dimensões, mas ambos ainda precisavam de ar para viver .
 -- O que foi isso?- kibum sorriu ofegante.
 - Foi o começo..- jonghyun beijou o kibum mais uma vez,  mas desta fez suas mãos entravam por debaixo do uniforme de kibum, que tremia a cada toque do seu namorado. Kibum gemeu quando sentiu as mãos de jonghyun por cima de seu peito, acariciando-os. Jonghyun muda os lábios para o pescoço de kibum, e chupou-o com força. Kibum gritou da dor e do prazer que jonghyun lhe deu. Kibum já estava excitado e jonghyun sabia disse desde o primeiro beijo.
   - Jonghyun~~~é melhor…~kibum tentou afastar o jonghyun, mas o outro era mais forte que ele.
  - É para saberem que já tens dono- jonghyun murmurou num tom de voz mais baixo e sensual que tinha e ainda sorriu para kibum. Este sentiu um ar frio no estomago quando ouviu aquelas palavras, ele queria o jonghyun mas ele estava com medo.
 - Jonghyun~~~- Kibum tenta mais uma vez afastar o jonghyun que já estava a desabotoar a camisa ao mais novo.
 - Quem mandou olhar para mim daquela forma na sala de aula?- jonghyun pos os seus lábios no peito de kibum.
  --mmmhnnn~~  - kibum gemeu com o toque repentino.
 - Tão sensível- jonghyun sorriu.
 - Idiota- kibum conseguiu fugir mas jonghyun agarrou-lhe o pulso.
 - Não queres que te ajude com esse problema- jonghyun sussurrou sensualmente ao ouvido do kibum que tremeu com aquele ar quente em seu ouvido, mas acabou por afastar o jonghyun.
 - Não preciso-  jonghyun olhou-o afastar-se.
*****
Kibum Pov
Entrei no meu quarto e fechei a porta com força, eu queria que a nossa primeira vez fosse especial, não apenas sexo, isso só me faz duvidar do seu amor por mim, sentia as minhas lagrimas caírem por meu rosto.
  - Quem é que ele pensa que eu sou..- olhei para as minhas calças, não acredito que tinha ficado assim só por um beijo. Que vergonha, olhei mais uma vez eu tinha que resolver isto o tecido estava a fazer doer.
- Dino idiota…-
Tirei as calças para baixo e suspirei de alivio e ao mesmo tempo não pude deixar de gemer quando o ar frio abraçou o meu membro. Levei a minha mão até ele com medo, era a primeira vez que me ia tocar. Eu nunca tinha feito isto, eu nunca tinha me sentido com necessidade. Tirei os bóxeres e comecei a massagear devagarinho, eu não sabia o que estava a fazer mas era bom eu comecei a imagina que era a mão do jonghyun que me estava a tocar, os seus lábios que me aqueciam.
---Jonghyunnnn haaa~~- escapou-me sem pensar.
No pov.
- jonghyun~~~~- kibum murmurou baixinho. Jonghyun sorria, impaciente, vendo o seu namorado se tocando por ele, chamando o seu nome. Ele queria ser ele a tocar-lhe, a dar-lhe prazer mas ver o que kibum estava a fazer só o excitou ainda mais.
 Kibum tocou na sua ponta , provocando-a. Ele abriu os olhos e viu o jonghyun sentado na cama á frente, ele ficou em choque. Ele nem o tinha ouvido, seu rosto começou a queimar. Jonghyun aproximou-se de kibum e abaixou-se a sua frente. Ele sorriu para kibum, que ainda estava chocado de o ver ali, de o ter assistido. Kibum queria esconder-se num buraco e nunca mais sair de lá.
   - Então preferes ser tu sozinho….Ou vais deixar-me ajudar te?- jonghyun olhou para kibum, com os seus olhos brilhando enquanto seus lábios sorriam… provocando, querendo mais de kibum, suplicando-lhe que o deixa-se tocar.
  - Hum~~~- Jonghyun cantarolou baixinho, apoiando o seu queixo no joelho de kibum que ainda não conseguia encontrar as palavras certas para toda aquela situação. Na verdade todo o seu corpo tremia, ele queria o jonghyun…ele queria o seu toque e ver o jonghyun daquela forma, aproximando-se dele de forma tão perigosa…fazia-o engolir em seco, sem saber como reagir. Kibum fechou os olhos , jonghyun tomou isso como um convite.
                                                                ***
- Vais continuar a fugir?- Joon sentou se num banco ao lado de Mir, que assim que ouviu estas palavras preparou-se para se levantar e deixar o joon. Mesmo que ele quisesse estar a seu lado. Mesmo que ele amasse aquele idiota como nunca amou ninguém, mas ele sabia que tinha construído a sua imagem de forma errada. No fundo ele sabia que não tinha o direito de estar assim com o joon. Provavelmente para joon mir estava-o a usar para ter mais diversão ou ser mais popular.
- Não estou a fugir- Mir levantou-se mas Joon pós se á sua frente, olhando-o daquela forma profunda, como ele faz sempre e que Mir luta consigo mesmo para resistir.
- Não? Eu podia jurar que sim..o quê ainda estas zangado? Eu estava a brincar quando te dei o dinheiro..—joon continuava olhando mir nos olhos. Mir perdeu-se neles, era normal …era quase um habito…mas é isso que acontece certo? Perder-se nos olhos daquele que nos faz tremer, que estremece o nosso coração, que nos faz rir e chorar- Mir pensou para si mesmo.
 - Eu não estou, não quero chegar atraso á aula- Joon pegou na mão de mir e levou-o para a casa de banho mais próxima, ignorando os olhares pelos corredores.
 - Larga-me- Mir tentou fugir, mas joon prendo-o dentro de uma das portas da casa de banho. Apertou o corpo do Mir contra a parede fria e seu corpo.
 - O que eu disse? Quem dá as ordens sou eu…- Mir olhou-o assustado...
- O que estas a fazer…- Joon praticamente tinha rasgado a sua camisa de uniforme, Mir sentiu que devia fugir, mas faltou-lhe as forças, ele queria ficar…ele sentia falta do joon.
  -Vou ensinar-te…a nunca mais me ignorares…eu não gosto nada- joon ronronou na voz mais sexy que consegui fazer no ouvido do Mir. Mir gemeu baixinho, ele não queria dar a parte mais fraca, ele assustou-se com o facto de que o Joon o ia punir na casa de banho, onde poderia entrar qualquer um…mas ele não pode negar que isso o excitou…
 - Joon aqui n..não…- Mir esta ofegante, ele não consegui pensar ou respirar normalmente. O joon tinha começado a tirar a camisa ao Mir. Ele sabia que o Joon queria brincar com ele, queria faze-lo sofrer por ter tentado fugir dele. Joon beijou os lábios do Mir com força, chupou-os e no fim mordeu ate mir sangrar. Mir gemia, a dor era aguda mas o prazer era maior, era o joon…ele não o afastaria…nunca.
  - Eu vi-te…ontem… com um rapaz--- Joon chupou com força o pescoço do Mir, deixando marcas em cada espaço de pele que os seus lábios haviam parado, ele queria marcar Mir como seu. Ele queria mostrar a qualquer um que se aproxima-se dele, que ele tinha  alguém. Mir contraiu o corpo e empurrou a cintura contra cintura do joon, fazendo-o sorrir conforme ele mudou os seus lábios para o peito do Mir.
  - Tão impertinente…- Joon lambeu  o peito de mir, sua língua brincou com os mamilos de Mir que queria mais de Joon..
 - Eu não estava……eu…..sou ---- Mir contorceu-se quando Joon mordeu o seu mamilo, rolando-o com a língua.
  - Diz …-- Joon sorriu levando os seus lábios para a barriga de mir, arrancando-o as calças…. Um sorriso fugaz apareceu nos lábios de joon vendo o tamanho de Mir…- Diz mir…. És…- Joon acariciou o tamanho de mir com o rosto, provocando-o …
  - Eu sou…eu sou teu Joonnnn~~ Joon engoliu o comprimento de mir por completo, ele queria brincar com ele…mas ele não se conseguiu conter quando o mir lhe disse que ele era dele... mas mesmo assim ele ainda o queria punir por não ter atendido as suas chamadas, não ter respondido as suas mensagens…deixando-o frustrado, preocupado…mir era dele e de mais ninguém…
  - Joon por favor….- mir engoliu em seco, suas pernas tremias, suas voz era difícil de sair de seus lábios – não…brinques….eu …..—Joon tapou a ponta do membro de Mir, ele não o ia deixar vir ainda ele tinha outros planos…
 -- Hum~~~- joon cantarolava sorrindo subindo para beijar os lábios de Mir, deixando-o provar de seu próprio sabor…
 - Eu também queroo….- Mir corou, olhando para os boxers de Joon, ele podia ver o quanto ligado o joon estava e ele queria tocar-lhe também…
  -- Anyo…eu não acho que preciso…- Joon sorriu, mas mir sentiu uma magoa…* ele não quer que lhe toque?,* mir sentiu as lagrimas nos olhos, o Joon devia estar mesmo zangado com ele- ele pensou para si, escondendo o rosto de Joon.
 - Idiota…o que eu quis dizer…é que não consigo esperar mais…- Joon beijou os lábios de mir, com a mesma fome de antes, ele queria senti o calor de Mir. Ele virou o mir de costas e tirou o boxers, posicionou-se em Mir.
 - Sem preparação??- Mir perguntou assustado, por mais vezes que ele já tenha feito isto, ele nunca consegue superar a dor.
 - Eu não acho que mereças…- Joon entrou em mir, cru e frio como ele queria . Mir engasgou-se com a dor repentina, todo o seu corpo ardia. Mesmo que joon o queria ver sofrer, ele esperou ate mir ficar confortável e começou a mover –se quando mir gemeu baixinho…
 - Eu amo-te..—Joon disse ao ouvido de Mir e deixou se ir. Joon apoiou as suas mãos nas do mir que se apoiava na parede. Para Mir era normal ouvir a palavra “amo-te “ dos lábios do joon, ele sabia que não eram verdadeiras mas mesmo assim faziam-no sentir amado, faziam-no estremecer, fazia o seu coração acelerar….ele não se importava se lhe doía…afinal…era Joon que estava fazedor isso com ele…
 -- Joonie…eu quero mais…hhhhaaa-Joon ficou irritado, ele queria que o Mir lhe tivesse dito “amo-te” também, ele precisava de o ouvir a dizer isso.. então ele foi com mais força…e mais….ele não deixou o mir vir primeiro e tapou-lhe o membro de novo…ele queria faze-lo sofrer mais…
 --Joon…por favor….- Mir sabia o que o joon queria o ouvir, ele sempre o faz dizer…mas hoje ele não queria  dizer … mas joon era mais forte que ele…seu amor era mais forte…
 -- Eu a….amo-te joon….- Joon deixou mir vir e ele veio ao mesmo tempo, joon sentou-se no chão da casa de banho e mir ficou sentando em cima dele. Mir quis levantar-se mesmo não tendo forças em suas pernas..
 - Fica…- O sentimento de sair dentro de Mir assustava-o, ele queria continuar sentindo aquele calor…. Mir ficou confuso mas deixou-se ficar , ele sentiu o joon ficar excitado de novo…
 - Joon…eu assim não vou conseguir andar…-- mir sorriu deixando a sua cabeça cair no peito de Joon que sorria também…
 - Sabes que isso ainda me excita mais…- Mir sorriu, sentindo o joon completamente duro só por o imaginar coxo…
- idiota—Mir começou a mover a sua cintura, provocando o Joon que gemia o seu nome…
 - Eu adoro quando tu gemes o meu nome…- Joon ficou surpreso, mir nunca tomava a iniciativa ou dizia este tipo de coisas, mas de alguma forma ele gostou…
 --Mir.~~~~- assim~joon puchou os cabelos de mir para tras e bateu-lhe forte…
- humm….assim--- mir gemeu…
- Mir…não me faças magoar-te mais…senão na próxima eu mato o gajo que falar contigo~~- mir sorriu, ele gostava de ver o joon possessivo
- Eu não vou…eu amo-te- Joon beijou os lábios de mir, mas pela primeira vez foi suave, paciente e carregado de ternura, mir parou de mover a cintura….
- És meu…..- joon sorriu para o mir….
                                                          ****
Jonghyun pegou no comprimento do Kibum, e tentou dar o seu máximo pelo kibum, não brincou, nem prvocou ele queria que o kibum tivesse o máximo de prazer possivel
-- ahhh jonggie~~hhhh~ Jonghyun olhou para o kibum.
-- Jonggie?-… kibum virou o rosto--- eu gosto—jonghyun engoliu toda  o membro do kibum fazendo-o contorcer-se todo ao toque repentino de jonghyun.
--Mais~~~.. – as palavras pareciam difíceis de se pronunciarem naquele momento.
- Pensei que não querias—kibum corou e deu lhe um olhar de morte, ele reparou que jonghyun também se acariciava a si próprio .
 - Não sou de ferro—ele riu e começou a fazer mais rápido em si e no kibum e pouco depois dos dois vinham ao mesmo tempo.
Jonghyun escorregou para o lado de kibum, e deitou-se ao lado dele, abraçando-o.
-- Bieneh—kibum escondeu o rosto no peito de jonghyun,
- eu gostei, sabes quantas vezes eu imaginei verte assim….gemendo por mim?—kibum corava de novo, enquanto jonghyun sorriu sedutoramente e procurava os lábios de kibum novamente.
 - Estou louco por ti…desde que te vi pela primeira vez…desde o nosso primeiro beijo naquela festinha no quarto do joon, eu queria brincar contigo….mas assim que os meus lábios tocaram nos teus…tudo se apagou, e luzes começaram a estalar, eu só podia sentir os teu lábios….meu coração batia como um louco…o que estou a dizer é que…eu amo-te á algum tempo…e eu vou esperar mais se for preciso…eu vou esperar ate tu te sentires preparado…porque eu sou teu…- kibum olhou o jonghyun atentamente, sorrindo o tempo todo como um maluquinho, seu coração batia mais rápido a cada palavras que jonghyun dizia…
 - Eu também te amo…- kibum abraçou o jonghyun com força.
 - Mas agora temos que ir para a aula- jonghyun fez uma careta…
 - A estragar o momento de novo…- Jonghyun gemeu abraçando o kibum, tendo esperança que este desiste-se de ir para a aula.




_________________
                                      
                     No one never really said that life was easy then why was i so restless, so careless.....

Spoiler:
 

 Ultimate Bias : Taemin♥Nichkhun  Ultimate son: Chanyeol  Ultimate OTPJongKey♥2min  Bias List ultimate  Ruiners: Myungsoo♥Xiumin   (─‿‿─)


                                                                       
Voltar ao Topo Ir em baixo
AndieLiu
Dance Machine
Dance Machine
avatar

Feminino Mensagens : 5853
Reputação : 4
Data de inscrição : 31/05/2011
Idade : 23
Localização : Wanted Dead or Alive

MensagemAssunto: Re: A new life ~update 36 ~30-12-2014   Sex 12 Jul - 2:55:58


I'M DYING! OF HEAT! DO YOU KNOW THAT?


AWWWWWWWWWWWWW, OMFG... GOSHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH~
*respirar fundo* GODDDDDDDDDDDDDDDDDDDDDDDD *abana-se com bloco de notas* CALOR CALOR E EU COM JANELA ABERTAAAAA!!!! *tentando controlar-se*

Okay, okay... bem, para começar aquele começo foi maravilhoso, estupendo, sexy e tudo o que é divinal no mundo *-* está maravilhoso... ah, e acabei por ouvir a R u Ok? o tempo inteiro... não me consegui ver-me a pensar numa música diferente, you know... so, prontos... ficou ela *sem estar a racionar o que dizer* e... aigoo que sofrimento da Hyuna e eu odeio a Vitoria, se ela magoar a Hyuna eu esfolo-a viva!!! Juro!
E omgggggggggggggggggggggggggggggg momentos JongKey perfeitos e maravilhosos e quentes e sexys e e e e e e .... GOSSHHHHHHHHHH~ *respira fundo*
You realize how much I loved these scalding moments??
I LOVE THEMMMMMM~  

E, oh minha Santidade, eu pareço uma desesperada e perversa mas *engole seco e abana-se* gosh Lee Joon tu matas-me a seres assim tão possessivo com o meu Mireu, é que nem imaginas o quão bem eu imaginei a cena, oh Deus, eu estou a ficar maluca!!!!!
FOI PERFEITOOOOOO~ *estado de mais-que overdose emocional*   
Os meus sonhos hoje vão estar corruptos! Ainda bem que todos os sonhos são CENSURADOS...

Okay, eu acho que não disse coisas de jeito pois não? Então pah... EU AMEI PROFUNDAMENTE! Actually, more than deeply... eu acho que quando acordar vou ter que vir aqui reler para ter a certeza de que não foi um sonho... you know... perv dreams and so...

Gosh, I'm already waiting for more!!!
  
Voltar ao Topo Ir em baixo
Juu
Moderador
Moderador
avatar

Feminino Mensagens : 10710
Reputação : 9
Data de inscrição : 06/01/2011
Idade : 21
Localização : What did i become ???0.0

Ficha do personagem
Grupos:
0/10000  (0/10000)
Aulas&Pontuação!:
0/10000  (0/10000)

MensagemAssunto: Re: A new life ~update 36 ~30-12-2014   Sex 12 Jul - 3:07:12

Ahaha se a vitoria e ma nao gostas se a vitoria é boa não gostas (aigo nem do nome dela eu gosto)
 ahahaha  ainda nao podia dar jongkey completo buahaha
Bem eu tinha que achar uma maneira de o joon punir o mir de uma forma sedutora e que fizesse o mir ceder, bem que o mir e so o joon olhar para ele para ele ceder hehe *-* eu diga se de passagem que tambem imaginei muito bem, talvez bem demais O.O
ahaha eu disse logo no inicio que nao me responsablizava por qualquer dano >,Demorou mas aqui esta e com double rated buahaha
Ainda bem que gostas-te (?) unnie hehe quase que caias para o lado não? 
Komawo per leres ^-^

_________________
                                      
                     No one never really said that life was easy then why was i so restless, so careless.....

Spoiler:
 

 Ultimate Bias : Taemin♥Nichkhun  Ultimate son: Chanyeol  Ultimate OTPJongKey♥2min  Bias List ultimate  Ruiners: Myungsoo♥Xiumin   (─‿‿─)


                                                                       
Voltar ao Topo Ir em baixo
Pirili
Dream Girl
Dream Girl
avatar

Feminino Mensagens : 4188
Reputação : 0
Data de inscrição : 01/04/2013
Idade : 30
Localização : Jinki heart!

Ficha do personagem
Grupos:
0/10000  (0/10000)
Aulas&Pontuação!:
10000/10000  (10000/10000)

MensagemAssunto: Re: A new life ~update 36 ~30-12-2014   Sex 12 Jul - 11:19:12

Elá...a Juu andou a ver os tópicos dos rabos e ficou inspirada!  Isto é material da pesada.

Muito bem dona Juu gosto da forma como escreves as cenas mais hot. É que há pessoas que as transformam numa ordinarisse e não tem classe nenhuma. Mas as tuas estão muito bem escritas.

Só há uma coisa que não gostei, continuo sem saber quem é a espia do colégio....raios para isto! Parece que a victoria não é...aish...

Os próximos capítulos vão ser quentes com eles a passar um fim de semana todos juntos. Coitado do Onew que vai segurar a vela... 

_________________
~At the end of a busy day
Emptiness is always there
But my sadness is comforted by you
You are my song~An Ode To You ~ 



Voltar ao Topo Ir em baixo
Juu
Moderador
Moderador
avatar

Feminino Mensagens : 10710
Reputação : 9
Data de inscrição : 06/01/2011
Idade : 21
Localização : What did i become ???0.0

Ficha do personagem
Grupos:
0/10000  (0/10000)
Aulas&Pontuação!:
0/10000  (0/10000)

MensagemAssunto: Re: A new life ~update 36 ~30-12-2014   Sex 12 Jul - 14:01:38

Ahaha talvez  :13: 
Eu não gosto de usar calão, ja escrever mamilos eu fico  :43:  não soa tão bem como em ingles weird
Ainda bem que gostas unnie ^-^ Já fazia algum tempo que eu não escrevia rated, até ja estava com medo e vergonha -.- vão pensar que sou uma tarada( tecnicamente eu sou O.O o kpop ...violou me o cerebro >.<)
Hahah no fim de semana ? vamos ver hehe
E  não te preocupes que logos descobres quem é a espia ^^
Komawo por leres unnie <3  

_________________
                                      
                     No one never really said that life was easy then why was i so restless, so careless.....

Spoiler:
 

 Ultimate Bias : Taemin♥Nichkhun  Ultimate son: Chanyeol  Ultimate OTPJongKey♥2min  Bias List ultimate  Ruiners: Myungsoo♥Xiumin   (─‿‿─)


                                                                       
Voltar ao Topo Ir em baixo
AndieLiu
Dance Machine
Dance Machine
avatar

Feminino Mensagens : 5853
Reputação : 4
Data de inscrição : 31/05/2011
Idade : 23
Localização : Wanted Dead or Alive

MensagemAssunto: Re: A new life ~update 36 ~30-12-2014   Sex 19 Jul - 19:27:16

Juu XP escreveu:
Ahaha se a vitoria e ma nao gostas se a vitoria é boa não gostas (aigo nem do nome dela eu gosto)
 ahahaha  ainda nao podia dar jongkey completo buahaha
Bem eu tinha que achar uma maneira de o joon punir o mir de uma forma sedutora e que fizesse o mir ceder, bem que o mir e so o joon olhar para ele para ele ceder hehe *-* eu diga se de passagem que tambem imaginei muito bem, talvez bem demais O.O
ahaha eu disse logo no inicio que nao me responsablizava por qualquer dano >,Demorou mas aqui esta e com double rated buahaha
Ainda bem que gostas-te (?) unnie hehe quase que caias para o lado não? 
Komawo per leres ^-^

Espera aí, EU AMO A VITORIA, mas é assim quando ela entra numa fic em que tem a Hyuna e o Khunnie eu não gosto dela, sabes porquê, tu sabes!
OMG TU PÁRAS COM ISSO, EU ESTOU A LERRR! Omg, Joon look at Mir again and again and again and make out with him them rape him hard!
Eu sei que disseste mas mesmo assim tenho que transmitir todos os meus sentimentos à autora!
Eu??? Eu só não caí para o lado por estar na cama com almofadas nas costas e estar literalmente encolhidinha agarrada ao pc feita louca!
E não me agradeças, assim sinto-me ofendida!!!!! *wink*
Voltar ao Topo Ir em baixo
Juu
Moderador
Moderador
avatar

Feminino Mensagens : 10710
Reputação : 9
Data de inscrição : 06/01/2011
Idade : 21
Localização : What did i become ???0.0

Ficha do personagem
Grupos:
0/10000  (0/10000)
Aulas&Pontuação!:
0/10000  (0/10000)

MensagemAssunto: Re: A new life ~update 36 ~30-12-2014   Sab 20 Jul - 16:55:09

hahaha doida__
Elá tbm não precisas de dizer que a amas   
Joomir *-*
aigoo deah bieneh eu habito hehe ^^

_________________
                                      
                     No one never really said that life was easy then why was i so restless, so careless.....

Spoiler:
 

 Ultimate Bias : Taemin♥Nichkhun  Ultimate son: Chanyeol  Ultimate OTPJongKey♥2min  Bias List ultimate  Ruiners: Myungsoo♥Xiumin   (─‿‿─)


                                                                       
Voltar ao Topo Ir em baixo
AndieLiu
Dance Machine
Dance Machine
avatar

Feminino Mensagens : 5853
Reputação : 4
Data de inscrição : 31/05/2011
Idade : 23
Localização : Wanted Dead or Alive

MensagemAssunto: Re: A new life ~update 36 ~30-12-2014   Dom 21 Jul - 4:01:02

Okay, já não digo que a amo... aliás eu amo mais a Amber e a Sulli mas okay...
Sabes, eu descobri que é ou JooMi ou JoonMir... e nós com a mania do JooMir.
Eu sei que é o hábito!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Juu
Moderador
Moderador
avatar

Feminino Mensagens : 10710
Reputação : 9
Data de inscrição : 06/01/2011
Idade : 21
Localização : What did i become ???0.0

Ficha do personagem
Grupos:
0/10000  (0/10000)
Aulas&Pontuação!:
0/10000  (0/10000)

MensagemAssunto: Re: A new life ~update 36 ~30-12-2014   Qui 5 Set - 21:39:04

CAP 27
hehhe fibalmente aqui enjoy <3





A tarde caia por fim e as 19 horas aproximavam-se mais uma vez, podia-se sentir o ar doce da primavera enchendo os pulmões de cada um. Parecia que cada coração pouco a pouco era invadido por um sentimento de leveza que os aconchegava. O sol preguiçoso espreitava por ente as altas árvores que decoravam a escola, observando a vida de cada sem poder fazer nada senão iluminar os corações solitários e o amor que nascia e se preservava em alguns corações.
O vento soprava suavemente tomando como seu aquele cenário que enchia os olhos de Kibum e os seus amigos. Ele suspirou fundo quando reconheceu o carro que havia parado a alguns metros deles. Onew correu para seus pais, era evidente a alegria que parecia carregar em seu coração, abraçou-os e beijou o rosto de sua mãe antes de olhar para os seus amigos. Kibum parecia não saber como avançar, metade do seu coração dizia para avançar e deixar-se levar por aqueles sentimentos que o queriam abraçar mas por um lado ele sentia que traia alguém em seu coração. Ele olhou para a “ sua família”  e suspirou …era como que se ele pudesse ver o que eles queriam….correr para eles com o mesmo sorriso do onew? Era cedo…talvez ele nunca o pudesse fazer….era demasiado doloroso viver entre o medo e o desejo….Ele sentiu um aperto na sua mão e olhou para os olhos que o haviam observado atentamente e deu-lhe um leve sorriso…Jonghyun agora podia faze-lo sorrir, ele tinha-o feito sorrir sem ser para os seus irmãos….ele tinha feito o seu coração reviver das cinzas que o haviam queimado….E de novo, com um pouco de coragem depois de ter visto o sorriso do seu amante, ele olhou para aqueles rostos que o esperavam…..ele prometeu a si mesmo que nunca diria palavras como “ mãe e pai” ….Era algo que ele apagara do seu dicionário á muito tempo….a sua família….a sua única e verdadeira família que nunca o magoou eram as duas crianças que ele tinha deixado para trás naquele orfanato com a promessa que um dia os teria no colo mais uma vez.
- A tua família está á espera que reajas ou vão ficar magoados- Jonghyun quebrou o silêncio, largando a mão de kibum pela primeira vez. Kibum não quis admitir mas ele gostou da forma que os braços do jonghyun pareciam se encaixar tão perfeitamente na sua cintura, esse pensamento afastou a sua tristeza e fez-o sorrir. E mesmo ele ainda não considerar como sua aquela família, que o olhava de longe com alguma esperança pintada nos seus olhos , ele não queria fazer sofrer a família que acolheu e lhe deu a possibilidade de conhecer os seus amigos e estudar num colégio decente.
Jonghyun pegou na mão do seu namorado e dirigiram-se para o carro, os dois se curvaram em respeito e a senhora Lee acariciou o rosto do kibum. Segundos se passaram e Taemin e Minho de mãos dadas faziam o seu percurso ate eles.
- Parece que aconteceu muita coisa esta semana.- A senhora Lee sorriu docemente.
-Que tal falarem sobre isso pelo caminho.- O pai do onew sugeriu e todos entram no carro de 7 lugares.
A viagem demorou pouco tempo no máximo nem chegou a dois quartos de hora, onew estava irrequieto e os seus pais de vez em quando olhavam um para outro com um sorriso nos lábios. Kibum notou que algo parecia fora do normal. Mas não deu grande importância, ao invés concentrou a sua atenção ao seu dino que dormia em seu ombro. Ele sorriu observando seu rosto, cada espacinho parecia tão especial em seus olhos, seus lábios pareciam chamar os seus para mais um beijo…mas ele teve que se conter.
- Eu depois dou-te uma foto- Jonghyun abriu os olhos e sorriu para o seu namorado que revirou os olhos e fixou o seu olhar no cenário fora da janela, escondendo o seu corar. Ele odiava sentir-se assim.
-Idiota…- Kibum murmurou para si mas foi o alto suficiente para o jonghyun ouvir e não deixar aquele sorriso tão característico seu.
O carro parou em frente á casa Lee e todos fizeram o seu caminho para fora do carro.
- Kibum, espera aqui um pouco….eu e o teu…quer dizer o pai do onew temos uma surpresa para ti.- Kibum poderia ter adivinhado pela forma que eles se comportaram no caminho todo.
-A ideia foi minha então a surpresa também é minha*pout*- O onew disse cruzando os braços. Todos riram enquanto os pais do onew entravam na casa e poucos segundos depois saíram.
Mais uma vez o coração do kibum estava cheio de emoções e ele mesmo não sabia como as tirar dentro dele. Ele queria gritar, chorar, correr para a pessoa que estava a provocar-lhe tais sentimentos mas ele não se conseguia mover.
- Oppaaa- Ela correu para seus braços ele abraçou-a com toda a sua força, ele tinha medo que daquilo ser uma partida da sua saudade que batia em seu coração como um louco, ele tinha que aquele sentimento durasse tão pouco tempo. Aos poucos as lagrimas cobriam-lhe o rosto  mas seus lábios sorriam, nem mesmo para jonghyun o seu sorriso se iluminava desta forma é um amor diferente…uma amor que o preenche.
- Minha….eu tive….tantas saudades…- Kibum chorou, e todos a redor pareciam querer partilhar de suas lagrimas.
^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^
A mãe do onew explicou que tinha trazido a MinAh apenas para ficar durante o fim-de-semana e que não pudera trazer o Eunwoo devido a deficiência que o incapacitava. Kibum abaixou o rosto durante toda a conversa, ele compreendeu com o coração apertado. A primeira vez que ele olhou no fundo dos olhos da senhora que tentava ser sua mãe ele quis dizer obrigada mas aquela simples palavra parecia não querer deixar os seus lábios e quando finalmente ele a pronunciou ela saiu-lhe quase num murmúrio mas suficiente para criar um sorriso na mãe do Onew… Mas ainda assim ter a MinAh em seu colo era o melhor presente que lhe poderiam dar, nem que seja só durante 2 dias, poder sentir o calor do seu corpo frágil em seus braços, observar a sua respiração sossegada …deixa-la dormir em seu corpo como á muito não podia deixar…
Lentamente e com cuidado ele pousou o corpo pequeno de sua irmãzinha ao lado da irmã do onew e em silêncio fez o seu caminho para fora do quarto, não antes de lhe dar um último olhar…
- Ela adormeceu?- A voz do onew apanhou-o de surpresa mas ele conteu o seu grito, ele pediu desculpa e chamou-lhe para seu quarto…
-Oh! Ela estava cansadita…o que estas a fazer?- O kibum perguntou quando o onew começou a puxa-lo para dentro do seu quarto onde já la estavam todos os seus amigos.
- A mãe disse que podia-mos dormir todos no meu quarto.- O onew disse pulando de um lado para o outro como uma criança quando ele era o mais velho dos cinco amigos.
- Any, eu vou para o meu quarto…- O kibum apressou-se a dizer quando em seus olhos a imagem do jonghyun deitado no chão preencheu-lhe a visão. Engoliu em seco, dentro da sua cabeça passavam as memorias do que o jonghyun lhe havia feito em seu quarto, a forma como os seus lábios que agora lhe sorria tinha tocado seu corpo, as mãos em que apoiava seu corpo tinha tocado partes do seu corpo que nem ele havia tocado. Um certo tom ousado tornava o rosto branco do kibum num rosa carregado…A forma como o jonghyun sorria parecia lhe dizer que ele sabia no que o kibum estava a pensar e isso assustava-o. É o mesmo olhar provocador, sedutor e hipnotizante que ele havia adotado na primeira vez que sugeriu que se beijassem naquela festa pequena…onde tudo tinha começado…
 -Mas….- Kibum saiu do quarto do onew e fechou-se no seu ….Deitou o seu corpo nos lençóis brancos da sua cama e escondeu o seu rosto quente na sua almofada….Parecia que ele ainda podia sentir os olhos do jonghyun em seu corpo, observando-o de cima a baixo e por fim lambendo os seus olhos….
Ele ouviu a porta do seu quarto e silenciosamente fechar-se….os passos em sua direção faziam o seu corpo estremecer. Aquela pessoa infiltrou-se na sua cama e agarrou a sua cintura aconchegando o seu corpo a si. Kibum tremeu, a mistura de medo e desejo voltava a si mas desta vez de uma forma diferente…ele sabia pelo a forma como o outro lhe tocava que era o seu namorado…pelo perfume que enchia o seu coração. Ele sentiu o seu corpo arrepiar sentindo os lábios do jonghyun pousarem sobre a pele sensível do seu pescoço….ele queria mais mas ele tinha medo…
^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^
Hyuna deixou o seu corpo cansado se jogar no banco de rua, perto de sua escola, como que se de um peso morto se tratasse…ela estava cansada, tinha passado horas á procura de trabalho, correra a cidade inteira e nada….Seu estomago gemeu relembrando-a que ainda não o havia alimentado…Naquele momento os sentimentos que se tinham cravado em seu coração misturava-se com o seu desespero e os seus olhos tomavam a sua parte mais fraca…Ela queria sentir os braços do nichkhun protegendo-a, queria sentir-se segura em seu colo mas esta altura ele já deveria estar com a sua família na Tailândia e agora só usaria os seus braços na segunda-feira….
Caminhou até á escola, rezando para que a cantina da escola ainda estivesse aberta e para sua surpresa e alivio a luz ainda estava acesa. Sentou-se numa das mesas já com o seu tabuleiro cheio de comida onde afogaria suas lagrimas.
- Yah you dumb girl onde estives te o dia todo?-A haneul abraçou o seu pescoço quase a fazendo engasgar com a sua comida.
- Por ai…- Hyuna disse depois de beber um pouco de água.
- Estou preocupada….já não vens ter connosco…já não vens ter comigo, não me contas onde andas…vejo-te em baixo e mesmo assim dizes que está tudo bem.- Haneul olhou-a preocupada e a hyuna só revirou os olhos ela não se sentia como dar explicações…talvez ela estivesse a ser arrogante….nem ela sabia porque…
- Eu sei cuidar de mim própria.- Hyuna olhou para os olhos de haneul, parecia que ela estava a descarregar a raiva que tinha no seu coração na sua melhor amiga e ela sabe que se arrependeria depois…
- Antes que isto comesse a ficar pior eu vou voltar para o meu quarto….Sabes onde estou…-Haneul levantou se e ao mesmo tempo a vitoria dirigia-se para perto de hyuna. Haneul olhou para a vitoria como que se esta lhe estivesse a roubar algo dela….
- Ela parecia aborrecida…esta tudo bem?- A vitoria perguntou  devorando o seu snack.
-Logo lhe passa.- Hyuna  de repente sentiu uma culpa em seu coração mas afogou-a com outros pensamentos.
-Olha ali….é só acabar o período escolar para ela se meter com todos…as roupas são de marca…mas disseram me que ela é bolsista….- Vitória fez uma careta apontando para a rapariga de cabelos curtos e pretos do outro lado do salão…
- Asserio? Eu sempre pensei que fosse rica….- Hyuna olhou curiosamente.
-Pergunto-me como ele consegue o dinheiro para aquelas roupas….- Vitória inclinou a cabeça enquanto devorava mais um pouco do seu snack.
- Pergunto o mesmo…- Hyuna olhou-a de cima a baixo, talvez se ela pergunta-se….talvez ela pudesse ganhar dinheiro para a operação da sua mãe…
- Any way onde andas-te?...- Vitoria perguntou olhando-a com curiosidade.
- Hum por ai…- Hyuna disse sem retirar  os olhos da outra rapariga.
^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^
Haneul sentou-se na sua cama, nos últimos dias o seu coração havia sido preenchido com preocupação…o seu sexto sentido dizia-lhe que algo não estava correto. A presença de vitória incomodava-a depois de sooyun lhe ter dito que ela não se deveria aproximar.
-Hyuna?.- Sooyun disse se sentando a seu lado, pousando os braços á volta de sua amiga e descansando o rosto no seu ombro.
- Oh! Ela tem andado distante…- Haneul deixou o suspiro que havia estado preso em seu coração escapar-lhe dos lábios e mordeu o lábio inferior com força…
- Ela não vai acalmar até que algo maior a faça parar …-Haneul olhou para sooyun com surpresa e medo.
- Do que te referes viste algo, sabes de algo?-Haneul perguntou-lhe sentindo o coração a ser engolido pela esperança.
- Eu pressinto…- Ela disse abaixando o rosto…
- Sabes que tenho medo dos teus pressentimentos….acabam sempre por ser verdade…- Haneul fechou os olhos com força…
Mas conseguiu sorrir quando o seu telemóvel tremeu, naquele momento aquela pessoa era a única que podia fazer seus lábios se abrirem num sorriso.
- Oh! Só pode ser o onew…- Sooyun sorriu deixando a sua amiga ter o seu espaço para falar com aquele que podia fazer o seu coração descansar um pouco da preocupação pela sua dongsae.
^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^
Kibum queria deixar se levar pelos sentimentos que o seu corpo adotava mas ao mesmo tempo ele queria fugir e amaldiçoava seu corpo por ser tão fraco…por reagir aqueles toques de forma tão necessitada…
- Jonghyun….- Seu peito subia e descia irregularmente e jonghyun ainda so havia plantado beijos em seu pescoço…
-Estás tão sensível….key eu sei que queres tanto quanto eu….- A voz do jonghyun era profunda e rouca. A forma como o apelido do kibum soou nos lábios do jonghyun fez o seu corpo estremecer e ele quase gemeu quando sentiu a respiração quente a bater contra o seu ouvido.
- Eu….- Kibum queria livrar-se daqueles pensamentos, de seu desejo do seu sentimento de luxuria e ansiedade….Ele tinha medo…medo de ser magoado.
-Deixa-me fazer-te meu….Deixa-me cuidar de ti…- Mais uma vez aquela voz rouca e carregada de desejo entoou em todo o seu corpo que regia a cada toque e os seus lábios não conteram um gemido tímido.
^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^
Mir sentou-se na sua mesa habitual e começou a comer a sua refeição, não notando que um par de olhos pairava sobre si….Principalmente pela maneira que o talher que usava pousava sobre os seus lábios…
-Hey Mir…- A voz do seungho apanhou-o de surpresa e ele engasgou-se com o seu alimento. Ele olhou para o menino a sua frente e sorriu, mas o seu sorriso desapareceu e foi substituído por receio quando em seus olhos a imagem do joon entrando no refeitório apareceu. Ele engoliu em seco vendo como os olhos do joon olhavam para ele, ele podia adivinhar o que vinha por ai. Mesmo ele não sabia porque de tanta preocupação…afinal o joon não era seu namorado…ele simplesmente não percebia o menino possessivo…
Joon sentou-se ao lado de Mir sem desviar o olhar do menino que estava a sua frente. Se havia coisa um aluno daquela escola devia de saber de cor e salteado era que quem tivesse a ousadia de tocar na propriedade de Lee Joon criava a sua própria sepultura naquela escola.
- Bem Mir até a próxima…- Seungho piscou-lhe o olho e deu um olhar divertido para o Joon que se conteve para não deixar uma marca naquele rosto sínico.
-Era preciso olhares para ele dessa forma? Ele meu amigo?...-Mir disse escondendo  o medo que queria se apropriar da sua voz. Joon olhou-o com raiva.
- Tu sabes perfeitamente que eu só te quero a ti- Mir disse-lhe escondendo o sorriso tímido.
-Sei?.- Joon soou arrogante e isso assustou o Mir.
- Joon…- Mir disse sentindo as lagrimas perto de caírem. O joon aproximou-se do seu rosto.
-Acho que vais ter de me lembrar esta noite…- Joon murmurou eroticamente no ouvido do Mir que sentiu um arrepio por todo o seu corpo e um sorriso cresceu-lhe nos lábios.
Joon mordeu-lhe levemente a pele do pescoço, mir conteu um gemido e observou o seu amante afastar-se com um sorriso carregado de luxuria e provocação nos lábios.
^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^
Jonghyun virou o kibum para ele, ele queria ver o seu rosto. Kibum corou vendo o sorriso provocador esculpido nos lábios do jonghyun. Ele sentiu-se completo quando eles pousaram nos seus, era confuso, descoordenado, carregado de fome e desejo. Um bater na porta fez o kibum empurrar o jonghyun e por se de pe.
- Oppa?.- Ele ouviu a voz suave e sonolenta da sua irmã e acendeu as luzes .
- D-deah minah? Não consegues dormir?- A menina acenou com cabeça e kibum olhou para jonghyun que adotara uma careta de descontentamento.
- Vai para o teu quarto que o oppa já lá vai ter…- A menina saiu do quarto e o jonghyun agarrou o kibum roubando-lhe mais um beijo necessitado.
- Eu ainda vou ficar sexualmente frustrado.- Kibum sorriu e jonghyun beijou-lhe mais uma vez, desta vez apertou as nádegas do kibum fazendo-o corar juntamente com o gemido que lhe escapou dos lábios.
-Não demores muito…ou eu vou começar sem ti….- Kibum não podia corar mais, ele saiu do quarto e seu coração batia tão rápido como nunca havia batido antes… mas algo nele gostava daquela conversa suja que se misturava com a luxuria de seu corpo.
^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^
Hyuna hesitou antes de tocar no ombro da outra rapariga em busca da sua atenção. A rapariga olhou para ela de cima abaixo antes de fixar o seu olhar nos de hyuna. Era como se de alguma forma ela parece inconformada por ser interrompida por aquela estranha. Mas ela sorriu reconhecendo a hyuna.
-Se não a sobrinha do nosso querido reitor….Até estou honrada…- Hyuna podia sentir a ironia das palavras que a rapariga atirava para ela. Mas o que mais a assustou foi o facto de ela saber que ela era sobrinha do diretor do colégio.
- Como é que….-
- Não interessa vai ao ponto.- Hyuna não havia conseguido acabar a sua frase, novamente ela hesitava em perguntar aquilo para que ela tinha vindo confrontar a rapariga arrogante.
-Eu…dinheiro…quer dizer….- Hyuna não conseguia formar uma frase coerente, ela sentia se de certa forma intimidade com o olhar forte da outra rapariga.
- Precisas de dinheiro?- Como sempre direta ao ponto, hyuna abaixou o rosto antes de confirmar a sua pergunta.
-E porquê que eu haveria de saber como ganhares dinheiro?.- A outra rapariga levantou a sombracelha enquanto os seus braços se cruzavam sobre o seu peito.
- Eu ouvi que a tua família….- Hyuna engoliu em seco, estranhamente ela sentia-se assustada como que se soubesse que algo estava errado.
- Anda vamos para outro sitio.-
A rapariga levou-a para o jardim atras da escola, perto de um pequeno beco com alguns grafites que capturavam a atenção de hyuna que pensava como um lugar destes poderia existir em sua escola sem ela saber.
Ela ouviu as palavras da rapariga e com os minutos seu coração batia com força, ela não podia aceitar aquilo que ouvia.
- Não …eu não….não posso nunca….nunca…- Hyuna quase que gritou.
- Pensei que quisesses dinheiro.- A rapariga acendeu um cigarro.
- Não dessa forma.- a voz da hyuna ecoava .
-Não precisas de te assustar, não é nada de mais….podias ir pelo menos para observar…estamos a precisar de gente…- A outra rapariga disse naturalmente enquanto pousava o cigarro nos lábios e soprava o fumo esbranquiçado para hyuna.
-S.so ver?...quando-o..?.- a voz de hyuna tremia….ela sabia que era errado.
- Que tal agora.....vou para lá agora….-Hyuna apenas seguiu a rapariga para fora da escola, por becos…
- O meu nome é Eunjung…- Ela sorriu para hyuna ainda com a mesma arrogância..
- O meu é hyuna….- Ela disse quase num murmúrio.
- Eu sei…a namorada do Nichkhun….that playboy…- Hyuna olhou-a confusa mas não falou sobre o assunto.

                                                                     To be continued…..bhaaa


wait for the next okay?



bye<3


_________________
                                      
                     No one never really said that life was easy then why was i so restless, so careless.....

Spoiler:
 

 Ultimate Bias : Taemin♥Nichkhun  Ultimate son: Chanyeol  Ultimate OTPJongKey♥2min  Bias List ultimate  Ruiners: Myungsoo♥Xiumin   (─‿‿─)


                                                                       
Voltar ao Topo Ir em baixo
Pirili
Dream Girl
Dream Girl
avatar

Feminino Mensagens : 4188
Reputação : 0
Data de inscrição : 01/04/2013
Idade : 30
Localização : Jinki heart!

Ficha do personagem
Grupos:
0/10000  (0/10000)
Aulas&Pontuação!:
10000/10000  (10000/10000)

MensagemAssunto: Re: A new life ~update 36 ~30-12-2014   Qui 5 Set - 21:57:34

OMG Ju tu torturas-me....como é que queres que uma pessoa espere se tu deixas assim isto a meio e mais mistérios e aigo....!  

Eu pensava que a Eunjung se prostituía....mas ver?!wtf?! Que é que eles fazem pá? 

E nem sei o que dizer do Jongas e do Key....sacanagem Ju... 

A Victoria foi muito estranha em lembrar-se da rapariga....hm...



Há ai coisa.....

_________________
~At the end of a busy day
Emptiness is always there
But my sadness is comforted by you
You are my song~An Ode To You ~ 



Voltar ao Topo Ir em baixo
Juu
Moderador
Moderador
avatar

Feminino Mensagens : 10710
Reputação : 9
Data de inscrição : 06/01/2011
Idade : 21
Localização : What did i become ???0.0

Ficha do personagem
Grupos:
0/10000  (0/10000)
Aulas&Pontuação!:
0/10000  (0/10000)

MensagemAssunto: Re: A new life ~update 36 ~30-12-2014   Qui 5 Set - 22:03:15

Hahahaha 
é uma tortura boa<3

Veras no proximo capitulo *merong*
komawo por leres

_________________
                                      
                     No one never really said that life was easy then why was i so restless, so careless.....

Spoiler:
 

 Ultimate Bias : Taemin♥Nichkhun  Ultimate son: Chanyeol  Ultimate OTPJongKey♥2min  Bias List ultimate  Ruiners: Myungsoo♥Xiumin   (─‿‿─)


                                                                       
Voltar ao Topo Ir em baixo
AndieLiu
Dance Machine
Dance Machine
avatar

Feminino Mensagens : 5853
Reputação : 4
Data de inscrição : 31/05/2011
Idade : 23
Localização : Wanted Dead or Alive

MensagemAssunto: Re: A new life ~update 36 ~30-12-2014   Dom 15 Set - 20:46:02

Eu já li, eu já li e OMG YOU DON'T KNOW HOW I AM RIGHT NOW! *discute bem alto e seriamente* Tu nem experimentes dongsae, não experimentes, não faças a Hyuna fazer aquilo que eu penso que ela quer fazer, ouviste? Ouviste? Porra, eu adoro a Eunjung mas neste momento eu estou a odiá-la com todo o meu ser! Ninguém põe uma das minhas meninas nesses rumos!
E omg, we're gonna have JongKey and JoonMir for the next chapter, right? *-* Eu quero isso, eu quero, omg, aqueles quatro, keke.
Oh, eu sei eu sei, keke, o meu Onew loves me *fazendo-se de desinteressada*
Hmmm... que mais tenho para dizer... ah, eu pensava que os pais do Onew tinham adoptada a Minha, mas afinal, ao menos foi uma boa e doce surpresa, tão sweets ^-^
E, dongsae, vistes o que eu disse lá em cima? Vistes? Eu esgano-te pah, gosh Lee Joon para te armar em violador do Mir e faz alguma coisa para garantir a proteção da tua dongsae e onde RAIOS é que o menino Nichkhun está? Eu quero falar muito seriamente e em privado com ele, tipo AGORA MESMO!!!!!!!

De resto, está muito bom dongsae, tu continuas perfeitinha neste jogo de mistérios e sedução, aigoo, mim uma apaixonada por esta história, sinceramente... mas... tu sabes... I want more~


E este é o "último" comentário que me actualiza nas tuas coisinhas, mim estar à espera de mais, ok?


(like Tao in there...)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Juu
Moderador
Moderador
avatar

Feminino Mensagens : 10710
Reputação : 9
Data de inscrição : 06/01/2011
Idade : 21
Localização : What did i become ???0.0

Ficha do personagem
Grupos:
0/10000  (0/10000)
Aulas&Pontuação!:
0/10000  (0/10000)

MensagemAssunto: Re: A new life ~update 36 ~30-12-2014   Dom 15 Set - 22:20:41

First............................TAOOOOOOOOO.................................*calms down*


Tu nao bates na hyuna arasso? e deixa o meu nichkhun okay?

Deixa o lee joon violar o mir *perv face on* i like that bahahahahahah
o mir e o remedio para o coração magoado e maltratado do jooniie T,T
eu adoro polo possuidor e obcecado gosh those killer eyes *controling myself*
aind abem que gostas te unnie <3 kekekek 
thanks for the coments i mean it <3 saranghae <3

_________________
                                      
                     No one never really said that life was easy then why was i so restless, so careless.....

Spoiler:
 

 Ultimate Bias : Taemin♥Nichkhun  Ultimate son: Chanyeol  Ultimate OTPJongKey♥2min  Bias List ultimate  Ruiners: Myungsoo♥Xiumin   (─‿‿─)


                                                                       
Voltar ao Topo Ir em baixo
AndieLiu
Dance Machine
Dance Machine
avatar

Feminino Mensagens : 5853
Reputação : 4
Data de inscrição : 31/05/2011
Idade : 23
Localização : Wanted Dead or Alive

MensagemAssunto: Re: A new life ~update 36 ~30-12-2014   Sex 20 Set - 23:39:40

Okay, para a próxima ponho o Khunnie nu O.O
Eu bato em quem eu quiser e em vou atrás de quem eu bem entender! Mau mau! Quem manda aqui afinal? Huh?

UHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH SE O JOON VIOLAR O MIR EU JURO QUE DESMAIO E SANGRO DO NARIZ! OMFG YES I WANT THAT SO BADLY, OH YES JOONIE PLEASE RAPE MIR, OH PLEASE! O MIR É MAIS QUE OBVIO QUE ELE É A CURA DO JOON, E É MAIS QUE OBVIO QUE A GENTE GOSTA DE UM JOON SUPER POSSESSIVO E CONTROLADOR COM UM KILLER GAZE!


Mau pah! É claro que eu tenho que ler, então eu estou a morrer para ler a violação do Joon! EU QUERO UMA VIOLAÇÃO RAIOS!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Juu
Moderador
Moderador
avatar

Feminino Mensagens : 10710
Reputação : 9
Data de inscrição : 06/01/2011
Idade : 21
Localização : What did i become ???0.0

Ficha do personagem
Grupos:
0/10000  (0/10000)
Aulas&Pontuação!:
0/10000  (0/10000)

MensagemAssunto: Re: A new life ~update 36 ~30-12-2014   Qui 26 Set - 20:59:32

so pervet =.=

New cap heheheh
^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^
Cap 28......

Something in our own way was changed





Life doesn’t always means happiness;
You get slapped trying to confront her;
You fall trying to run away from her;
Life is mean, she doesn’t pat your hair…she can’t say that you are good enough;
But even if….
…She doesn’t give her hug …. she always give you a hand;
She put those obstacles in your way not to stop but to make you strong enough to go through them.
And you…its you who need to say that you are good enough to walk in that road…

^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^
O cheiro a tabaco e álcool enchia o seus pulmões á medida que se aproximava daquele lugar que estava para além da sua imaginação. As letras “Lust´s Senses” estavam inscritas numa placa elétrica de fundo negro onde as letras vermelhas algumas já não acendiam. Hyuna sentiu um rápido arrepio percorrer-lhe a pele descoberta ao observar as aparências dos homens que tentavam passar pelos guarda-costas vestidos de pretos e com os épicos óculos escuros no rosto. Autênticos boxers, hyuna pensou para si mesma quando passou por eles facilmente.
-Não te preocupes, gente daquela não é permitida aqui dentro.- Hyuna acenou com a cabeça e rapidamente entrou num grande salão, onde as varias alas eram divididas por cortinados de rosas e vermelhos transparentes. Essas pequenas alas eram decoradas por pequenas mesas centradas no meio e rodeadas por sofás que pareciam ser de luxo. Hyuna observou depois, as raparigas que la trabalhavam vestidas de vestidos e saias curtas todas de pretos, maquiadas, todas de cabelos pretos e longos. Ela reparou como elas serviam os homens com quem se sentavam, como sorriam, como olhavam. Tudo tão falso, ela disse mesmo com um ar superior que não era dela.
Hyuna parou de dar atenção ao que a rodeava para olhar o homem alto com quem Eunjung tinha começado a falar. Os dois aproximaram-se dela, alguns segundos depois de terem tempo para trocar uma palavra ou duas.
- Este é o Eric, ele é o dono. Tiveste sorte ele não costuma aparecer muito aqui para baixo.- Eunjung sorria de orelha a orelha. Hyuna não podia dizer se era verdadeiro ou falso. Hyuna, educadamente, apresentou-se e em seguida curvou-se em 90º graus para o homem serio que sorriu um pouco quando hyuna curvou-se.
- A Eunjung já me explicou e eu dei permissão, podes observar mas sem interferir com o trabalho de nenhum funcionário ou aborrecer algum cliente.- Hyuna acenou com a cabeça, e o homem saiu do seu campo de visão.
- Posso fazer uma pergunta…- Eunjung balançou a cabeça algumas vezes, olhando-a com curiosidade.
- Ainda não percebi como ganhas tanto dinheiro, eu reparei que todas apenas servem as bebidas e apenas falam e riem com os homens.- Eunjung sorriu para a declaração inocente de hyuna.
- Algumas só fazem isso, mas aquelas que querem ganhar mais fazem mais. Atrás daquela porta existem outras alas….Mais concretamente quartos, só VIP´s é que sabem desse pormenor e alguns que entram de favor por conheceram os funcionários daqui, o chefe não se importa desde que paguem um juro por não serem VIP´s.-Eunjung tentou explicar o melhor possível para que não assusta-se hyuna ainda mais.
- ohh…- Hyuna acenou com a cabeça, restringindo-se de ainda perguntar se Eunjung alguma vez teria entrado nalgum daqueles quartos.
- Bem tenho que me ir trocar, senta-te ali no bar….o barman vai cuidar de ti .- Ela sorriu e tal como o Eric rapidamente a sua imagem desaparecera do alcance dos seus olhos.
-Hyuna?.- O barman perguntou espantado. Hyuna olhou para ele confusa, mas ao mesmo tempo aquele rosto era-lhe famíliar.
- Sungmin…do segundo ano de secundario?.- Os lábios de hyuna transformaram-se num \o/ antes de sorrir para um velho colega.
^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^^
Parecia que o tempo corria, o relógio não parava. Aos olhos do Taemin aquelas horas tinham passado rápido demais para seu coração. Seu olhar confundiam-se com o brilho das estrelas. Minho, carinhosamente, abraçou as costas do seu namorado, fazendo-o ganhar aquele tom rosa já habitual no seu rosto pálido.
- Em que estás a pensar?- Minho fechou os olhos, enchendo os seus pulmões com o perfume doce do seu namorado.
-No passado.- Taemin engoliu em seco, fechando os olhos sentindo o abraço forte do Minho. A voz tinha-se saído fraca e tremida devido as circunstancias que se encontrava.

- Passado?- Minho já havia notado naquele olhar perdido, naqueles suspiros longos sem explicação. Naqueles sentimentos tão abstratos a seus olhos. Seu coração procurava respostas no aroma suave que inalava, no olhar brilhante que enchia seus olhos, perguntava-se no que poderia reter mais de metade da atenção do seu namorado.
- hum…- O coração do Taemin apertou, era a imagem de seu irmão que se construía em seus olhos como se de peças de um simples puzzle de uma memoria amarga, um assombro que ainda preenchia seus sonhos e pensamentos. Mas ao mesmo tempo batia uma saudade juntamente com esse assombro, a saudade do seu olhar, sorriso. Uma ferida que não queria cicatrizar, nem mesmo com o tempo.
- Estas assim desde ontem….desde que recebeste aquela mensagem..- Minho murmurou ainda de olhos fechados…
Taemin deixou um pequeno suspiro escaparem-lhe dos lábios, relembrando-se da mensagem que tinha recebido do seu novo padrasto.
“Taemin-shi~Quero provar-te que sou uma boa pessoa e que vou ser um bom padrasto. Não sei se perguntaste a minha profissão a tua mãe, mas sou um detetive. As esperanças de encontrar o teu irmão não são grandes. Não te quis dar esperanças antes, mas encontra-mos uma pista na floresta perto do rio, por isso é que estou a falar-te sobre isto. Vou fazer de tudo o que esta ao meu alcance.”
Taemin deveria de se sentir feliz, na verdade, ele queria acreditar naquelas palavras. Mas a incerteza ainda permanecia em seu coração e ele não podia simplesmente apaga-la com uma borracha. E ainda havia a dor, ele não tinha a confiança total em si, ele saberia que ia ser fraco e a dor do passado acabaria por chegar ainda mais forte…Mas ainda assim ele queria acabar com os pesadelos que não o queria deixar viver sem remorsos…Taemin, sorriu levemente com a probabilidade de encontrar o seu irmão, de perguntar como ele seria, o que ele seria…se ele ainda se lembraria dele. Tantos “ses” mas nenhum ponto final para as suas respostas.
-Meu irmão….eu tinha um irmão….e quando era-mos crianças ele caiu no rio por minha culpa….e …essa foi a ultima vez que o vi…- Taemin deixou cair uma lagrima que foi afastada pelas mãos quente do seu namorado…que pousou os seus lábios nos dele numa tentativa de o reconfortar.
-Shh~~ não precisas…não chores..- Minho beijou os lábios do taemin, provou o sabor doce do seu namorado. Taemin gemeu no beijo quando o minho puxa os seus quadris, roçando-os no dele.
-Ups interrompo?- O onew disse abrindo a porta com um dos seus sorrisos épicos. Taemin escondeu o rosto vermelho no peito do menino mais velho e o Minho apenas sorriu.
****
Mir sentiu um nervosismo repentino apertar-lhe o estomago. Perguntava-se o porquê desse sentimento e a resposta chegou quando as suas pernas param á frente do quarto do Joon. Ele hesitou em bater na porta branca, suspirou fundo e finalmente bateu. Nenhuma resposta foi ouvida, ele decidiu abrir a porta e por sorte a porta encontrava-se destrancada. A imagem que veio a seus olhos não podia ter sido mais destruidora. Aquele rapaz que tinha á poucas horas piscando-lhe o olho devorava agora os lábios do homem que amava. Joon quebrou o beijo e sorriu para Mir, pegou na mão deste que ainda se encontrava em estado de choque e tentou puxa-lo para dentro, mas mir ganhou reação e empurrou-o para longe.
- Eu pensei que podíamos ter um pouco de mais diversão…pensei que tinhas gostado dele…- As lagrimas foram mais fortes que a sua vontade de permanecer frio aquele cenário. Seu coração pulsava com a magoa e a raiva misturados num sentimento perigoso e sem controlo. Ele por momentos havia pensado que só ele fosse suficiente para o Joon, mas era só sexo….
- Eu sou só sexo…um corpo que pegas e largas á hora que quiseres- A dor, a magoa era sentida em cada palavra. Mir amava, ele amava aquele homem com todo o seu coração e alma. E Joon não podia ver o seu amor…ele era tão claro como agua, tão obvio, tão descarado e mesmo assim ele não podia vê-lo.
Mir saiu daquele quarto, daquele corredor….caiu no relvado frio e molhado da rega…as suas lagrimas pareciam não querer parar, a sua dor parecia não querer deixa-lo…Naquele momento ele queria fugir, mas suas pernas falhavam para com ele…traiam-no como todos os outros…Mas que adiantava fugir, o Joon não viria…ele tinha o que queria no seu quarto, um corpo para usar…ele não precisava do corpo do mir já usado e reusado…
- Babo….- Joon ajoelhou-se a seu lado, limpando-lhe as lagrimas com lábios. Mir tentou afasta-lo com as forças que ainda lhe restavam mas foi difícil quando Joon era mais forte, tão mais homem que ele…
- Eu odeio-te…- Ele chorou no abraço do Joon.
- Seu idiota….devias ter ficado até ao fim….- Mir estava prestes a dizer algo quando ele viu uma caixa preta na mão do Joon na sua direção. Joon abriu-a e mostrou-lhe o par de anéis de prata com algumas letras gravadas…Mir olhou para joon que sorria envergonhado.
- Foi uma partida, fui eu que mandei o seungho ir ter contigo ao refeitório…mas no quarto quando bateste á porta era só para fingir que nos beijava-mos mas ele beijou asserio…- Joon coçou a parte detrás do pescoço…- E…é o nosso aniversario de um ano….se tivesses ficado no quarto ate as luzes acenderem terias vistos os balões e alguns bolos e fitas….essas coisas estranhas que os casais costumam fazer….e….- Mir estava encantado, as lagrimas ainda não haviam parado mas agora era de felicidade, o seu rosto se iluminou na palavra “casais” e ele não se conteve e beijou aqueles lábios envergonhados.
- E…eu teria pedido-te em namora…asserio…- Joon sorriu no beijo, ele tinha se rendido ao menino loiro. Ele não queria faze-lo sofrer de novo, ele queria tentar ser um namorado. O grande Lee joon o playboy numero 1, queria tentar amar uma só pessoa.
*****
-Que tanto olhas pela janela?- Haneul perguntou bocejando. Soohyun não havia parado de passar pela janela de segundo a segundo.
- Eu acho que vi a hyuna sair, mas não a vi entrar…- Soohyun disse preocupada.
- A hyuna? Saiu de novo?- Haneul levantando-se em direção á janela, olhou para o portão solitário e suspirou.
- Sozinha?-
- Acho que não…- Desta vez foi Soohyun quem suspirou.
- Achas que deveríamos falar com o Nichkhun?...- Haneul sugeri-o pondo o indicado no queixo, como que se estivesse ponderando essa hipótese.
- Talvez…mas teremos que esperar até segunda, ele agora está na Tailândia.- Soohyun sentou-se na sua cama, deitando seu corpo, observando o teto melancólico de seu quarto.
*****
Kibum não podia parar de sorrir enquanto embalava sua irmãzinha, tal como nos velhos. Com um velha música da sua infância…a musica que Soohyun cantou para ele quando ele estava assustado. MinAh descansava suavemente a seu lado, sua respiração mais tranquila e regular informavam-no que já dormia, tomou essa oportunidade para sair em silêncio do quarto antes de olhar mais uma vez para seu rosto angelical e sereno.
Ainda sorrindo kibum abriu a porta, mas a escuridão no quarto lhe relembraram os sentimentos como o receio e a ansiedade que tomavam conta de si mais uma vez. Ele deu um passo e silenciosamente fechou a porta atras de si. Suspirou, talvez o jonghyun já tivesse adormecido. Mas uma parte dele queria que não. Deu um pulo e sufocou um grito quando um par de braços o abraçaram calorosamente e o prenderam contra a parede gélida do quarto. Kibum sorriu ao sentir o quão forte o jonghyun lhe estava abraçar, ele sabia que não era só luxuria….era saudade e isso fez o seu coração bater com mais força em seu peito. Tremeu quando sentiu a respiração quente do seu namorado contra o seu rosto.
-Demoras-te muito tempo…- Jonghyun aproximou o seu rosto do kibum, fechando os olhos, até as suas testas sentirem o calor dos dois. O peito de cada um levantava e descia de forma irregular acompanhados com sentimentos como desejo, amor, saudade e por fim a luxuria, sedução e paixão.
- Disseste que ias esperar…- Kibum quase deixou escapar um gemido quando sentiu os lábios quentes do jonghyun contra a pele sensível do seu pescoço. O pedindo de ter algum tipo de raciocínio ou impulso para se afastar.
-Mian…não é fácil controlar-me tão perto de ti…é tão viciante…a tua pele é tão viciante…- Jonghyun disse tocando no braço de kibum, sentido o calor do seu corpo com as suas mãos, com o seu toque. Ele queria tanto do kibum, mas ele sabia que também tinha que esperar, ele também não o queria assustar. Ele ama-o demais para isso, pelo menos é isso que ele sentiu naquele momento. Kibum gemeu com o simples toque na sua pele, era como que se o jonghyun soubesse como despertar este desejo em si….irritava-o o facto de não conseguir ter controlo no seu próprio corpo. Controlo, algo indispensável para kibum. Tapou o rosto com vergonha, ele sentia-se envergonhado. Quase se comparando com aquelas que se vendem na rua. Ele nunca pensou comportar-se de tal forma, de desejar tanto alguém….de querer ser tocado da forma como o jonghyun lhe tocava, como ele o olhava….até como ele sorria…ele nunca pensou que iria ser dono de tal tesouro. Sim um tesouro que ele queria guardar e preservar só para si.
-Não tens que ter vergonha de nada,…eu amo quando fazes isso…gemer quando te toco…- Jonghyun sorriu sedutoramente, e mesmo no escuro kibum podia sentir esse sorriso e acalmou o seu coração sorrindo também.
Jonghyun pegou nas mãos do Kibum e levou-o para a cama e deitaram-se abraçados. Jonghyun segurou o kibum , com todo o amor e carinho que podia demonstrar e descansou seu rosto perto dos cabelos do kibum, inspirando aquele aroma doce e fresco do seu namorado.
-Eu não vou fazer nada….até eu sentir que estas preparado….descansa…- Jonghyun beijou a cabeça do kibum e aninhou me mais a ele.
- Komawo…- Kibum sorriu, sentindo se tão confortável e amado como ele nunca se tinha sentido em toda a sua vida. Ele sentiu-se seguro naqueles braços fortes. Mesmo que ele tivesse esperado mais daquela noite, ele gostava desta escolha. Pelo menos por agora, ele pensou sorrindo.
****
Já era tarde e o Taemin ainda não consegui dormir, tentou o seu melhor para se levantar em silencio e não acordar os outros dois. Mas ele não podia fazer mais nada senão encalhar numa caixa que caiu deixando tudo o que estava la dentro espalhar se pelo chão. Olhou para os outros com medo que tivessem acordado mas parecia que nem um comboio os podia acordar, o onew nem se tinha mexido o.o….
Taemin abaixou-se, os seus olhos concentram-se nalgumas fotografias que tinham caído da caixa. Seu coração acelerou, tanta semelhança. Talvez seria falhas da sua memoria, mas a semelhança era enorme….demasiado para ele não conseguir sequer respirar.
-Taemin?...- Taemin ouviu a voz sonolenta do minho e escondeu a foto no bolso das calças e apressou-se a guardar tudo na caixa e pô-la de novo no lugar.
- Hum?...- Taemin viu como o minho preguiçosamente o chamava para a sua beira. Taemin sorriu mas foi, minho abraçou-o com força sem o deixar escapar.
- Hyung eu não sou nenhum peluche…- Taemin , encheu as bochechas com ar e soprou para longe.
-És o meu ursinho…- Minho sorriu, taemin fez o mesmo e abraçou o Minho de volta. Mas naquela noite a imagem que tinha visto naquela fotografia apertava o seu coração. Era um engano do seu coração, mas mesmo assim…ele não podia ficar sem aquela fotografia.
****
-Hyuna…- Hyuna sentiu uns quantos empurrões, leves, no seu ombro e despertou. Por momentos havia se esquecido do lugar em que se encontrava e demorou um pouco para perceber e reconhecer Eunjung que lhe olhava de braços cruzados.
- Mian…tive um dia grande…- Ela disse bocejando, olhou em volta e o espaço encontrava-se praticamente vazio, só alguns funcionários que limpavam o espaço.
- O que achas-te?...sem ser que é um bom lugar para dormires…- Eunjung sorriu, fazendo-lhe sinal para a seguir para fora daquele lugar.
- Bem não parece muito mal, a única coisa que tenho que fazer é servir e sorrir…- Hyuna disse fazendo um beicinho.
- Isso é um sim?... e se precisares de mais pagamento já sabes o que fazer…- Hyuna estremeceu, ela não chegaria aquele ponto. Pelo menos era o que pensava naquele momento…
Chegando á escola tomou um duche rápido, tirando qualquer vestígio ou perfume daquele lugar onde iria começar a trabalhar….saiu do banheiro e suspirou reconhecendo a pessoa que estava á sua espera fora do balneário.
Encostou-se á parede e enfrentou o chão, era a única pessoa que ela não consegui mentir.
-Não te vi o dia todo.- O olhar de seu irmão queimava na sua pele, talvez fosse da culpa que carregava em seu peito. Se ele soubesse…ele nunca mais olharia para ela.
- Eu sai com umas amigas, respirar um pouco…- Ela disse baixinho e sem confiança.
- Hyuna…não me apetece brincar ao esconde esconde…eu sou o teu irmão, eu tenho o dever de cuidar de ti…como posso cuidar de ti se nem sei onde andas e quando e pergunto tu mentes, tenho que começar a perguntar aos teus amigos? A seguir-te? Porque acho que só assim saberei…- Joon tentou abaixar o tom de voz, mas sem resultado.
Hyuna abraçou o irmão, que a abraçou de volta.
- Eu estou bem, está tudo bem…- Ela pegou no rosto do joon que estava quase a chorar. Isso cortou-lhe o coração. Ela nem sequer havia pensado nele. Eu não presto, ela disse para si mesma quando olhou nos olhos do irmão.
- Não te preocupes tanto comigo, hum? Eu estou a sair me bem…-Ela abraçou com força o seu irmão quando este balançou a cabeça.
-Estou a pensar em fazer um festa no próximo fim de semana, falas com o tio a pedir-lhe o pavilhão?- Joon perguntou depois de alguns minutos.
-Festa?-
-Eu…e o mir….- Joon ficou envergonhado e tímido de repente.
-Omo omo….já não era sem tempo…aigoo- Hyuna apertou as bochechas do irmão e o joon começou a fazer-lhe cocegas…
- Hya quem é o mais velho han?...-Hyuna ria de novo, seu irmão era uma espécie de remédio…sem o nichkhun por perto sentia se tão em baixo.
******


_________________
                                      
                     No one never really said that life was easy then why was i so restless, so careless.....

Spoiler:
 

 Ultimate Bias : Taemin♥Nichkhun  Ultimate son: Chanyeol  Ultimate OTPJongKey♥2min  Bias List ultimate  Ruiners: Myungsoo♥Xiumin   (─‿‿─)


                                                                       
Voltar ao Topo Ir em baixo
Pirili
Dream Girl
Dream Girl
avatar

Feminino Mensagens : 4188
Reputação : 0
Data de inscrição : 01/04/2013
Idade : 30
Localização : Jinki heart!

Ficha do personagem
Grupos:
0/10000  (0/10000)
Aulas&Pontuação!:
10000/10000  (10000/10000)

MensagemAssunto: Re: A new life ~update 36 ~30-12-2014   Qui 26 Set - 21:41:41

Ah Ju sua safada! Espero que a Hyuna sirva mesmo só às mesas....
Então o irmão do Taemin está perto. Aposto que é o Key! Se fosse um k-drama o Taemin ficava a pensar que era o Minho...XD
O Joon e o Mir tão românticos....

_________________
~At the end of a busy day
Emptiness is always there
But my sadness is comforted by you
You are my song~An Ode To You ~ 



Voltar ao Topo Ir em baixo
Juu
Moderador
Moderador
avatar

Feminino Mensagens : 10710
Reputação : 9
Data de inscrição : 06/01/2011
Idade : 21
Localização : What did i become ???0.0

Ficha do personagem
Grupos:
0/10000  (0/10000)
Aulas&Pontuação!:
0/10000  (0/10000)

MensagemAssunto: Re: A new life ~update 36 ~30-12-2014   Qui 26 Set - 21:45:59

Hahahah logo verás?
O key? Talvez....hehehe i wont tell you....never *merong*
Heheh what to do i love joonmir with all my heart <3
komawo por leres unnies, espero que tenhas gostado ^-^

_________________
                                      
                     No one never really said that life was easy then why was i so restless, so careless.....

Spoiler:
 

 Ultimate Bias : Taemin♥Nichkhun  Ultimate son: Chanyeol  Ultimate OTPJongKey♥2min  Bias List ultimate  Ruiners: Myungsoo♥Xiumin   (─‿‿─)


                                                                       
Voltar ao Topo Ir em baixo
Pirili
Dream Girl
Dream Girl
avatar

Feminino Mensagens : 4188
Reputação : 0
Data de inscrição : 01/04/2013
Idade : 30
Localização : Jinki heart!

Ficha do personagem
Grupos:
0/10000  (0/10000)
Aulas&Pontuação!:
10000/10000  (10000/10000)

MensagemAssunto: Re: A new life ~update 36 ~30-12-2014   Qui 26 Set - 23:58:20

Claro que gostei....agora fiquei aqui a pensar....será que o irmão é o Eun woo?! Também pode ser.... 

I'm so curious yeah!:albino:

_________________
~At the end of a busy day
Emptiness is always there
But my sadness is comforted by you
You are my song~An Ode To You ~ 



Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: A new life ~update 36 ~30-12-2014   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
A new life ~update 36 ~30-12-2014
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 17 de 20Ir à página : Anterior  1 ... 10 ... 16, 17, 18, 19, 20  Seguinte
 Tópicos similares
-
» A new life ~update 36 ~30-12-2014
» 2011-10-15 - Attick Demons + Scar for life - Side b
» Mundial 2014
» SCAR FOR LIFE - novo album IT ALL FADES AWAY
» [YG Entertainment] Yang Hyun Suk confirma quais são os grupos que vão estrear em 2014

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
SHINee Portugal :: SHINee Club! :: FanFic's-
Ir para: