SHINee Portugal

SHINee Portugal

Um lugar de carinho, uma segunda casa, um lugar de encontro de Shawols e não só!
 
InícioInício  PortalPortal  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3 ... 8, 9, 10, 11, 12  Seguinte
AutorMensagem
nanachu
Spoiled Mind
Spoiled Mind
avatar

Feminino Mensagens : 15771
Reputação : 0
Data de inscrição : 20/06/2011
Idade : 21
Localização : BED

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Sab 20 Ago - 18:23:27

aii adorei *-*
continua ~
Voltar ao Topo Ir em baixo
AndieLiu
Dance Machine
Dance Machine
avatar

Feminino Mensagens : 5853
Reputação : 4
Data de inscrição : 31/05/2011
Idade : 23
Localização : Wanted Dead or Alive

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Sab 20 Ago - 20:04:20

mwezi escreveu:
Hei amor, consegui escapar-me para a net, vou devorar o teu capitulo aahah. Hoje está mau tempo por aqui pelos algarves.
Umma, eu não sei se a lua cheia traz amor sempre... mas uma coisa é certa, ajuda muito ;)
Os momentos romanticos ficam completos com a lua cheia, talvez seja mesmo porque ela tem qualquer tipo de puder sobrenatural.

A eu já amava a lua e a noite, agora amo ainda mais, eu pessoalmente acho a noite mais romântica do que o dia, e o pôr ou nascer do sol também, assim quando o céu está escurinho e com cores lindas, os momentos são sempre mais intensos e belos!

Vou ler agora o teu comentário minha princesa... o tempo está mau hoje por aqui, mas está um calor de morte, com chuva e nublado!
Voltar ao Topo Ir em baixo
C'Adiragram
Queen Symptoms
Queen Symptoms
avatar

Feminino Mensagens : 7630
Reputação : 0
Data de inscrição : 21/04/2011
Idade : 21
Localização : Coreia do Sul +.+

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Sab 20 Ago - 22:10:59

LittleGirlMaknae escreveu:
[
A eu já amava a lua e a noite, agora amo ainda mais, eu pessoalmente acho a noite mais romântica do que o dia, e o pôr ou nascer do sol também, assim quando o céu está escurinho e com cores lindas, os momentos são sempre mais intensos e belos!
Eu tambem >.<
Voltar ao Topo Ir em baixo
AndieLiu
Dance Machine
Dance Machine
avatar

Feminino Mensagens : 5853
Reputação : 4
Data de inscrição : 31/05/2011
Idade : 23
Localização : Wanted Dead or Alive

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Sab 20 Ago - 22:17:06

É não é fofinha... esta princesa só me faz ficar ainda mais viciada em coisas que já sou!
Voltar ao Topo Ir em baixo
C'Adiragram
Queen Symptoms
Queen Symptoms
avatar

Feminino Mensagens : 7630
Reputação : 0
Data de inscrição : 21/04/2011
Idade : 21
Localização : Coreia do Sul +.+

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Sab 20 Ago - 23:03:09

É pois querida :P
Voltar ao Topo Ir em baixo
AndieLiu
Dance Machine
Dance Machine
avatar

Feminino Mensagens : 5853
Reputação : 4
Data de inscrição : 31/05/2011
Idade : 23
Localização : Wanted Dead or Alive

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Dom 21 Ago - 16:14:46

O computador da minha menina estragou-se >_<'' Omo Omo Omo... espero que não seja algo muito difícil de arranjar... fighting minha baby~
Voltar ao Topo Ir em baixo
mwezi
Stalker
Stalker
avatar

Feminino Mensagens : 865
Reputação : 0
Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 23
Localização : Seoul, South Korea

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Seg 22 Ago - 17:37:32

Capitulo 17-“De volta á realidade!”




POV JONGYUN

Mantive-o deitado na cama, segurava a sua mão sei a largar, estava fria:
-“Amor, estás gelado, tu tens frio? KEY FALA COMIGO, NÃO ME ESTÁS A OUVIR?!”
Não consegui evitar as lágrimas caírem do meu rosto, não aguentava tal aperto que sentia no peito de o ver assim, sem reagir, sem me bater, sem ralhar comigo, sem me chamar nomes:
-“…Jong…”
-“Key! Key estou aqui!”
Ele agarra-me tentando endireitar o peito mas volta a cair para traz, ainda muito frio e pálido.
Corro para buscar um copo de água com açúcar.
Quando chego ao quarto ele estava agarrado à almofada a chorar com a alma toda.
Devagar caminho para ele tentado levantar o seu rosto da almofada mas ele prendia-a com força com os seus braços, a gritar.
-“Key… por favor diz-me o que se passa, estou muito preocupado!”
Pouso o copo com a água em cima na mesinha com a consciência que iria ser difícil acalmá-lo.
Subo para a cama e deito-me ao lado dele:
-“Meu parvinho…”
O choro não parava, cada soluçar dele parecia que dava mais um nó no meu peito apertando-o imenso.
-“Minha alminha poderosa…”
Ele de uma lançada agarrasse a mim a chorar muito, eu tento encara-lo agarrando a sua carinha.
A respiração dele estava ofegante, ele mal conseguia respirar com o choro intenso, as lágrimas corriam a uma velocidade assustadora pelo seu rosto perfeito:
-“Key, olha para mim, respira fundo, tem calma…”
-“A culpa é minha… é minha…”
-“O que aconteceu, por favor diz-me o que se passa estás a preocupar-me tanto…”
-“O meu tio… ele morreu… a minha tia diz que a culpa é minha…ELA ODEIA-ME, A CULPA É TODA MINHA…”
Eu mimo com os polegares o rosto dele que agarrava com as duas mãos, e beijo-lhe os lábios com calma e carinho, deixo ficar algum tempo os nossos lábios unidos para ele sentir que não estava sozinho, e de seguida pouso a cabecinha dele no meu peito e dou-lhe miminho no cabelo:
-“Tu não tens culpa…tu vales ouro, tu ouviste? OURO…não…mais que ouro… tu és perfeito, és o meu tesouro…”
-“Jonghyun…eu não aguento…”
-“Shhhh, tudo ficará bem, eu estou aqui, eu estou contigo, não te vou largar!”
-“Jonghyun, eu tenho que…”
-“Key, o que estás a pensar fazer agora?”
-“Eu… vou voltar para o Japão!”
-“O…quê?”
-“A minha tia precisa de mim, tenho que fazer a ultima honra ao meu tio, vou voltar para o Japão, não posso ficar aqui…”
-“Vais ao funeral e tu depois voltas não é?”
Ele em vez de responder, fixa-me o olhar, triste e agarra-me a mão.
-“Key… Não me digas que vais deixar o Seoul…”
-“Acho que a minha aventura no Seoul termina aqui!”
-“Não…não podes, não te podes ir embora agora, por favor, ainda nem fomos sair juntos, ainda não fomos ao cinema, eu ainda não te disse tanta coisa, eu ainda não te dei um presente, eu ainda não cozinhei para ti nem te protegi de um filme de terror, eu ainda…”
-“Jonghyun por favor, não…não tornes isto mais complicado…”
-“Key eu amo-te!”
-“Eu também te amo Jonghyun!”
-“Se me amas não me deixes, por favor…”
-“…Conhecer-te, mudou-me…”
-“Não, isto não pode ser uma despedida, Key…”
-“Obrigado por me enlouqueceres desta maneira Jonghyun, obrigado por me teres mostrado o que é estar apaixonado…obrigado por seres um papagaio de franja amarela parvo e estúpido e convencido e…”
Ele deixa-se cair de joelhos no chão a chorar, eu ajoelho-me à frente dele e abraço-o com força e ficamos assim até ele me dizer que precisava de estar sozinho.
Eu saio com dificuldade em lembrar-me de como se anda.
Fecho a porta dele sem saber absolutamente nada, quando se ia embora ou se o iria voltar a ver.
Corro pela rua sufocado, sem saber bem para onde, até que vejo o Minho e o Taemin a comer um gelado numa esplanada de um bar, estavam sentados um à frente do outro, o Minho suja o narizinho do Taemin a rir e fazendo o pequeno rir também.
Eles estavam felizes… e eu? Quando vou poder ser assim feliz, na simplicidade destes actos especiais partilhados?
O Taemin repara que eu estava ali, aquele miúdo era mesmo telepático, tem algo de mágico, não sei. Começa a chamar-me com a mãozinha.
Caminho até eles sem ânimo algum. Como se fosse um zombie hipnotizado pelo chamamento de um feiticeiro.

POV TAEMIN

Algo me dizia que tinha acontecido alguma coisa com o Jonghyun, ainda assim, chamo-o com o melhor sorriso que consegui meter no rosto:
-“Jonghyun, por aqui?”
Ele não me responde, baixa o rosto e olha para as sapatilhas como se não estivesse neste mundo.
O Minho levantasse e puxa uma cadeira da mesa do lado:
-“Anda Jonghyun, senta-te aqui connosco, queres alguma coisa?”
Ele apenas abana a cabeça dizendo que não, eu sem aguentar ficar na ignorância, agarro-lhe as mãos:
-“Jonghyun o que se passa contigo? E com o Key? Vocês estão bem? Ontem liguei ao Key mas ele não me atendeu. Por acaso não sabes nada dele?
-“Ontem foi um dia longo!”
Sentia-me a enfraquecer ao ouvir o Jonghyun a contar exactamente o episódio que tinha acontecido no meu sonho também, o Minho também fica inquieto olhando-me com preocupação.
Deixo ele acabar de contar o resto da noite, disse-me que o Key e o Onew tinham acabado...Até que pára numa chamada que key tinha recebido…
-“Ligaram ao key hoje de manhã? E então é algo grave?”
Jonghyun acena que sim com a cabeça, eu estremeço:
-“Jonghyun diz de uma vez o que se passa senão dá-me um ataque!”
-“O Key vai voltar para o Japão, o tio dele faleceu…”
-“O KEY O QUÊ?”
O Minho levanta-se e pousa as mãos nos meus ombros numa tentativa de me acalmar, mas era em vão, o Jonghyun devia de estar a gozar comigo, só podia.
-“Quando ele vai embora? E Quanto tempo ele vai ficar por lá?”
-“Ele não vai voltar, vai-se mudar de vez para o Japão!”
-“Jonghyun nós não podemos deixar ele ir!”
-“Não há nada a fazer…”
-“Mas…Não…”
O Minho abraça-me:
-“Anda yeobo, não fiques assim, logo que possamos vamos visitá-lo, para alem de que há telemóveis e internet…”
-“Não é a mesma coisa Minho!”
-“Temos que ir ao aeroporto despedir dele, ele não deve demorar a partir.”
-“Eu não consigo…”
-“Jonghyun o que estás a dizer? Não te vais despedir dele? Ele ama-te porra!”
-“Taemin eu não consigo ve-lo a ir embora…”
-“Mas vens, comigo e com o Minho e não há “Mas”, alguém devia de avisar o Onew.

POV KEY

Lá estava aquele aeroporto monstruoso, da primeira vez que pisei aquele solo também não estava muito animado, mas agora, cada passo que dava parecia o caminho para a forca, cada movimento do ponteiro do relógio aterrorizava-me. Estava a deixar tudo aquilo, estava a voltar para o Japão, para o colégio, para a casa da minha tia que agora estava mais vazia e aborrecida. O vazio enorme que sentia no peito era tão forte que até me impedia de chorar, estava incrivelmente sério, e não conseguia organizar os pensamentos na minha cabeça, lembro cada pedacinho da minha aventura como se fossem troféus, vejo a bolada do Jonghyun, vejo o encontro com a minha umma, vejo o Taemin a sorrir, vejo o Minho sério e protector, vejo o momento da falésia, vejo o meu super-herói, vejo a jandi a rir, vejo o meu parque, vejo a fotografia…A fotografia…Levo a mão ao bolso e retiro a minha parte da fotografia, e agora sim, uma lágrima fria e dolorosa caí pelo meu rosto olhando aquele sorriso.
Se estivesse aqui a minha amiga OH HA NI ela iria começar a falar de coisas sobrenaturais como o destino, de certo que me diria que nós os dois estávamos destinados a sorrir apenas quando um estivesse ao lado do outro.
Mas ela estaria enganada, porque o destino não nos quer juntos…Alguém mais terá que o fazer sorrir, alguém sem ser eu, pois eu, provavelmente nunca o voltarei a ver.
Guardo a fotografia dentro de um envelope e olho em redor.
É então que vejo 5 pessoas muito familiares a caminhar na minha direcção.
Vinham longe mas conseguia ver perfeitamente quem eram, o Jonghyun era o que vinha mais atrás, conhecia aquele andar a milhas, o Minho era aquele alto que agarrava na mão do mais pequeno e loirinho, o Taemin, o Onew vinha mais à frente, com aquele cabelo brilhante e escuro, aguém vinha ao lado dele, alguém que só consegui identificar quando o grupo se aproxima mais de mim, era o Hero.
O Onew adianta o passo, numa ligeira corrida, chega até mim agarrando-me as mãos:
-“Yeobo…”
-“Super-Homem….”
Ele abraça-me com força à medida que dizia que lamentava a minha perda e que não queria que eu me fosse embora.
Eu encaro-o firmemente, com a maior confiança que consegui meter no olhar:
-“Onew eu nunca, nunca te vou esquecer, obrigado!”
-“Nem eu a ti Key, eu vou visitar-te, eu prometo, eu prometi que nunca me afastaria de ti, lembras?”
-“Nunca esquecerei cada palavra que me dizes-te cada sorriso que me deste, nunca.”
Tiro a pulseira castanha que estava no meu pulso à séculos, e ponho no pulso dele:
-“Fazes parte do que sou agora, Onew, meu melhor amigo.”
Dou-lhe um beijo com carinho no rosto e sorrio ligeiramente voltando depois o meu rosto para o Minho e o Taemin:
-“Hei, pombinhos, não se vêm despedir de mim?”
O Taemin corre para mim e mandasse para o meu colo fazendo-me quase cair ao chão, O Minho como não podia deixar de ser, protege-nos num abraço enorme.
Assim que eles me largam, eu olho para o Minho com um olhar autoritário:
-“Minho, cuida do meu filhinho bem! Tu estás a ouvir?”
-“Não tenhas medo em relação a isso, Key… mantêm-te contactável, ok?”
-“Eu não conseguiria apagar-vos assim da minha vida, Taemin…Heii, não chores vá lá…Bem já está na hora do meu voo…”
Os quatros rapazes afastam-se abrindo alas para o Jonghyun que estava um pouco escondido. Eu olho-o fazendo um esforço enorme para controlar o meu choro:
-“Hei, pabo, papagaio estúpido de franja amarela!”
O Jonghyun caminha para mim devagar.
Eu estico-lhe um envelope branco:
-“Está aqui o dinheiro para dares aos tipos, por favor, faz tudo como deve de ser ok? Minho, certifica-te que o Jonghyun faz tudo certinho, por favor!”
O Minho acena que sim com a cabeça.
-“Key, eu não posso aceitar!” Diz-me o Jonghyun demasiado sério para o meu gosto.
-“Aceita, por mim, não me consigo ir embora em paz sem saber se este assunto fica resolvido ou não.”
Ele ainda que revoltado, aceita o dinheiro prometendo-me que me irá devolver todo o dinheiro. Mas sinceramente isso pouco ou nada me importava, era só dinheiro, e agora não era isso que me estava a preocupar.
-“Bem tenho que ir, está na hora…”
O Jonghyun começa a chorar disfarçadamente, não queria dar parte fraca mas ainda assim consigo ver as lágrimas a surgir, o que me faz quebrar a pulsação:
-“Finalmente vais-te embora, estava a ver que a minha vida não voltava à normalidade, “senhor problema”! “
-“Nunca me enganaste com as falinhas mansas, continuas um papagaio estúpido e oco!”
-“E tu um parvinho com a mania que manda!”
-“E tu um bebé chorão que tem medo de desinfectar as feridas com álcool!”
-“E tu um agressor nato!”
-“Já não te vou bater mais…”
-“Ainda bem Key…”
O Jonghyun agarra-me num abraço forte e eu a ele, sentia o seu cheiro o seu toque, cada pormenor dele como se fosse sagrado, com a consciência que tão cedo não me sairia da cabeça.
Largo-o devagar, aceno para os meus amigos e entro no avião, a conter a respiração, com uma vontade enorme de gritar e partir tudo o que me aparecesse à frente.
Quando o avião arranca, sinto também um bocado da minha alma a ser arrancado.
Se calhar a OH HA NI tem razão, se calhar só em Seoul acharei a parte que completa o vazio mais importante da minha alma…Ou se calhar, tudo isto foi apenas um sonho que precisa de ser esquecido, pois chegou a altura de voltar para a realidade.

[Fim do capitulo 17]
Voltar ao Topo Ir em baixo
mwezi
Stalker
Stalker
avatar

Feminino Mensagens : 865
Reputação : 0
Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 23
Localização : Seoul, South Korea

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Seg 22 Ago - 17:42:30

O que a minha umma disse é verdade, os cristais do meu pc foram à vida quando o pc foi acidentalmente fechado com uma tampa de pen no teclado, mas enfim, arranjo maneira de conseguir vir um bocadinho matar o vicio.
KOMAWO e espero não desiludir ninguém com este capitulo.

p.s: não me matem pelo sucedido neste capitulo :s

Voltar ao Topo Ir em baixo
Nena
Broken Time
Broken Time
avatar

Feminino Mensagens : 1606
Reputação : 0
Data de inscrição : 17/06/2011
Idade : 19

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Seg 22 Ago - 18:04:45

acabei de ler agora,
esta fantastica *.*
Voltar ao Topo Ir em baixo
AndieLiu
Dance Machine
Dance Machine
avatar

Feminino Mensagens : 5853
Reputação : 4
Data de inscrição : 31/05/2011
Idade : 23
Localização : Wanted Dead or Alive

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Seg 22 Ago - 18:28:24

Novo capitúlo da minha baby~ amor sorry se não respondia nenhuma mensagem nas últimas horas, fiquei sem bateria no tele >_<''

Omo agora não... tenho que ir lanchar, vou faze-lo num instante! Back~ omo omo à séculos (dois meses e tal) que não comia bolachas maria... a minha mãe comprou integrais Maria, e são boas T.T que felicidade!

EU nem coragem para fazer post copy tive... eu passei o capítulo todo a chorar e a lamentar o que se estava a passar, eu lamento por isso, mas Baby tu demonstraste cada emoção e sentimento com promenor que eu não consegui evitar em chorar, eu nem consegui tirar os olhos do ecrã, apenas ia tocando na tecla da setinha para baixo monomentaneamente até que vejo ... [Fim do capitulo 17]

Aish amor eu não vou dizer que não gostei do capítulo só por ter chorado e ter sido um capítulo que pelo conteúdo é triste, eu na realidade amei-o porque tu o escreves-te de modo a ficar tudo tão bonito e carinhoso! Está espantosamente lindo, e eu não tive mesmo coragem para post copys eu estava tão centrada em tudo, que nem me lembrei de comentar as minhas reacções, que basicamente foram sempre as mesmas, a agarrar a minha preciosa almofada e a chorar silenciosamente, com soluços ali e acolá!

Eu amo-te minha baby linda!
Voltar ao Topo Ir em baixo
nanachu
Spoiled Mind
Spoiled Mind
avatar

Feminino Mensagens : 15771
Reputação : 0
Data de inscrição : 20/06/2011
Idade : 21
Localização : BED

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Seg 22 Ago - 19:45:30

não sei o que vocês todas fazem para me porem a chorar desta maneira ..
pareço uma bebe a chorar pela mãe..

Citação :
-“Obrigado por me enlouqueceres desta maneira Jonghyun, obrigado por me teres mostrado o que é estar apaixonado…obrigado por seres um papagaio de franja amarela parvo e estúpido e convencido e…”


a partir daqui foi só chorar, nem conseguia ler direito.. amei este capitulo , está tão bem escrito , tudo muito bonito ..
nem sei o que dizer mais, ainda estou aqui a chorar, T_T

continua ~
Voltar ao Topo Ir em baixo
AndieLiu
Dance Machine
Dance Machine
avatar

Feminino Mensagens : 5853
Reputação : 4
Data de inscrição : 31/05/2011
Idade : 23
Localização : Wanted Dead or Alive

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Seg 22 Ago - 20:08:10

Náá dongsaeng, reagiste de mesmo modo que eu, somos bué iguais em relação a isso!
Voltar ao Topo Ir em baixo
nanachu
Spoiled Mind
Spoiled Mind
avatar

Feminino Mensagens : 15771
Reputação : 0
Data de inscrição : 20/06/2011
Idade : 21
Localização : BED

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Seg 22 Ago - 20:10:35

pois somos Unnie *
Voltar ao Topo Ir em baixo
AndieLiu
Dance Machine
Dance Machine
avatar

Feminino Mensagens : 5853
Reputação : 4
Data de inscrição : 31/05/2011
Idade : 23
Localização : Wanted Dead or Alive

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Seg 22 Ago - 20:14:20

*_____________*
Voltar ao Topo Ir em baixo
C'Adiragram
Queen Symptoms
Queen Symptoms
avatar

Feminino Mensagens : 7630
Reputação : 0
Data de inscrição : 21/04/2011
Idade : 21
Localização : Coreia do Sul +.+

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Ter 23 Ago - 12:50:25

Fogo ohh :x eu estou super triste como é que ele pode ir embora? :s nao acredito!:'( mwezi publica rapido para nao andarmos aqui a sofrer de ansiedade! por favor +.+
Voltar ao Topo Ir em baixo
AndieLiu
Dance Machine
Dance Machine
avatar

Feminino Mensagens : 5853
Reputação : 4
Data de inscrição : 31/05/2011
Idade : 23
Localização : Wanted Dead or Alive

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Ter 23 Ago - 16:29:32

Margarida, a Mwezi disse que talvez publicava amanhã, ela agora não pode, visto que está de férias e hoje não pode vir à net, mas ela já o tem escrito e como chega amanhã, vai tentar publicar amanhã ^_____^
Voltar ao Topo Ir em baixo
C'Adiragram
Queen Symptoms
Queen Symptoms
avatar

Feminino Mensagens : 7630
Reputação : 0
Data de inscrição : 21/04/2011
Idade : 21
Localização : Coreia do Sul +.+

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Ter 23 Ago - 20:07:47

Obrigada :D
Voltar ao Topo Ir em baixo
AndieLiu
Dance Machine
Dance Machine
avatar

Feminino Mensagens : 5853
Reputação : 4
Data de inscrição : 31/05/2011
Idade : 23
Localização : Wanted Dead or Alive

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Ter 23 Ago - 21:28:08

De nada minha sócia linda!
Voltar ao Topo Ir em baixo
C'Adiragram
Queen Symptoms
Queen Symptoms
avatar

Feminino Mensagens : 7630
Reputação : 0
Data de inscrição : 21/04/2011
Idade : 21
Localização : Coreia do Sul +.+

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Ter 23 Ago - 21:38:06

: D mas olha tu sabes mais promenores? :'b é que eu estou a morrer de curiosidade! voces nao tem mesmo noçao do quanto sou curiosa especialmente em historias e filmes xD porque nunca te dao resposta concreta!
Voltar ao Topo Ir em baixo
AndieLiu
Dance Machine
Dance Machine
avatar

Feminino Mensagens : 5853
Reputação : 4
Data de inscrição : 31/05/2011
Idade : 23
Localização : Wanted Dead or Alive

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Ter 23 Ago - 22:09:55

Omo quando leres o comment que fiz ao teu comment na minha fic acho que vais-te rir muito... mas não querida não sei pormenores, estou de igual modo que tu!
Voltar ao Topo Ir em baixo
C'Adiragram
Queen Symptoms
Queen Symptoms
avatar

Feminino Mensagens : 7630
Reputação : 0
Data de inscrição : 21/04/2011
Idade : 21
Localização : Coreia do Sul +.+

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Ter 23 Ago - 22:43:36

Ahh ok! Já lá vou ver querida! ^^
Voltar ao Topo Ir em baixo
mwezi
Stalker
Stalker
avatar

Feminino Mensagens : 865
Reputação : 0
Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 23
Localização : Seoul, South Korea

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Qua 24 Ago - 19:23:05

Capitulo 18-“Passagem!”





POV KEY

Os dias passavam sem interesse nenhum.
Tinha voltado para o colégio, tinha voltado para o conforto desconfortável da minha antiga casa, tinha voltado a parecer dependente da minha tinha. Só uma coisa tinha mudado. Já não era feliz.
Dantes pensava que a minha vida, apesar de todas as circunstâncias, era óptima, que nada me faltava. Mas naquela viagem descobri que estava melhor na agitação de Seoul. Tinha uma vida muito mais cheia de problemas, isso era verdade, mas os problemas que lá tinha tido, fizeram crescer em mim novos sentimentos.
Sinto-me como um animal selvagem que sempre tinha vivido no zoo, sempre tinha sido alimentado e escovado, até que foge e tem que sobreviver pela sua mão tendo em troca a liberdade de correr por prados e sentir novos ventos a bater-lhe no rosto.
Estava agora na aula de Matemática, a OH HÁ NI estava a olhar para mim seriamente enquanto eu estava a olhar para o céu pela janela, parecia que ela me estava a ler os pensamentos e a lamentar comigo para que não me sentisse tão abandonado.
Que estará o Taemin a fazer? Deve estar com o Minho…E o Onew, será que já salvou mais alguém? Será que tem outra vítima em perigo preferida?...E… e o estúpido do meu Jonghyun…Será que tem comido bem? Será que tem dormido o suficiente…e agasalhado de noite?
Procurava as respostas nas nuvens, mas estas em vez de me darem uma luzinha, preenchiam mais o céu tornando-o escuro e claustrofóbico, até que começam a chorar, a chover torrencialmente, fazendo-me a mim também chorar… sem conseguir evitar tal acto, escondo o rosto entre os braços, em cima da mesa, sentido apenas a mãozinha gordinha da minha Oh Há Ni a mimar-me os cabelos:
-“Key…Vai ficar tudo bem, acredita em mim!”
Mais uma vez a voz enfeitiçada e confiante de Oh Há Ni não me convenceu, sentia que já não havia mais nada a fazer, apenas esquecer.

POV JONGHYUN

Os dias passavam sem interesse nenhum.
Quando o Key partiu no avião eu não consegui mais conter a minha pose de duro e desmanchei-me a chorar no aeroporto, amachuquei os caixotes do lixo, pontapeei os bancos e os sinais, até que os guardas do aeroporto, me levaram para a esquadra no fim de uma pequena luta para me tentarem acalmar.
Quem me foi buscar à esquadra foi o Onew acompanhado pelo Minho o Taemin e o Hero.

[flashback]
-“O Jonghyun, é meu amigo, ele já é maior e vive sozinho, a vida dele não tem sido fácil senhor agente provavelmente teve um desgaste e libertou a raiva onde não devia, peço imensas desculpas”
-“Não deveria mesmo, ele fez alguns estragos e agrediu agentes da autoridade, pensamos que o melhor será ficar por cá esta noite!”
-“Senhor agente, ele de certo que está mais calmo, eu levo-o para minha casa, para uma boa noite de sono, ele precisa de uma boa noite de sono…”
-“Terei que concordar, acompanhe-me até à sela.”
Jonghyun estava sentado no chão encostado a uma parede.
-“Hyung, vamos embora!”
Jonghyun olha surpreendido para Onew.
-“Onew?”
-“Vá vim buscar-te, ficas em minha casa hoje!”

No carro de Minho o ambiente estava um pouco pesado, cada qual ia pensativo, cada um para seu lado.
Jonghyun sai juntamente com Onew perto da casa dele. Ele pára em frente a Onew fazendo este também parar.
-“Porque fizeste isto?”
-“Jonghyun, tu és a pessoa mais importante para o key, não vou deixar que ele tenha razões para se preocupar.”
-“Tu não tinhas que fazer isto…”
-“Eu não guardo qualquer rancor em relação a ti Jonghyun, eu amo o Key, muito, mesmo muito, mas ele ama-te a ti, eu não posso obrigá-lo a esquecer-te assim como não consigo me obrigar a esquece-lo, o amor tem o seu próprio tempo…”
-“O Key teve muita sorte em encontrar-te, és uma pessoa que vale a pena…ao contrário de mim…”
-“Também vales a pena Jonghyun, só não te deixes destruir por tudo isto. Que estás a pensar fazer? Desistir?”
-“Eu não sei o que deva fazer, eu não sei para onde ir, Onew… eu já não sei nada, eu só sabia que precisava do key, nem que fosse para discutir…”
-“Não vou deixar que te destruas…”
-“Que devo fazer?”
-“Isso só tu saberás…”
-“MAS EU NÃO SEI ONEW…”
-“Mas vais saber, e quando souberes, eu estarei aqui para tu me contares o que irás fazer e dar a minha opinião, até lá, vou me assegurar que ficas bem…”
-“Porquê?”
-“Porquê o quê?”
-“Que me estas a ajudar?”
-“Pelo mesmo motivo que o vento sopra, não sabemos, é instantâneo…”

[fim do flashback]

O Onew tinha razão quando me disse que não me ia deixar destruir a mim mesmo, pois desde aquele dia ficámos amigos e à medida que os dias iam passando ele ia se tornando o melhor amigo que alguma vez tive.
Numa tentativa de me animar, ele convidou-me para cantar com ele e com o Hero no 68Bar e o Taemin também lá estava, por vezes a actuar com o seu talento para a dança, e o Minho com o seu talento de o proteger e de o amar que o mantinha sempre na frente da plateia a aplaudir e a venerar cada passo de dança do seu pequeno.
Eu ficara fã de Taemin assim como ele ficara fã da minha voz e ambos, com a ajuda de Onew, treinávamos e ensinávamos/aprendíamos uns com os outros.
Aquelas tardes de música distraiam-me da banalidade que a minha vida se tornava sem o Key.
Mas quando estou em casa, sozinho, à noite…Não consigo evitar falar para uma almofada a fingir falar com ele, bater na almofada como se lhe tivesse a bater a ele, chamar nomes a almofada e depois beija-la para logo a seguir chorar por nada daquilo ser real.

Eram 9:30h da noite, oiço um carro lá fora, espreito pela raquítica janela e vejo o Minho e o Onew no carro de Minho, finalmente tinham chegado, estava na altura de dar o dinheiro aos tipos…Não consigo evitar o nervosismo.
Entro no carro calado com o envelope branco nas duas mãos, ainda não o tinha aberto sequer.
-“Estás pronto hyung?” Pergunta-me o Onew virando-se para o banco de traz e analisando-me.
-“Anda não fiques tão tenso, vai correr tudo bem, para alem de que, se as coisas derem para o torto o Minho mete logo respeito com os seus 3 metros de altura.”
-“Ahaha que engraçadinho Onew, tens inveja de não ser tão alto como eu!”
-“Chegámos!” Digo, abrindo rapidamente a porta do carro.”
Eles ainda não tinham chegado, sento-me na beirinha do miradouro a olhar o mar, abro o envelope para ver se o dinheiro estava todo, não era que desconfiasse, apenas queria ter alguma coisa que fazer, até que reparo numa nota mais pequena do que as outras.
Tiro-a e é ai que reparo que não era nenhuma nota…era o Key, em pequenino, a fotografia que tinha rasgado cruelmente…a fotografia que me fazia tão bem…
O vento soprava com força tornando aquela noite escura ainda mais sombria, o frio do mar gela-me o corpo com a ajuda da tristeza que me invadia a alma, aperto a fotografia contra o meu peito como se do key se tratasse.
O momento foi interrompido serenamente pela mão de Onew no meu ombro:
-“Hyung… anda, os tipos já chegaram!”
Levanto-me com a força que o sorriso de Key me tinha dado e agarro a mão de Onew seguindo em frente em direcção a eles.
-“Jongiee, então? Trocas-te de amorzinho?”
-“CALA-TE SEU GRANDE MONTE DE MERDA!”
-“Ai jongie jongie, já te avisei que para falar comigo é decentemente, não vais querer enervar-me!”
-“Eu dou-te o dinheiro e tu desapareces da minha vista para sempre, ok?”
-“Araso! Agora dá-me o dinheiro todinho, e rápido que tenho mais que fazer hoje !”
Onew saca de uma pistola e aponta-a ao boss:
-“Ele vai dar o dinheiro, mas primeiro, tu vais jurar que nunca mais lhe apareces à frente sequer, que o deixas em paz senão eu juro-te que as coisas vão ficar feias.”
Onew ameaçava-o de tal forma que até eu, que sei que ele não magoaria ninguém, estava com medo.
-“Tem calma com essa arma, tudo ok, só quero mesmo o dinheiro.”
O Onew agarra no molho de notas e dá ao boss:
-“Se tens duvidas conta, está aí tudo!”
-“Tudo bem, vamos rapazes! Porta-te bem Jongie!”
-“CALA A BOCA E VAI EMBORA OU MANDO-TE UM BALAZIO JÁ NAS CABEÇAS!”
Os tipos viram costas e vão em matilha embora.
Eu fico ali, com a foto de key entre os meus dedos trémulos.
Onew guarda a arma e abraça-me:
-“Jonghyun está tudo bem agora!”
Eu aperto-o contra mim:
-“Onew eu quero o key, por favor!”
-“Queres?”
-“Por favor…”
-“Eu tenho-o dentro do bolso?”
-“Não…”
-“Então eu não te posso dar…”
-“Então que faço eu?”
-“Se tu o queres e eu não te posso dar, então vais ser tu que o vais ter que ir buscar!”
A conclusão que Onew acabara de me dizer pode parecer lógica, mas para mim soava-me a algo impossível.
Não lhe respondo, apenas aperto o abraço, até que oiço a voz forte do Minho, agora mais doce a chamar-nos para o carro.


POV TAEMIN

Hoje estou especialmente cansado, tive o dia todo cheio de adrenalina e nervosismo e tive que esgota-lo na dança, dancei mesmo até cair para o lado, ainda sentia o peito a doer do cansaço da respiração.
Devia estar a dormir, mas não conseguia, não sem antes o Minho chegar e eu me certificar que ele estava bem.
Ouvia música tentando me acalmar olhando para a chuva que começara a cair lá fora. Uma carrinha cinzenta passava na rua, esta causa-me um arrepio pelo corpo fazendo-me relembrar algo que não podia relembrar…
Era uma carrinha igual àquela que tinha sido cúmplice da agressão que tinha sofrido. Parece que sinto as mãos gordurosas e grandes do rapaz que me mandou pela carrinha a dentro violentamente.
Fecho os olhos dizendo “não” abanando a cabeça, aterrorizado com o meu pensamento desejando que ele desaparecesse, mas ele não desaparecia, sinto agora as minhas roupas serem arrancadas como tinham sido naquele momento, sinto alguém a prender-me os pulsos contra o chão e indo por cima de mim prendendo me os movimentos, os meus gritos eram abafados pelas risadas sem escrúpulos da rapariga e do rapaz que me tocavam no corpo como se fosse de sua posse.
O sufoco de pânico evadia-me da cabeça aos pés e o nojo agoniava-me à medida que sentia os lábios repugnantes deles percorrerem-me a pele.
Relembro a dor que senti quando fui penetrado violentamente. De certo que me doía mais do que se tivesse levado um tiro. Lembro de desejar morrer, preferia morrer em vez de suportar mais um minuto daquela dor.

POV MINHO

Quando chego a casa chamo pelo Taemin mas ninguém me responde, percorria as divisões da casa chamando-o, e nada.
Ao entrar no quarto é ai que o vejo.
Ele estava sentado no parapeito da janela, com o ipod caído no chão com os olhos fechados com força, mas ainda assim a deitar lágrimas, abraçava o seu corpo com violência, parecia que se queria magoar.
Corro para ele:
-“Taemin? Taemin que estás a fazer?”
Ele não me respondia, parecia possuído, parecia que não estava neste mundo. Agarro-lhe a mãos impedindo que ele se magoasse mais e junto a testa à dele, cheio de medo do que pudesse lhe estar a acontecer:
-“Taemin, amor…”
É então que ele abre os olhinhos profundos e brilhantes e o rosto dele perde a pressão:
-“Min…Ho…”
-“Taemin tu estás bem?”
Ele diz que não com a cabecinha apertando-me com tanta força que até me magoa, mas isso nem me importava, protejo o seu corpo com os meus braços, encostando os meus lábios à cabecinha dele dando beijinhos no seu cabelinho.
Sentia o meu coração a bater com tanta força como o dele.

[Fim do capitulo 18]
Voltar ao Topo Ir em baixo
AndieLiu
Dance Machine
Dance Machine
avatar

Feminino Mensagens : 5853
Reputação : 4
Data de inscrição : 31/05/2011
Idade : 23
Localização : Wanted Dead or Alive

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Qua 24 Ago - 19:53:56

Aqui estou eu a comentar... foi a primeira *____________*
Aiiii essa imagem meu amor, eu amei essa momento dos dois, juro que amei *_____________*

~A ler~


Spoiler:
 
Ele quere mesmo estar de novo perto deles, ele está tão preocupadinho com o Jjongie dele *__________* Aiiii Key eu não consigo ver-te com tanto sofrimento em cima.


Spoiler:
 

Nem mesmo a melhor amiga dele consegue fazer com que as suas preocupações, desejos e saudades passem! >_<''


Spoiler:
 

TÃO SWEET COMEÇARAM OS PENSAMENTOS DE MODO IGUAL!


Spoiler:
 
Eu faria a mesma coisa Jjongie, juro que faria, acho que até faria bem pior >_<''


Spoiler:
 

Que fofo, é realmente algo verdadeiro, eu adoro o Onew! *_______*


Spoiler:
 

Aish porque é que o Onew anda com uma arma atrás? Eu ainda não percebi isso, da última vez (quando ele salvou o Minho) ele também estava com uma arma na mão!


Spoiler:
 

APANHA O RAIO DE UM AVIÃO PARA O JAPÃO PAH!


Spoiler:
 

ANIYO, ANIYO... não consigo ver o meu Taemin bebé a sofrer, aish aish, oh meu deus, o meu bebé sofreu tanto T_T


Spoiler:
 

Ahhhhhhhhhhhhhhhhh... Minho protege-o... protege-o com todas as tuas forças e com todo o teu amor... o nosso amor'zinho perfeito merece ser protegido, ele não merece passar por tal again! Eu dou-te todas as forças para o protegeres!

~Termina de ler~


Oh amor eu amei, mas que quero JongKey again... olha tu não me ponhas o JongOn aqui, está bem? ^____^ Aiii eu quero que o Minho mime muito agora o meu TaeBaby, pode ser? Tipo assim um momento lovely dovey dos dois! Can it be? ^____^
Voltar ao Topo Ir em baixo
C'Adiragram
Queen Symptoms
Queen Symptoms
avatar

Feminino Mensagens : 7630
Reputação : 0
Data de inscrição : 21/04/2011
Idade : 21
Localização : Coreia do Sul +.+

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Qua 24 Ago - 20:37:39

Maisssssssss! Por favor +.+
Voltar ao Topo Ir em baixo
mwezi
Stalker
Stalker
avatar

Feminino Mensagens : 865
Reputação : 0
Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 23
Localização : Seoul, South Korea

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Qua 24 Ago - 21:02:00

Kim Haneul , umma do meu coração: Amor não sei o que irá acontecer ;) (por acaso até sei) logo ves minha queriduxinha. JongOn era sexy, temos que esperar para ver. Será que o destino quer o jong e o Key juntos ou nem por isso? Ainda bem que tu gostas-te umma, e obrigado por seres sempre tão cuidadosa com os comentários lindos.

Margarida: Querida posto mais assim que puder, obrigado por seguires, espero não estar a desiludir.

kisseu unnies

Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 9 de 12Ir à página : Anterior  1, 2, 3 ... 8, 9, 10, 11, 12  Seguinte
 Tópicos similares
-
» memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~
» A Chave do Quinto Elemento ~FANFIC COMPLETA~
» that first look ~FANFIC COMPLETA~
» Refrescar a memória...
» Fica comigo

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
SHINee Portugal :: SHINee Club! :: FanFic's-
Ir para: