SHINee Portugal

SHINee Portugal

Um lugar de carinho, uma segunda casa, um lugar de encontro de Shawols e não só!
 
InícioInício  PortalPortal  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3 ... 9, 10, 11, 12  Seguinte
AutorMensagem
AndieLiu
Dance Machine
Dance Machine
avatar

Feminino Mensagens : 5853
Reputação : 4
Data de inscrição : 31/05/2011
Idade : 23
Localização : Wanted Dead or Alive

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Qua 24 Ago - 21:24:08

Serei sempre cuidadosa meu amor ^__^
Aish tu fazes com que as perguntas me deixem super nervosa!
Voltar ao Topo Ir em baixo
C'Adiragram
Queen Symptoms
Queen Symptoms
avatar

Feminino Mensagens : 7630
Reputação : 0
Data de inscrição : 21/04/2011
Idade : 21
Localização : Coreia do Sul +.+

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Qua 24 Ago - 21:48:42

Claro que nao desiludes querida ^^
Voltar ao Topo Ir em baixo
Juu
Moderador
Moderador
avatar

Feminino Mensagens : 10710
Reputação : 9
Data de inscrição : 06/01/2011
Idade : 22
Localização : What did i become ???0.0

Ficha do personagem
Grupos:
0/10000  (0/10000)
Aulas&Pontuação!:
0/10000  (0/10000)

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Qua 24 Ago - 22:06:01

UNnie desculpa so agora

no cap 17 na despedida do key, eu chorei mesmo sim sou parva mas foi tao trite, amo a personagem do onew , a forma como ele pensa e age e simplesmente lindo, e o hero espero que o faça feliz, hahah acho que eu e a HO HA NI nos iamos dar bem heheh, hahah adorei a parte do key maquiavelico com o alcool e o algodao , tadinho do key quando recebeu o telefonema da tia


e quando li aquilo do taemin sobre aqueles ***** terem lhe feito nao pude evitar de cairem lágrimas , foi mesmo shoke tadinho,


Onew com a arma ainda to pa saber porque raio anda ele com uma arma, nao sabes que e perigoso seu parvo armado em super heroi(nao importa se es)


Minho por favor nunca deixes o taemin


E jonghyun o que tas a espera de ir atras do key precisas mais do queque te vaia levar a porta do aviao , raios sabes que o amas e nao lutas ja me começa a irritar


UNNIE SO DIGO UMA COISA AMEI OS 3 CAPITULOS QUE LI AGORA SIMPLESMENTE LINDOS,E SIM HERO A LUA TRAZ AMOR E QUANDO TACHEIA AINDA MAIS PORQUE E QUANDO ELA TA FELIZ, NAO SABES A HISTORIA DA LUA ?PERGUNTA AO ONEW QUE ELE CONTOU AO ONEW LA NA MINHA FICS



CONTINUA AMOR ESTA LINDO E TOU SUPER ANCIOSA SOBRE O QUE ESSE PAPAGAIO DE FRANJA AMARELA VAI FAZER EM RELAÇÃO AO KEY.

_________________
                                      
                     No one never really said that life was easy then why was i so restless, so careless.....

Spoiler:
 

 Ultimate Bias : Taemin♥Nichkhun  Ultimate son: Chanyeol  Ultimate OTPJongKey♥2min  Bias List ultimate  Ruiners: Myungsoo♥Xiumin   (─‿‿─)


                                                                       
Voltar ao Topo Ir em baixo
Nena
Broken Time
Broken Time
avatar

Feminino Mensagens : 1606
Reputação : 0
Data de inscrição : 17/06/2011
Idade : 19

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Qui 25 Ago - 21:32:14

yey
a ines pensou que metesses aí o jjong no Japao ainda neste capitulo! (isto é se ele chegar a ir)
:o eu pensei que fosse o Key que tivesse voltado do Japao quando o Taemin ouviu o barulho dum carro! xz

continua~
Voltar ao Topo Ir em baixo
nanachu
Spoiled Mind
Spoiled Mind
avatar

Feminino Mensagens : 15771
Reputação : 0
Data de inscrição : 20/06/2011
Idade : 21
Localização : BED

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Qui 25 Ago - 21:33:09

quero mais +.+
Voltar ao Topo Ir em baixo
mwezi
Stalker
Stalker
avatar

Feminino Mensagens : 865
Reputação : 0
Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 23
Localização : Seoul, South Korea

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Sab 27 Ago - 13:26:36

Capitulo 19-“Imprevistos!”






POV HERO

Já estava a algum tempo no 68BAR à espera dos rapazes, mas nem sinal do Jonghyun nem do Onew, eles já deviam de cá estar.
A lua hoje estava linda, dou por mim a pensar nas lágrimas de Onew naquela noite e no beijo secreto que lhe dei. Acho que se ele descobrisse que o tinha beijado ele ficaria tão magoado, que até evito pensar nisto para que ninguém me consiga ler os pensamentos.
Mas mesmo com medo de pensar, eu não consigo evitá-lo, e em cada dia que passo com ele, mais eu penso naquela noite e desejo que ela se repetisse.
Sempre que falávamos os dois em particular, começávamos a falar da infância, por exemplo, e o Key vinha à conversa, começávamos a falar do dia de ontem e o Key vinha à conversa, falávamos do dia de amanha e lá estava o Key na conversa. O Onew é completamente apaixonado pelo Key e por muito que me tenha esforçado para o animar e para o fazer esquecer de Key, ele continua em baixo por o ter longe e por ele amar o Jonghyun.
Aiii JaeJong porque é que pensas tanto no Onew, ele nem te liga nenhuma…Mas eu gosto dele, gosto tanto dele… a voz dele, ela conquista-me e o seu sorriso é tão contagiante, e aquele olhar gentil e honesto…ONEW CHEGA RAPIDO EU QUERO VER-TE.

POV ONEW

Estava à porta da casa de Jonghyun. Sinceramente estava reticente se deveríamos ir hoje cantar ou não, ele bem me disse que era na boa, que estava tudo ok, mas eu não consigo cair nessa, hoje o serão não começou de forma fácil.
Lá vem ele, tinha uma cara tão abatida e vazia.
É então que ele entra para o lugar ao lado do meu.
-“Jonghyun tens a certeza que queres vir cantar hoje? Se calhar seria melhor descansares hyung.”
-“Eu estou bem Onew, não te preocupes, vamos, eu preciso mesmo de arejar a cabeça, e cantar vai ter que me ajudar…”
-“Se tu o dizes…”
Enquanto conduzia reparava que o Jonghyun estava mesmo irrequieto e pensativo, esperava que a qualquer momento ele me dissesse algo, mas parecia que lhe estava entalado na garganta, com o pé a bater e os dedos da mão direita a lutarem com os da mão esquerda.
-“Que se passa Jonghyun?”
-“Estava aqui a pensar numa coisa que me deixa um pouco curioso…”
-“Mau…Eu até estou com medo!”
-“Onew…”
-“Diz de uma vez antes que me despiste já… o que andas a matutar?”
-“Onew porque é que…tu…”
-“Eu?”
-“Porque andas com uma arma contigo?”
-“Eu? Mas que raio de pergunta Jonghyun, para matar e aleijar pessoas!”
O Jonghyun olha-me seriamente e quase que não podia acreditar no rasto de medo que lhe estava a surgir no olhar.
-“Estás com medo que te mate Jonghyun?”
-“Onew…Tu não…!!”
-“Mal posso acreditar que acreditaste que sou um assassino!”
-“Eu…não acreditei…mas é estranho andares com uma arma…”
-“Tenho que andar com ela, é apenas para defesa…”
O Jonghyun estava a desconfiar de mim, isto estava-me a magoar um pouco, aumento o som do rádio na tentativa de me acalmar e me concentrar noutro assunto. Tentando não mostrar estar incomodado.
-“Onew, ficas-te chateado comigo?”
-“Eu? Não!”
-“Ficas-te triste comigo?”
-“Não!”
-“Ficas-te…Onew desculpa-me!”

POV JONGHYUN

Às vezes só me apetece mandar-me um estalo a mim mesmo, nunca consigo fazer as coisas bem.
Eu não desconfio dele, claro que não desconfiava, ele tornou-se o meu melhor amigo e confio totalmente nele, não abordei o assunto da melhor maneira e agora o rosto dele ficou estranho, triste e a culpa fora toda minha.
Ele faz um desvio brusco para o lado oposto de onde ficava o bar o que me surpreendeu imenso:
-“Hyung? O bar é daquele lado!”
Ele não responde, mantêm-se muito sério a conduzir um pouco rápido demais.
É então que ele pára em frente a uma casa enorme, mas mesmo muito grande, com um grande portão que dava para um corredor que furava por um jardim lindo e muito bem cuidado, no fim do portão abrir, seguimos por o tal corredor e eu olho boquiaberto para os carros que estavam estacionados perto de uma grande fonte com estátuas requintadas em frente da casa.
-“Onew onde estamos?”
Ele continuava a não me responder, abre a porta enorme daquela casa e quando entrámos, eu ia tento um desmaio a observar o luxo da tal casa que mais parecia de um príncipe, sem pensar se estava a ser ousado ou não percorro toda a divisão com o olhar, a vidraça da janela dava a vista para a parte de traz da casa onde estava umas piscinas enormes e uma colecção de bonsais que dava uma decoração encantadora a um pedacinho do jardim com um banco com almofadas. O fundo conseguia ver que de um campo de golfe se tratava.
-“Onew onde estamos?”
-“Em minha casa!”
-“Em tua casa? Eu já fui dormir a tua casa Onew, eu estava alterado sim, mas não me lembro de ela ser tão grande!”
-“A casa onde foste dormir é o meu esconderijo, o meu escape a toda esta luxúria!”
-“Mais porque raio queres tu escapares desta luxúria?”
-“Para encontrar amigos verdadeiros como tu e os rapazes sem ter medo que seja por interesse.”
-“Mas…”
Ele caminha até à janela e fixa o olhar não sei bem onde:
-“O meu pai é o dono de um conjunto de empresas de automóveis por todo o mundo, somos muito ricos, muito invejados e pior que isso, muito ameaçados. Às vezes os negócios não correm como se espera e quando se fala em dinheiro as pessoas enlouquecem. Eu não quero enlouquecer como o meu pai, que me deixou aqui e partiu para os negócios à tanto tempo que já nem do rosto dele me lembro devidamente. Esta é a casa da minha avó, que morreu à pouco tempo, ela é que cuidou de mim e me educou, ensinou-me valores realmente importantes na vida e é a ela que devo agradecer a coragem que tenho de seguir a minha vida sem permanecer no confortável colo de dinheiro que o meu pai me dá. Ele bem que tenta mandar criados e guarda-costas, mas até agora a arma serve-me para dar alguma protecção, apesar de estar descarregada, eu uso-a para o caso de me tentarem assaltar ou ameaçar visto que tenho licença para a usar. O meu pai conseguiu-me arranjar uma licença, ele consegue tudo…ou quase tudo.”
-“Onew eu…”
-“É por isso que eu uso a arma, entendes?”
-“Desculpa…”
-“Desculpa eu Jonghyun, Eu não deveria ter escondido tudo isto de ti, afinal, menti-te para salvaguardar o meu segredo, e isso não se faz ao melhor amigo!”
-“Não precisavas de me esconder isto Onew…”
-“Eu sei…”
-“Eu gosto de ti pelo que és…”
-“E eu de ti de igual modo, mas…eu tinha medo que…começasses a pensar que, de alguma maneira, eu era algo a mais que tu…e eu não queria que tal acontecesse…não queria que te sentisses inferior, porque não és, aliás até és bastante superior…”
-“Eu não sou, eu também tinha algum dinheiro, que foi destruído pelos devaneios do meu pai, e eu vivi com vergonha da pobreza, e mentia ao pessoal a quem chamava “amigo”…mas o Key mudou-me sabes…”
-“O Key é um rapaz muito especial…”
-“Sim…”
(geegeegeebabybabybaby)
-“É o teu telemóvel Onew, é o Hero a ligar-te!”
-“Txii, a actuação no bar…”
[Em chamada]
-“Yoboseyo!”
-“ONDE RAIO TE METES-TE?”
-“Hei! Tem calma, tive um imprevisto, vamos chegar um pouco atrasados!”
-“Não vão chegar atrasados porque eu já cancelei a actuação, para a próxima ao menos lembra-te de me avisares…”
-“Desculpa esqueci-me completamente de…”
-“De mim esqueces-te completamente a toda a hora!”
-“Hero que estás a dizer? Hero…Jaejong?”
[Fim de chamada]
-“Jonghyun ele desligou-me o telefone na cara!”
-“Que bicho lhe mordeu?”
-“Sinceramente não sei mas ele estava a gritar comigo!”
-“Se calhar devias ir ver o que se passou…”
-“Sim tenho que ir ver dele, é que nem imaginas o stress que ele tinha!”

POV MINHO

Senti-lo a tremer nos meus braços estava a dar cabo de mim. Agarro-lhe a carinha e encaro-o com receio:
-“Tae…”
-“Min Ho…”
-“O que sentes, diz-me por favor…”
-“NÃO ME LARGUES!”
Eu volto a apertá-lo contra o meu peito e mimo-lhe o cabelo:
-“Eu estou tão preocupado, Taemin, fala comigo!”
-“Eles querem apanhar-me outra vez Minho, eles querem magoar-me e e…fazer…”
Eu calo-o com um beijo nos lábios agarrando o corpinho dele:
-“shh, Taemin ninguém te vai tocar meu amor, eu não deixo que te toquem, ouviste? Eu não vou deixar…antes morrer do que voltar a não conseguir proteger-te!”
-“Beija-me outra vez Minho, por favor!”
O meu coração gelado de preocupação ganha calor e num suspiro, junto os lábios aos dele fazendo-nos deitar na cama dele devagarinho.
No fim do beijo demoro a abrir os olhos, saboreava aquele sabor que já me pertencia.
Quando abro os olhos reparo que também o Taemin deixou os olhinhos fechados pois ainda se mantinham na mesma posição serena.
Beijo-lhe a testa entrelaçando os dedos das minhas mãos aos dedos das pequeninas mãos dele, até que ele abre os olhinhos.
Ficámos assim por momentos, a decorar cada pormenor do olhar um do outro, até ao momento em que ambos notámos que no nosso olhar, residia o amor que ambos sentíamos um pelo outro, assim como o desejo que proporcionávamos um ao outro em cada gesto.
Regresso aos lábios dele, os meus lábios dançavam com os dele num abrir e fechar de um beijo cada vez mais intenso.
O desejo crescia em cada movimento da minha mão que involuntariamente já se tinha esgueirado para dentro da camisola do pijama dele.
Mordo-lhe o pescoço quente fazendo-o arrepiar e soltar um ligeiro suspiro. É nesse pequeno gesto que ganho a autorização de lhe tirar a camisola, tirando também a minha com um calor a evadir-me o meu corpo.
Beijar o corpo dele causava em mim um formigueiro inexplicável e gerava uma loucura que quase me era difícil de controlar fazendo-me arrancar o resto das nossas roupas com rapidez e desespero.
Juntando mais os nossos corpos agora, tentando controlar a minha respiração acelerada, a voz sai-me num tipo de gemido direito ao ouvido dele:
-“Desejo-te tanto!”
É então que nos juntamos num só.
Tento abafar o grito de dor dele com carinhos excitados por todo o seu corpo, até que o grito passa a gemido de prazer.
Tocar-lhe em toda a parte, partilhar a minha intimidade com ele, intensificava ainda mais o meu sentimento por ele e o meu sentimento por ele intensificava ainda mais os meus movimentos.
A dança dos nossos corpos era perfeitamente sincronizada um com o outro como se do ying&yong se tratasse.

No fim, mantinha o corpinho de Taemin soado agora por cima do meu.
Mimava-lhe as pernas ainda com as respirações aceleradas:
-“amor…”
-“Minho, amor, não me largues…”
-“Não largo, nunca, ouviste? Nunca!”
-“Amo-te!”
-“E eu a…”
Quando oiço o trinco da porta a abrir ia tento uma paragem cardíaca. Nem tenho reacção para tirar Taemin de cima de mim. Apenas fico estático a olhar a porta.
-“MINHO? TAEMIN?”
O Taemin levanta o tronco nu e tapa-nos com um lençol.
O pânico instalava-se ao ver o meu pai á porta com um ar aterrador.

POV HERO

Vou atender a porta e era Onew, fico muito surpreendido mas nem lhe consigo sorrir.
-“Então senhor drama? Podemos falar ou vais ficar ai a olhar para mim?”
-“Que queres Onew?”
-“Tu viste como é que me falas-te ao telefone?”
-“Era só isso? Vá podes ir embora…”
Ele agarra-me os braços e olha-me nos olhos:
-“O que te está a dar? Porque estás a tratar-me a baixo de cão?”
-“Tu é que me ignoras e te esqueces de mim como se eu não importasse!”
-“Mas eu já te disse que foi um imprevisto não disse?”
-“…já, já disseste tudo, podes ir…”
-“Ok então…”
Quando o vejo a virar costas para se ir embora, agarro-lhe no braço e sem pensar, faço o que quero fazer à muito tempo, beijo-o intensamente.
Ele agarra-me nos ombros e empurra-me separando os nossos lábios:
-“Não voltes a fazer isso, ou nunca mais me vês…”
Largou-me e entrou no carro, arrancando a uma velocidade considerável, deixando-me ali, com vontade de desaparecer…

[Fim do capitulo 19]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Juu
Moderador
Moderador
avatar

Feminino Mensagens : 10710
Reputação : 9
Data de inscrição : 06/01/2011
Idade : 22
Localização : What did i become ???0.0

Ficha do personagem
Grupos:
0/10000  (0/10000)
Aulas&Pontuação!:
0/10000  (0/10000)

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Sab 27 Ago - 14:27:42

Yahaha onew , ja nao te lembras como e sentir largado pelo teu amor e fazes o mesmo com o hero , pelo menos o key falou contigo e tudo o que tu disseste foi para ele nao fazer o mesmo e foste embora aih que raiva e depois trata se a si proprio a baixo cao,k olha se tivesse aih levavas umas boas nalgadas que ias pensar 2 vezes antes de fazer o mesmo,


Minho é tão doce para o taemin, adoro este par unnie tao lindo o amor deles, e agora quem e que entrou? os pais deles? ho god nao os separes minha unnie pensa no taemin tadinho.

WOW o onew rico, há ja estou mais calma pelo menos nao tem balas a arma ufa, tadinho do jonghyun eu nao devia ter pena , porque ele podia muito bem ir ter com o key

Mas agora tou com bue pena é do hero, o onew nao tem nem educação a meu ver, foi o hero que o consolou naquela noite em que o key o descpachou(desculpem a maneira de falar)


UNNIE , MWEZI, MIZUKI, SEUTA, GUNJUNIM POR FAVOR DA ME RESPOSTAS , TOU SUPER CURIOSA PARA O PROXIMO CAPITULO, MESMO, MESMO, ANCIOSA


CONTINUA UNNIE, SARANGHAE

_________________
                                      
                     No one never really said that life was easy then why was i so restless, so careless.....

Spoiler:
 

 Ultimate Bias : Taemin♥Nichkhun  Ultimate son: Chanyeol  Ultimate OTPJongKey♥2min  Bias List ultimate  Ruiners: Myungsoo♥Xiumin   (─‿‿─)


                                                                       
Voltar ao Topo Ir em baixo
AndieLiu
Dance Machine
Dance Machine
avatar

Feminino Mensagens : 5853
Reputação : 4
Data de inscrição : 31/05/2011
Idade : 23
Localização : Wanted Dead or Alive

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Dom 28 Ago - 15:45:05

Amor eu peço imensas, mas imensas desculpas, por só estar a comentar agora... e a ler também... mas ontem foi um dia de loucos, e nem pús os pés/mãos/olhos aqui no fórum, aish tanto para actualizar... mas já estou aqui e fiz questão de ser a minha primeira tarefa... hm na realidade não foi, sorry, euu tinha que ir ver a Kiss Kiss Kiss, e assim que vi lá fiquei alforica, e vim ver se no fórum já tinha publicado a notícia e como não, tinha que publicar a noticía (tópico dos videos da banda, pessoal) o rap do Minho finally *___________*

Bem continuando... vou ler agorinha~
Já agora, why I cannot see the picture?

~A ler~



Spoiler:
 

Oh priminho fofo, já estou a ler os teus pensamentos, experimenta aparecer-me à frente e eu digo já no que estás a pensar =P


Spoiler:
 

O nosso priminho está apaixonado *________* o Onew não vai ficar alone *_______* eu estou tão emocionada *____________*


Spoiler:
 

Onew cuddly, please notice what Jae's doing, please!!! I'll not tell you to stop loving Key, for now, but please look at the beautiful boy named Jaejoong you have near you, pleaseeee!
Okay porque é que estou a falar em inglês? Acontece-me quando estou happy =PP e hoje estou muito muito happy... não paro de ouvir Kiss Kiss Kiss *________*


Spoiler:
 

Ohhhh same opinion than you, my dear sachon *_________*
Acho que por pouco não comentei cada frase do Jaejoong P.O.V xD


Spoiler:
 

Pareço eu quando tento disfarçar que algo de mal se passa comigo, mas ao contrário... eu começo a chorar >_<''


Spoiler:
 

Ahhahh eu também estava curiosa em relação a isso, afinal... MAS QUE RAIO LEE JINKI?


Spoiler:
 

Yah qualquer pessoa o faria, mas o Onew? Aish, não o consigo ver de arma... mas lá imagino bem, imagino... a bad Onew *_____________________* LOVE IT!


Spoiler:
 
Hey hey hey... Onew abranda lá... é perigoso conduzir rápido demais... yah, sou contra isso... na verdade só o permito ao meu pai... mas na via rápida... I like speed!


Spoiler:
 

WOW... eu fiquei a olhar para o pc tipo O.O assim o tempo inteiro... agora deixo-lhe andar de arma, e também pode andar a megas velocidades, mas ele que tenha cuidado... e já agora... Onew fofo nem todas as pessoas pensam em dinheiro... a minha suposta "melhor" amiga tem dinheiro e eu nem ligo nada a isso, a minha tia é rica e eu quero que ela me dê livros quando faço anos ou no Natal... gosto de ler >_<''... sim é normal querer ser rica, porque assim as vantagens são maiores, mas epah não me interesso por dinheiro... se eu me apaixonasse por ti, era por seres lindo de morrer =PP


Spoiler:
 

Yoooo, o meu sachon lindo tem sentimentos, obvio que está com ciumes e magoado por o Onew dele se ter esquecido dele!


Spoiler:
 
Bastou-me ler isto, para o meu coração começar a ficar alterado, e neste momento... Minho's rap, perfeito, acho que vou morrer de emoção hoje... continuando~


Spoiler:
 

OMG estou a sofrer de overdose emocional... isto é grave, muito grave *___________*


Spoiler:
 

Não me faças isto baby, eu estou a morrer lentamento, duma doença linda *____* aiiii beija-o beija-o againnn!


Spoiler:
 

Aish estou a entrar em hiperventilação... eu já disse alguma vez que quando estou happy, as minhas emoções são estremamente difícies de controlar e qualquer coisa me faz ficar alterada, hoje estou desse modo, as minhas emoções não estão nada, mas mesmo nada faceís de controlar, ou seja ainda vou acabar por guinchar a toda a hora! Mais Minho mais mais mais~ O Tae tem de ser teu HOJE! Faz esse favor à tua irmã querida, que está muito emocionada!


Spoiler:
 

OMG OMG OMG... KYAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA... lá está os guinchos eu estou a mega hiperventilar... eu estou a super replay Kiss Kiss Kiss, surge o rap no Minho sempre o que gajo fala... ESTOU A MORRER FELIZ *_____________*


Spoiler:
 

TÁ TÃO LINDOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO... I LOVE IT LOVE IT *________________*


Spoiler:
 

O QUÊ? NÃO! NÃO ME FAÇAS ISTO! NÃO NÃO NÃO ANIYOOOOOOOO! T_T


Spoiler:
 

O QUÊ? (again) ANIYO ANIYO ANIYOOOOOOOO! VOU MORRER DESTA VEZ NÃO FELIZ!
Onew fostes tão mau... pah o Key fez-te teoricamente o mesmo, deixou-te porque ama o Jonghyun, mas ele explicou ao menos tudo, e tu em vez de o fazeres, não, PIRAS-TE A ALTA BOLINA! MAS QUE RAIO DE PESSOAS É QUE ÉS PARA MAGOAR A MINHA FAMÍLIA?

~Termina de ler~


AMOR AMOR AMOR, tu resolve-me isto rápido, eu preciso de mais mais mais, rapidamente antes que a minha falta de controlo sobre as minhas emoções seja maior do que eu penso que é e eu acabe no hospital! Mas por amor de Deus, alta momento super romântico 2Min, em que o Minho, o Choi Minho, é um amor de pessoa, não, a pessoa mais querida e doce do mundo e depois de ligarem-se um ao outro o pai dele(s) entra no quarto e eu nem percebi se ele os tinha apanhado! >_<''
Depois, pah acho muito bem o Onew e o Jonghyun se abrirem tanto um com o outro, mas please, não faças com que se abrem demais, ainda acabam apaixonados >_<'' depois outra coisa, vê-se o Onew se apaixona pelo Jae e vê-se o menino Lee Jinki se desculpa ao nosso sachon!

Portanto tudo isto para dizer que eu amei o capítulo, e que quero mais, rapidamente, porque estou com um bichinho teimoso atrás da orelha que não me pára de chatear um só segundo, porque ele quer saber o que se vai passar com todos estes meninos... e já agora quero o Key no próximo capítulo, senti a falta dele >_<''

Baby, Umma Love you... aparece no msn quero falar contigo, tenho saudades!
Voltar ao Topo Ir em baixo
mwezi
Stalker
Stalker
avatar

Feminino Mensagens : 865
Reputação : 0
Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 23
Localização : Seoul, South Korea

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Dom 28 Ago - 17:49:39

Capitulo 20- “Será que me podes ouvir?”



POV MINHO

-“TAEMIN? MINHO? MAS O QUE VEM A SER ISTO?”
Aperto com força o Taemin contra o meu peito:
-“Pai, nós…”
-“EXPLICA-ME O QUE VEM A SER ISTO!!”
-“Eu explico mas deixa o Taemin sair.”
-“Vistam-se AGORA!” Grita ele, batendo com a porta do quarto com toda a força.
Nós vestimo-nos num silêncio desconfortante, ambos sabíamos que nada de bom estava para acontecer.
Quando ele se vira para sair do quarto, agarro-lhe o braço impedindo que ele dê mais um passo, com medo que ele estivesse a fugir para sempre:
-“Taemin…”
Ele olha para mim com um ar assustado e as minhas mãos instintivamente voam para agarrar-lhe no rosto:
-“Taemin aconteça o que acontecer, eu amo-te e isso não vai mudar, ouviste?”
-“Tenho tanto medo Minho!”
Quando saímos do quarto, o meu pai parecia em pólvora de raiva, a mãe de Taemin olhava-nos triste com um ar bastante desapontado:
-“Taemin filho, ele é teu irmão!”
-“Ele não é meu irmão, é meu namorado!”
-“TAEMIN!!!”
Pelo rosto do meu pai, pensei que ele iria explodir a qualquer momento, mas mesmo assim agarro na mão de Taemin com força e encaro-o com rigidez:
-“Pai, eu amo o Taemin, nós namoramos e ninguém nos pode impedir!”
-“CHOI MINHO ENTRA AGORA NO QUARTO, JÁ!!”
Conhecendo bem o meu pai, sabia que não iria ser uma conversa bonita, largo devagar a mão de Taemin e sigo-o para o quarto fechando a porta. O Taemin chamava por mim batendo à porta com agonia.
-“Afaste-te de Taemin, ele é teu irmão, entendeste? É uma ordem!”
-“Nunca, o Taemin é a pessoa que eu amo, eu não o vou deixar, não o posso deixar!”
O que temia então aconteceu, o meu pai volta-me a bater violenta e injustamente.
Eu olhava para ele com a mão no rosto quente e vermelho do estalo, a fazer uma força enorme para não chorar.
-“Escolhe, ou afaste-te dele agora e o tratas como um irmão que ele é, ou o Taemin irá regressar para casa do seu pai.”
-“Não pai, isso não, por favor…”
-“Desiludiste-me muito Choi Minho!”
Antes de bater com a porta e sair, ainda me avisou para tirar as coisas daquele quarto pois eu jamais ficaria com o Taemin no mesmo quarto de novo.
Deixo-me ficar deitado na cama, a congelar enquanto ouvia o chorar do Taemin sem poder abraça-lo.
Teria que me afastar dele…Ele não podia ir para longe, não podia voltar para casa do pai senão eu dava em louco.

POV HERO

Conforme os dias passavam, mais distante o Onew estava de mim, mal me falava e quando falava era demasiadamente frio, portanto, quando nos juntávamos todos para dançar e cantar, eu mal falava.
Estava agora à espera que os rapazes chegassem. Fico perplexo quando vejo o Taemin chegar de Táxi:
-“Hei, Taemin? Vieste sozinho?”
-“Sim vim…”
-“E o teu fã número 1?”
-“Que fã número 1?”
-“Taemin? Quem deveria de ser? O Minho claro…”
-“Não sei onde ele possa estar!”
-“Como assim, vocês andam sempre juntos…”
-“Pois mas já não andamos, eu e o Minho acabámos…”
Fico completamente chocado a olhar para ele, como podiam ter acabado, o Taemin e o Minho? O Casal maravilha…Não podia ser verdade!
-“Taemin o que raio vos aconteceu?”
-“Os nossos pais descobriram o nosso relacionamento e o Minho no fim de uma conversa com o seu pai, acabou dando-lhe razão e decidiu separar-se de mim, mal me fala, só o vejo ao serão e à hora de jantar e mais valia não o ver!”
-“Taemin eu lamento muito eu nem sei o que…”
-“O Minho quebrou todas as promessas que me tem feito ao longo de todo este tempo, em cada momento que sou ignorado por ele, mais ele me magoa….”
-“Tens que seguir em frente, tu és um menino forte Taemin, sempre admirei isso em ti, por trás da doçura, tu tens um guerreiro escondido…tu vais esquecê-lo…”
É então que surgem as lágrimas nos olhinhos de Taemin, eu sabia o que era ser ignorado por quem se ama, quase me apetece chorar com ele.
Felizmente o Onew e o Jonghyun chegam com a música.
Tento dar uma força ao Taemin e voámos para o meio do estúdio começando a cantar e a dançar.
No meio de uma música o Onew fora contra mim, em vez de se desculpar, não, começou a gritar comigo para eu ter mais atenção, só me apetecia fugir dali, ele já me humilhara de mais. Só não me fui embora por apoio ao Taemin, mas mesmo com todos os meus esforços, era em vão, o Taemin permanecia cabisbaixo até que pára de dançar e agachasse, muito pálido, com a respiração demasiado acelerada.
-“Onew pára a música! Taemin, tu estás bem?” Grito eu, assustado com a aparência dele.
Onew desliga a música e no momento a seguir o Taemin caí no chão desmaiado.
Eu fico parado, em estado de pânico em saber o que fazer, quem reagiu foi o Onew deitando-o e tentando despertá-lo.
Sinto uma sensação enorme de alívio quando o pequeno abre os olhinhos
-“Jonghyun liga ao Minho!” Ordeno eu ainda muito nervoso.
-“não” Diz o Taemin tentando-se levantar com uma voz rouca e sumida.
-“Taeminnie deita-te já, não fales agora!”
Jonghyun pega no telemóvel:
m:”yoboseyo?”
J:”Minho tenta vir ao estúdio do Onew, agora!”
m:”Ao estúdio, não posso…”
J:”Minho tens que vir agora o Taemin desmaiou, não esta nada bem!”
m:”O Taemin o quê?”
J:”Estou à tua espera!”
-“O Minho já vem Taemin…”
-“Eu não quero o Minho aqui Jonghyun, estou bem!”
-“Estás a delirar só podes, fica quieto!”

Passado menos tempo que o esperado, o Minho entra pela porta a dentro assustado, caminha em direcção a nós que estávamos agachados no chão onde Taemin estava deitado.
Assim que Minho chega perto do loirinho, nós abrimos alas afastando um pouco.
O Minho ajoelha-se ao lado dele tirando-lhe os cabelinhos do rosto:
-“Taemin o que te aconteceu? Tu estás bem?”
-“O que é que isso te pode importar? Saí!”
O Minho passa a mão pelo rosto soado e pálido de Taemin com carinho, ele espalhava amor por todos os lados, era um crime estarem separados:
-“Taemin estás gelado, vamos ao hospital!”
-“Não quero ir a lado nenhum, deixa-me estar!”
-“Taemin vamos ao hospital, não me estás a ouvir? Tu não estás bem!”
-“A CULPA É TUA CHOI MINHO!”
-“Taemin por favor…”
-“Por favor coisa nenhuma, tu és um mentiroso, quebras-te todas as promessas que me fizeste…”
-“Tu tens razão…”
-“LARGA-ME AGORA, SAÍ DAQUI!”
-“Eu vou levar-te ao hospital…”
-“SAÍ SAÍ….”
O Taemin tremia agora, parecia demasiado assustado e eu estava com um pouco de receio, até que fico mesmo preocupado quando ele se vira para o lado e vomita.
Onew: -“O Taemin esta a ter um ataque de pânico, Minho chega… Espera lá fora!”
-“NUNCA!”
Minho agarra no Taemin ao colo e limpa-lhe o rosto com uma toalhinha beijando-lhe o rosto:
-“Tem calma meu amor, está tudo bem!”
É então que os gritos entalados na garganta de Taemin passam a lágrimas e a cor volta ao rosto do pequeno.
Minho chora também, agarrando-o no colo como se o estivesse salvo da morte.
-“Minho…”
-“Perdoa-me meu amor, mas eu tinha medo que que…voltasses para casa do teu pai, eu não quero… eu não posso aceitar tal coisa.”
-“Não tenho conseguido dormir sem ti no meu quarto, eu sufoco a ver a tua cama vazia Minho!”
-“Que podemos fazer Taemin? Diz-me e eu faço…qualquer coisa…”
-“Não te afastes…”
-“Eu o meu pai? Ele vai mandar-te para casa do teu pai…”
Mais nenhum dizia nada, estavam apenas abraçados um ao outro a chorar, olho para o Onew e para o Jonghyun, o Onew estava com um ar sério a olhá-los, de certo que tal como eu, achava que separá-los era um crime enorme, o Jonghyun esconde a cara entre as mão e de seguida corre para a rua.

POV MINHO

Ele estava assim por minha culpa, fui um cobarde e acabei por o magoar, eu nunca mais me irei perdoar por isso, eu lutarei por ele nem que eu tenha que esconder este amor entre mim e ele da maneira que der.
Ele estava a chorar nos meus braços de novo.
Eu não o estava a conseguir fazer feliz.
Sinto-me tão inútil e venerável mas ao mesmo tempo tão possuído de amor por ele que até para o deixar no banco do carro me custou a largá-lo.
Dirijo até casa com preocupação pela forma como poderá ser a nossa recepção por parte do meu pai.
Ele dormia, notava que estava muito casado, provavelmente fora como ele disse, não conseguia dormir sem eu estar no quarto.
Pego-o ao colinho e entro devagar em casa.
-“Estávamos à tua espera para jantar, o que raio pensas que estás a fazer com o Taemin ao colo?”
-“Shh, fala baixo pai ele está a dormir, ele sentiu-se mal…”
-“O QUE ESTAVAS A FAZER COM ELE?”
-“Eu não estava com ele, ligaram-me a dizer que ele tinha se sentido mal pai…”
-“É melhor deitá-lo na cama e vires jantar, não é por o estares a agarrar que ele fica melhor!”
Apetecia-me tanto desmenti-lo, acusa-lo do que tinha acontecido, encará-lo, mas não consigo, não tinha estômago para tal coisa, não hoje.
Caminho até ao quarto e deito o Taemin na caminha, mimo-lhe o rosto enquanto lembro os momentos passados naquela divisão...
O Taemin realmente pertencia-me e eu a ele.
Desejo que o tempo volte atrás, desejo que estivesse a beijá-lo como naquela noite, fecho os olhos e sinto o seu cheiro, o desejo cresce em mim como crescia sempre que lhe tocava, o respirar dele apodera-se do meu corpo criando uma corrente magnética que me obrigava a descer o tronco e a unir os meus lábios aos dele.
Quando dou por mim já o estava a beijar e a mão dele, como por magia, já se tinha entrelaçado aos meus dedos.

POV HERO

Decidimos então ir para casa, o encontro para dançar tinha sido bastante imprevisto.
O Onew no fim de animar o Jonghyun e de já o ter posto a sorrir, convida-o para, nesta noite, ficar na sua casa.
-“Onew podes dar-me uma boleia até casa?” Pergunto eu, ainda que a medo.
-“Não me calha bem, já está tarde e ainda tenho que fazer umas coisas, apanha um táxi!”
Percebi logo que ele não queria mesmo era estar comigo mais tempo, senti como que um empurrão violento dado por ele.
-“Ok…Onew…tudo bem!”
-“Ok então, vamos Jonghyun?”
-“Ahm, sim vamos hyung…”
Eles caminham até ao carro, o Jonghyun ainda se vira para trás e faz um sorriso simpático, eu retribui-o mas quando o carro arranca o choro que me estava preso no peito solta-se.
Corro sem saber bem para onde pela rua. Para melhorar o momento começava a chover-me em cima.
A chuva fria intensificava-se em cada passo que dava, gelava-me o corpo ficando este quase tão gelado como o meu coração.
A noite, as lágrimas, a chuva, estavam-me a cegar e sentia-me sem destino, não conseguia pensar em nada, não conseguia focar nada na estrada.
Uma rajada de vento e um grito de uma mulher faz-me tirar o olhar do chão, é ai que vejo dois olhos enormes amarelos e vermelhos em direcção a mim, o meu corpo não foi capaz de reagir deixando-se ficar até sentir um embate forte, fica tudo escuro por momentos, sinto algo liquido correr-me pelo rosto a baixo, um monte de gente corre para mim, ouvia-as ao longe. O som do meu coação parecia que tinha sido ampliado e em cada batimento lento ouvia o nome “ONEW” a ecoar-me pelo peito.

[fim do capitulo 20]
Voltar ao Topo Ir em baixo
AndieLiu
Dance Machine
Dance Machine
avatar

Feminino Mensagens : 5853
Reputação : 4
Data de inscrição : 31/05/2011
Idade : 23
Localização : Wanted Dead or Alive

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Dom 28 Ago - 19:36:08

Mim tar aqui, lendo o segundo capítulo seguido teu hoje =PP

~A ler~


Spoiler:
 

Aiii já estou com medo T_T


Spoiler:
 

Hmmm, estou confusa agora... mãe do Taemin... então means que a mãe do Taemin está junta com o pai do Minho, e que o pai do Taemin e a sua mãe estão separados, neh?


Spoiler:
 

Força Minho, fighting, Unnie contigo para sempre... Omo porque razão é que eu estou com o coração mega acelarado, mas desta vez de medo?!


Spoiler:
 

*Cenário anime... trovão embate sobre mim* ANIYOOOOOOOOOOOOOOO! T_T


Spoiler:
 

Aiiiii, o meu bebé está a chorar, o meu deus está... ahhhhhhh... isto é demasiado para eu aguentar... aish a minha emoção está demasiado alterada! >_<''
Eu aguento, vá coração forte aguenta-te!


Spoiler:
 

Taemin... Taemin ouve a tua dongsaeng... ele fez-o por um bom motivo, aiii ouve-me anjo, ele ama-te muito, ele apenas não quer que vás embora... ele está a tentar proteger-te, ver-te durante um pouco faz-lhe ter forças para continuar a proteger-te! Entende isso, amor!


Spoiler:
 

Bebé eu compreendo... aiii meu deus, isto está a dar-me um mau pressentimento!


Spoiler:
 
Mas o que se passa? Eu sabia que o meu pressentimento era verdadeiro... aishhhh bebé tu andas a comer? A alimentar-te bem? Aiii mas o que se passa contigo?


Spoiler:
 

O quê? É bom que o Minho chegue lá rapidinho!


Spoiler:
 

Minho chegou rapido demais... mas a minha reacção foi toda... lê seguidinho... AIII MEU DEUS DO CÉU COMO EU AMO 2MIN!
Eu também acho um crime separar estes os dois, não os suporto ver separados, aish que horror (vou-me odiar for ever)
Mas o Jjongie... Jjongie~


Spoiler:
 

Ohhhhhhhhhhhhhhhhh~ como eu os amo *___________*


Spoiler:
 

Ehhhhhhhhhhhhhhhh o nosso sachon foi... foi... foi ATROPELADO!!!!!!!!!!!
OMG é de vez, o meu coração está DOENTE!

~Termina de ler~


Oh minha docura, eu estou sem palavras, visto que estou em estado de choque... eu quero mais, obviamente, porque eu não estou... não estou preparada para perder o nosso sachon... e quero realmente saber do que vai se passar entre 2Min... god como odeio o pai do Minho... urggg... e o Jjongie tão triste... o Onew tão mau'zinho para o Jae... o Key, cadei o Key, eu quero o Key de volta T_T

Tu sabes que mesmo que o capítulo tenha sido, demasiado forte para mim, em termos de emoções de: ANIYO, eu amei-o, porque tu consegues demonstrar tanto sentimento belo... ai meu amor se não te despachas dá-me um coisinha má... e tu sabes que a minha overdose emocional, só é estabilizada quando recebe os meus medicamentos! (medicamentos = love, read and SHINee)

Voltar ao Topo Ir em baixo
mwezi
Stalker
Stalker
avatar

Feminino Mensagens : 865
Reputação : 0
Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 23
Localização : Seoul, South Korea

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Dom 28 Ago - 19:44:00

Amanha já devo postar o capitulo 21, (21 já tzxé que numero grande)
Ainda bem que estás entusiasmadinha umma, é tão giro ver as tuas overdoses emocionais.
KOMAWO saranghaeyo
Voltar ao Topo Ir em baixo
AndieLiu
Dance Machine
Dance Machine
avatar

Feminino Mensagens : 5853
Reputação : 4
Data de inscrição : 31/05/2011
Idade : 23
Localização : Wanted Dead or Alive

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Seg 29 Ago - 0:04:56

Isso a partir de agora chamo de overdoses emocionais... time de ter outra.. eheheh
Voltar ao Topo Ir em baixo
C'Adiragram
Queen Symptoms
Queen Symptoms
avatar

Feminino Mensagens : 7630
Reputação : 0
Data de inscrição : 21/04/2011
Idade : 21
Localização : Coreia do Sul +.+

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Qua 31 Ago - 12:35:40

DEsculpa só comentar agora mas so agora é que li querida! Ohh eu nao acredito que arruinaram 2 min :x e o que raio está o Onew a fazer ao Hero??? Omg anda tudo maluco! e ele foi mesmo atropelado? :s tantas perguntas para responderes com mais um capitulo :P please rapido!^^
Voltar ao Topo Ir em baixo
Nena
Broken Time
Broken Time
avatar

Feminino Mensagens : 1606
Reputação : 0
Data de inscrição : 17/06/2011
Idade : 19

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Qua 31 Ago - 16:45:16

mais~ deixaste me curiosa Monkey 206
posta mais, mais, mais vá-la~! Monkey 152
Voltar ao Topo Ir em baixo
AndieLiu
Dance Machine
Dance Machine
avatar

Feminino Mensagens : 5853
Reputação : 4
Data de inscrição : 31/05/2011
Idade : 23
Localização : Wanted Dead or Alive

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Qua 31 Ago - 20:19:14

Amor, minha baby, estou tão cheia de saudades tuas T_T hoje precisava de ti, tive um mau momento *beicinho* Umma chorou muito hoje, baby!

Quero falar contigo muito muito, AMO-TE!!! Monkey 32
Voltar ao Topo Ir em baixo
mwezi
Stalker
Stalker
avatar

Feminino Mensagens : 865
Reputação : 0
Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 23
Localização : Seoul, South Korea

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Qui 1 Set - 12:25:42

Umma sabes que tenho estado em casa da unnie rita consegui agora vir ao ipod dela deixasteme peocupada minha linda que se passa ? Fica bem yeobo saranghaeyo
Voltar ao Topo Ir em baixo
AndieLiu
Dance Machine
Dance Machine
avatar

Feminino Mensagens : 5853
Reputação : 4
Data de inscrição : 31/05/2011
Idade : 23
Localização : Wanted Dead or Alive

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Qui 1 Set - 14:49:35

Amor o carregador do meu pc estragou-se ontem, desliguei o pc assim que soube e só tenho 1 hora e meia de bateria nele, agora estou a trabalhar com o computador do escritório da minha sala, mas eu não chorei tanto, a minha mãe estava sempre a culpar-me e depois houve aquela questão de o pc ser algo muito importante para mim e de eu precisar dele para a escola, e os carregadores são caros, mas quando o meu pai chegou a casa disse que comprava um carregador, porque eu preciso! Aí consegui alegrar-me um pouco,m e os meus pais concederam-me escrever neste computador, só que ele é magnificamente lento e não estou habituada ao teclado dele, mas não me posso queixar né!

Estou cheia de saudades tuas, sinto-me tão mal por não responder aos teus sms... god sabes acabei agora de ver o filme: Hachiko, Amigo para Sempre, pah estou a chorar que nem um bebé, o filme é tão triste, e toca-me muito porque sou chamada de Hachi por alguns amigos meus e a filha do cão chama-se Andy, duas alcunhas numa só... ms isso não interessa... o que interessa é que a tua Umma está a morrer de saudades tuas, ama-te muito, assim como o Appa que também está a morrer de saudades... a tua Umma está a trabalhar arduamente... não fiques preocupada comigo, okay? Umma não quer que te preocupes.... e eu nunca nunca me esqueço de ti ^___^´

Saranghae (L)
Voltar ao Topo Ir em baixo
mwezi
Stalker
Stalker
avatar

Feminino Mensagens : 865
Reputação : 0
Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 23
Localização : Seoul, South Korea

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Sab 3 Set - 20:12:13

Capitulo 21-“O inevitável”




POV KEY

-“Bom dia Key!”
-“ahhh…annyong…”
Bom dia só se for para ti, não consegui dormir nada de noite por causa do barulho que a festa do vizinho estava a fazer, não consegui comer nada, o meu estômago nada aceita, estou a morrer de sono e só queria ir para a cama e não acordar mais.
A única coisa que me entusiasma neste dia de meter pena é que o meu primo está para se mudar para minha casa hoje, adoro o meu primo, sempre nos demos incrivelmente bem e estava mesmo a precisar de alguém como ele para ver se vivia um pouco, pois o que eu ando é a sobreviver vazio, por aí, desde que deixei Seoul.

POV TAEMIN

Hoje a minha mãe e o meu pai fazem anos de casados, apesar do ambiente não estar nada bom cá em casa e de eu estar com um pressentimento que algo de errado está para acontecer, estava feliz por eles, eles estavam especialmente românticos um com o outro e o sorriso no rosto do pai do Minho fazia-me lembrar o do meu grandalhão, doce e contagiante tal como o dele.
Tentava escapar ao piquenique de família na praia, apesar de estar calor hoje e de até estar bom para ir à praia, iria sozinho com os pais e com o Minho e isso deixava-me um pouco inquieto, custava-me estar longe dele, custava-me fingir que ele é apenas uma pessoa da minha família. A cada momento que estou com ele apetece-me saltar-lhe para cima e beijá-lo e sentir a sua pele, o seu corpo bem perto do meu.
Mas tal não podia acontecer, não hoje, não queria estragar aquele dia especial, não queria entristecer a minha mãe nem me quero arriscar a que o pai do Minho me faça voltar para casa do meu pai.
-“Taemin estás pronto filho? Posso entrar?”
-“Umma, estás tão bonita!”
-“Anda yeobo o Minho e o appa já estão no carro à nosso espera!”
-“Umma…eu não quero ir…”
-“Porque não? Vai ser divertido…”
-“Divirtam-se vocês…”
-“É por causa do Minho?”
-“Umma…eu…”
-“Filho eu sei, tu gostas dele, eu conheço-te, eu vejo nesses olhinhos, mas o pai dele não consegue ver isso, não agora e não sei se algum dia irá aceitá-lo, não vamos querer destruir esta família que construímos filho…”
-“Mas umma…eu…”
-“Tu consegues filho, eu sei que sim! Anda não vais deixar a umma sozinha neste dia especial pois não?”
-“…Vamos umma!”

Durante toda a viagem tentava que os meus olhos não embatessem com os do Minho, mas tal não era possível, estava sempre a acontecer, o que até me fazia corar. Felizmente o pai do Minho ia tão atento à estrada que não reparou.

A praia tinha pouca gente, não é vigiada e é um pouco selvagem, o que a tornava mesmo muito bonita.
Tentei o melhor que pode controlar-me durante o piquenique mas o Minho notava-se que estava bastante inquieto, até que se levanta:
-“Vou dar uma volta, volto já!”
Hora do ipop, deitei-me na areia a ouvir música e a olhar o céu limpo, onde casualmente passava um e outro pássaro, um, dois…três…vinte…

Quando acordei já tinha passado umas horas, olho para os meus pais que agora estavam em pé a olhar para um lado e para o outro:
-“Umma, que se passa? Para onde estão a olhar?”
-“O Minho…, já fomos dar uma giro à praia a procura dele, ele nunca mais aparece!”
-“Não aparece?”
-“Ai, por favor que ele esteja bem…”
-“O QUÊ? JÁ PASSOU TANTO TEMPO E ELE AINDA NÃO VOLTOU?”
-“Taemin…”
Nem ouvi o resto que o pai do Minho estava a dizer, corri pelo areal em busca do Minho, o meu coração batia com tanta força que até doía, ele tinha que estar bem.

Começo a desesperar, não o vejo em lado nenhum… Minho, meu grande pabo, onde te foste enfiar, juro-te que quando te apanhar te vou bater tanto…O sufoco ia aumentado, o Minho não estava no areal…onde poderá estar?...
É então que decido parar para pensar nas opções de onde pudesse ele ter ido.
Sento-me à beira mar a pedir ajuda ao vento, ao céu, ao mar, a tudo, mas por favor, eu quero o…
Estava alguém lá longe com um braço no ar, parecia estar a dizer-me adeus, mas é ai que vejo que o mais provável é estarem a pedir ajuda. O pensamento do Minho a afogar-se penetra-me pelo corpo fazendo-me correr para o mar e nadar o mais rápido que consigo sem me preocupar em respirar.
O corpo dele deixava-se cair pelo mar a dentro, o meu coração gela, ele estava já inconsciente. Agarro-o e, com toda a força do meu ser, luto para nos trazer aos dois para a margem.
Deito-o no areal, ofegante, a fraquejar dos músculos de tanto esforço, abraço-o:
-“Minho, por favor acorda, por favor…”
Já nem tinha forças para chorar, lembro o que o Onew me tinha ensinado um dia sobre socorros e tento fazer o melhor que posso com o Minho.
Até que ele deita a água pela boca, tossindo a tremer.
Agora a soluçar, agarro-lhe o corpo para que não descaísse para a areia:
-“Minho, amor…”
Os pais chegam a correr, cheios de preocupação, a fazer montes de perguntas, mas ao verem que não eram respondidas, optam por se calarem ficando ali, a olhar-nos agarrados um ao outro a tremer e a chorar com medo ou alivio, uma mistura de sentimentos onde dominava o amor.
-“Minho, tu estás bem meu grande pabo? O que aconteceu?”
-“Tive uma cãibra, eu…Taemin não me largues!”
-“Não voltes a assustar-me desta maneira, ouvis-te?”
Beijo-lhe o rosto ainda pálido e molhado e de seguida junto os meus lábios aos dele num beijo que o Jack daria á Jane se sobrevivessem ao naufrágio do Titanic. Quando termino o beijo volto a apertá-lo nos meus braços, agora era a minha vez de te proteger.
Olho para os nossos pais, esperando gritos de reprovação do pai de Minho mas em vez disso vejo um sorriso puro entre lágrimas de preocupação.

POV Jonghyun

-“Onew, o que te deu para teres tantos bonsais em casa?”
-“Eram da minha avó, cabe-me a mim cuidar da sua vasta colecção!”
-“É mesmo grandiosa, adoro aquele das flores azuis, que engraçado!”
Digo apontando para um deles e de seguida sento-me nas almofadas que cobriam o relvado daquele pedaço de jardim tão espiritual. O Onew senta-se ao meu lado e fica a olhar o céu coberto de estrelas.
-“Hoje está uma noite fria…”
-“Hm hm…”
-“Hyung…”
-“Diz…”
-“O que se passa entre ti e o Hero?”
-“O quê? De que estás a falar?”
-“Viste como o tratas-te, hyung?”
-“Normalmente…”
-“Ultimamente andas a trata-lo a baixo de cão Onew, parece que ele tem alguma doença contagiosa pois quando ele está, tu só queres fugir. Tu não vês que ele…”
-“Que ele o que?”
-“Esquece!”
-“Anyo, agora dizes!”
-“Que ele gosta de ti? Mesmo muito?”
-“Jonghyun não comeces…”
-“Tu também sabes que ele te adora, porque o afastas desta maneira?”
-“Eu já o beijei…”
-“O que? Tu a ele? Quem? Quando?”
-“Quando o Key acabou comigo eu fiquei destroçado, encontrei o Hero e foi nessa noite que o conheci melhor, ele apoiou-me, divertimo-nos muito juntos, ganhamos o emprego no bar e acabamos por adormecer os dois à beira rio. Quando eu acordo, ainda tinha a mão dada com ele. Ele dormia sereno, com a carinha tão perto da minha, só o queria abraçar e dizer 1000 vezes obrigado mas em vez disso fechei os olhos e beijei-o…”
-“BEIJAS-TE? ÉLAAA AONDE NA BOCA?”
-“Sim…beijei-o e nos dias seguintes só desejava beijá-lo, só sonhava com ele, só o via à frente e isso assustou-me. Eu amava o Key, como podia em tão pouco tempo já sentir tal coisa pelo Jaejoong? Estou confuso, com medo de todo este sentimento, e sou um cobarde…e pelo que parece, acabo por ser um grande parvo com o Hero, e ele não merece nada disso…aliás, ele merece alguém muito melhor que eu Jonghyun.”
-“Faz de conta que não ouvi isso…Onew, tu és incrível, o Hero é incrível, tu não sejas parvo e tu vai mas é falar com ele e ver se resolvem as coisas! Isso faz algum sentido o que acabas-te de me dizer? Se tu gostas dele, não há nada para confundir ou pensar, não se pode tentar entender os sentimentos senão enlouquecemos antes disso…”
-“Mas JongHy…espera o meu telemóvel esta a tocar…yoboseyo?”
(chamada)
-“Boa noite, conhece o menino Kim Jaejoong?”
-“Sim sim, conheço, mas quem está a falar?”
-“É o condutor, que atropelou o jaejoong, era para dizer que encontrei o telemóvel dele no chão da estrada, o rapaz vinha desorientado e eu não consegui parar a tempo, ele já está no hospital, espero que esteja bem, não sabia a quem comunicar então liguei para o favorito do telemóvel.”
-“O quê?”
-“Lamento se sou eu a dar-lhe a má noticia, lamento muito o sucedido!”
(fim de chamada)
-“Hyung quem era?”
-“Aconteceu algo ao Hero… Jonghyun, rápido vamos…”



POV ONEW

Não consegui pensar durante a viagem, o meu coração bombeava o sangue com rapidez. O medo impedia-me de falar.
Vou a correr pelo hospital a dentro perguntando pelo Hero, mas iam-me dizendo para aguardar pois ele está a ser analisado. Não conseguia parar de um lado para o outro, se lhe acontecesse algo de mal eu não me perdoo-o, juro que não me perdoo-o, afinal a culpa era toda minha, eu é que não lhe dei boleia porque, tal como diz o Jonghyun, sou um grande parvo.
Quando me chamam eu antecipo-me para a entrada do quarto, abrando quando vejo o Hero com a cabeça e a perna ligadas, felizmente estava acordado mas com um ar fraquinho que me quebra o coração e me faz querer esganar a mim mesmo:
-“O…on..ew!”
-“Shh, não fales agora, descansa!” Digo-lhe eu caminhando até ele agachando-me ao lado da cama e agarrando na mão fria dele.
-“Onew desculpa ter-te beijado naquela noite, e depois lá em minha casa, por favor…”
Calo-o com um beijo doce.
Dos lábios dele sai um som sumido:
-“Terceiro…”
-“Terceiro? O quê?”
-“Terceiro beijo Onew!”
Eu sorrio ligeiramente mimando-lhe mãos:
-“Não…Quarto…”
-“Quarto?”
-“Também não precisas de saber de tudo Jaejoong!”
-“Mas eu quero saber…”
-“O quê?”
-“Se tu…”
-“Sim, eu gosto de ti, e eu sou um grande parvo, desculpa-me!”
-“Onew? Estás a chorar?”
-“Eu não sou de ferro, estas assim, e a culpa é toda minha…”
-“Sim pois é…Significa que…Posso escolher a recompensa de culpa!”
-“Qualquer coisa…”
-“Não…me afastes mais…”
Eu agarro na carinha dele e sorrio, a felicidade que agora sentia era inexplicável. Junto os meus lábios aos dele, parecia que os nossos lábios foram feitos para se encaixarem perfeitamente um no outro:
-“Não me afasto mais de ti, não consigo!”

[fim do capitulo 21]
Voltar ao Topo Ir em baixo
AndieLiu
Dance Machine
Dance Machine
avatar

Feminino Mensagens : 5853
Reputação : 4
Data de inscrição : 31/05/2011
Idade : 23
Localização : Wanted Dead or Alive

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Sab 3 Set - 23:03:41

Aqui estou eu finally... são 22:33 agora... já sabes que a imagem mata-me... só mesmo 2Min!

~A ler~

Spoiler:
 

Pregunto-me quem será o primo dele!


Spoiler:
 

Quando comecei a ler e chegou à parte do pressentimento, foi OMG e depois continuei e vi que eles estavam especialmente românticos um com o outro, foi ohhh que fofos... depois quando ele diz que o sorriso no rosto do pai do Minho fazia-lhe lembrar o do sey grandalhão, doce e contagiante tal como o dele, fiquei ohhhh so damn sweet~


Spoiler:
 

Aiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii que emoção~


Spoiler:
 

Hora do Ipod, eu tenho bués horas dessas, deixa-me ver quase sempre que estou no pc e a fazer tarefas domésticas ^____^


Spoiler:
 

OMGGGGGGGGG o que se passou com o Minhoooo???


Spoiler:
 

Sim vai um spoiler de tal tamanho, mas pahh eu estive colada ao ecrã a minha sarang é prova porque estou com web... fuckk eu assustei-me tanto e depois vejo o Tae a fazer de tudo para o encontrar, e depois... ahhh os pais deles viram eles os dois a beijarem-se e a trocarem mimos T_T aiii que felicidade... adoro quando pões Titanic aqui~ mas pahhhhh o pai do Minho agora vai ser bom'zinho?


Spoiler:
 

Wait a sério, não foi o Jae a beijar-te? >_<''


Spoiler:
 

Ahhhhhhh seu malandro... o Jae fez o mesmo ^_____^


Spoiler:
 

What the fuck Kim Jonghyun! That's not a question!


Spoiler:
 

Ohhhh que fofo, mas este magano não sabe que o Jae sente o mesmo! Fuck!


Spoiler:
 

O meu primo foi o QUÊ??? Maldito que vou mata-lo!


Spoiler:
 

Primeiro, ainda bem que o nosso priminho está bem... segundo.... ahhhhh finally, love love love~ *______*


Spoiler:
 

Aiiiiyagggggggaahhhh amoooooooooo~

~Termina de ler~

Aiii meu amor eu cada vez estou a amar mais e mais... agora estou naquela de quem é o primo do Key? Gajo bom, só pode =PPP
Depois aish fiquei com curiosidade por saber o que os pais deles vão fazer... e como é que ... o Jjongie e o Key vão.... aishhhhhhhhhhhhhh que coisa... prontos isto basicamente é um.... maisss... I want to know more and more and more!
Voltar ao Topo Ir em baixo
C'Adiragram
Queen Symptoms
Queen Symptoms
avatar

Feminino Mensagens : 7630
Reputação : 0
Data de inscrição : 21/04/2011
Idade : 21
Localização : Coreia do Sul +.+

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Seg 5 Set - 12:13:19

Eu adorei!! Mais mais mais!!! vá continua!! Por favor agora que o Jaejoong se acertou com o Onew paras-te? :s e a minha curiosidade quer saber quem é o primo do Key! ^^ :d Posta mais! ^^
Voltar ao Topo Ir em baixo
mwezi
Stalker
Stalker
avatar

Feminino Mensagens : 865
Reputação : 0
Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 23
Localização : Seoul, South Korea

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Seg 5 Set - 13:20:28

Daqui a pouco já vou postar o proximo capitulo.
A meu ver é o capitulo mais importante da fanfic por isso espero de coração ter consigo expor por palavras o que estava imaginado na minha cabeça.
Espero que gostem queridas.
Voltar ao Topo Ir em baixo
mwezi
Stalker
Stalker
avatar

Feminino Mensagens : 865
Reputação : 0
Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 23
Localização : Seoul, South Korea

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Seg 5 Set - 13:34:11

Capitulo 22-“A Magia do Destino”





QUATRO MESES MAIS TARDE, 22 de Setembro, 20 p.m

-“Era uma vez um menino que andava a passear pelo campo, quando encontra uma fotografia no chão. Todo entusiasmado o menino pega a fotografia e repara que era ele, quando era pequenino, a brincar com um menino no parque cheio de flores. Fica delirante e surpreso com tal coincidência doce. É então que uma vontade enorme de saber quem era o pequenino que o acompanhava, cresce no peito do menino, mas na sua cabeça ele sabia que provavelmente nunca iria descobrir o dono daquele sorriso que estava impresso naquele pedacinho de papel. E nesse pensamento sem esperança, o menino entristece, caminhando pelo campo sem destino, sendo apenas guiado pelo vento… Até que, ouve uma voz, uma voz doce e pura, era uma voz masculina, mas parecia ser de um anjo de tão perfeita que era, a canção que ele cantava entrava no coração do menino e passa a substituir o vento, guiando-o então até ao dono da voz. Parecia um príncipe apesar do seu ar matreiro e do seu estilo moderno, devagar o menino sentasse ao lado do cantor e fica a olhá-lo, nesse momento, o cantor sorri-lhe. É então que o menino reconhece aquele sorriso familiar e abraça-o com força, desejando nunca mais o largar, com medo que tudo aquilo fosse um sonho. È então que anoitece, e o menino tinha que sair daquele abraço e voltar para casa. Com um adeus despede-se. Acordando depois no seu quarto escuro e frio. É aí que olha para a janela e repara que a realidade não é tão bonita como aquele sonho doce, por isso pede…pede com toda a alma às estrelas para que da próxima vez que sonhasse, encontrasse de novo o rapaz, anjo, príncipe cantor…”
-“Key…Não te faças isto a ti mesmo…”
Viro para trás e lá vejo o meu primo Ki Kwang a olhar para mim com um ar de reprovação.
-“Só estava a contar uma história ao teu irmão para ele adormecer!”
-“Key…”
Não conseguindo conter mais as lágrimas, choro, choro tanto, choro mais do que me lembro qualquer dia ter chorado, com a escuridão da realidade demasiado entranhada no meu dia-a-dia.
O meu primo abraça-me tentando dar algum apoio, mas eu sentia demasiada saudade, demasiada revolta daquilo tudo não ter passado disso, dum sonho…pelo menos é assim que o tenho que considerar.

POV JONGHYUN

Rápido homem do táxi, rápido, não posso chegar antes da meia-noite senão está tudo estragado.
Queria lhe dar a melhor prenda de aniversário de sempre, queria tanto abraçá-lo agora que finalmente consegui o dinheiro para vir ter com ele.
O meu coração palpita tanto que até parece que me quer sair pela boca, sinto o meu estômago a dar voltas do nervosismo e as minhas mãos não param de tremer, passado 4 meses será que ele se lembra do seu papagaio de franja amarela?
Estava quase a chegar à morada que o Taemin me disse, já vejo a casa, wow parece enorme, e é super envidraçada, adoro.
Pago ao homem do táxi a tremelicar o que faz o homem olhar-me com uma cara do tipo:
“Coitadinho este não joga com o baralho todo!”
Tinha por baixo do braço a prenda que tinha para ele. Paro à frente da porta à espera da meia-noite para tocar à campainha. Estava frio e eu não conseguia de todo parar quieto. Andava de um lado para o outro até que não resisto a olhar pela janela.
De inicio tinha dificuldade em perceber mas depois o meu cérebro conseguiu decifrar a imagem, o Key estava abraçado a um rapaz, no sofá, com a cabeça no peito dele e com um ar sereno no rosto que continha um sorriso ligeiro nos lábios.
Senti o céu cair-me na cabeça, eu sou tão parvo ao achar que ele ainda esta a esperar por mim, ele parece feliz, o rapaz é bonito para alem de parecer carinhoso, mas o que pensava eu que vinha fazer?…demorei tempo demais…
Com as lágrimas a cercarem-me os olhos e com o peito a querer soluçar, só tive tempo de escrever umas palavras que me estavam no sufoco num papelinho e coloquei preso no laço do meu presente e deixei lá, à porta dele, sem o incomodar.
Corri pelas ruas do Japão como se as conhecesse, já estava mais que perdido mas isso nem me importava, a agonia que sentia no peito era tão grande como quando a nossa mãe nos dá um estalo por alguma coisa que não tivemos culpa e ficamos com aquela vontade de gritar ao sentirmo-nos alvo de uma grande injustiça que temos que sofrer calados.

POV KEY

O meu primo contara-me anedotas numa tentativa de me animar, não me sentia animado, mas admirava o seu esforço, ao menos não estava a chorar e era graças a ele.
-“Já é meia noite Key, vamos lá para fora à procura da tua estrela…”
Eu agarro na mão dele e vamos lá para fora, abrimos a porta e olhámos para as estrelas:
-“Quero aquela grande!”
-“Pede-lhe um desejo aniversariante!”
Não podia dizer em voz alta mas, desejei com todo o coração voltar a ver o Jonghyun, mesmo que fosse só por 2 minutos.
Dou um paço em frente e mando um pontapé sobre um presente que estava no chão, era quadrangular e grande apesar de ser muito baixinho, como se fosse um livro gigante, ou uma caixa de chocolates gigante.
Pego-o com cuidado, sabe-se lá se não era uma partida:
-“Foste tu?”
-“Eu? Não…”
-“De quem será?”
-“Tem um cartão, abre abre…”
Eu pego no pedaço de papel que parecia ter sido arrancando de um bloco à pressa e leio:
-“Por favor, continua a ser feliz, mesmo que não seja comigo…”
-“É um admirador/a secreto/a Key!”
-“Admirador? Deve ser a gozar!”
-“Abree!”
Eu abro com cuidado o papel bonito dourado velho e brilhante, lá dentro estava um álbum de fotografias, abro a capa e quando vejo a minha fotografia e do Jonghyun colada e junta de novo na primeira página, ia desmaiando, por baixo dizia:
“Fui feliz contigo na inocência de um sorriso de crianças!”
As lágrimas já corriam pelo meu rosto, as minhas mãos estavam a perder a força e com mais um esforço viro a página, estava lá uma fotografia no parque de Seoul onde eu e ele nos vimos pela primeira vez, já actualizada onde dizia:
“Obra do destino ou apenas coincidência fez-me encontrar-te de novo…”
Na página ao lado estava uma fotografia dos meus pais a beijarem-se no miradouro, que devia estar na posse da mãe de Key e por baixo, uma fotografia do miradouro vazio, à noite:
“O teu beijo não me sai dos lábios…”
Deixo-me cair de joelhos no chão, as lágrimas já me dificultavam a visão, viro a outra página mas já não tinha fotografia, apenas tinha uma frase que dizia:
-“Deixa-me preenchê-lo contigo…posso ser um papagaio de franja amarela, mas que…não sabe voar sem ti…”
Aperto o álbum contra o meu peito e grito de frustração, eu amo-o, eu quero preencher aquele álbum com ele…mas ele tinha ido embora, mais uma vez…
-“Key, tem calma…olha para mim, vamos para dentro, está frio aqui, precisas de te acalmar…”
Faço de conta que não ouvi o aviso do meu primo de preocupação e corro pelas ruas, nem sabia bem o porquê, parecia que desejava encontrá-lo, apesar de saber que nunca iria acontecer.

Cansado e já sem força paro num jardim, sento-me num banco, agarrado aos joelhos, sem conseguir parar de chorar, apenas ouvia o meu soluçar e a água da fonte, mas parecia que estava perante a algazarra de uma discoteca pois sentia-me desorientado com a sensação que a minha cabeça estava prestes a rebentar.
Até que oiço passos, olho na direcção dos passos sem pressa. Se fosse um ladrão, ele que me achasse, também já nada tinha a perder.
Quando viro o rosto vejo-o, a caminhar em direcção a mim com os olhos brilhantes de chorar, até que pára.
Eu levanto-me e olho-o de frente, ainda afastados por metros, temia que fosse uma ilusão que estava a ter.
O rosto triste dele, quando os nossos olhares embatem, fica preenchido com um sorriso e é aí que ganho as certezas que ele é real.
Corro até ele com desespero abraçando-o ao chegar:
-“Jonghyun…”
-“Tinha saudades tuas meu parvo!”
-“Jonghyun eu só sou feliz contigo, mas tu não vês isso?”
-“Cala-te!”
-“O que?”

POV NARRADORA

O Jonghyun cala-o com um beijo, intenso, apaixonado como se fosse o primeiro no fim de se ter dito “amo-te”…Não um “amo-te” banalizado como muitas vezes achamos por aí, mas sim um “amo-te de todo o coração”.
A grande cidade de Tóquio apaga-se, silencia-se, apenas um foco de luz apontava na direcção deles, dos protagonistas do verdadeiro amor.

POV ONEW

Para alem do canto, a escrita também passou a ser um passatempo meu. Nunca na minha vida havia de imaginar que eu iria me tornar tão sentimental e romântico. Mas é verdade, e penso que é inevitável. Acho que até a pessoa mais fria e carrancuda se confronta com o romantismo quando se sente apaixonado. Ora eu estava apaixonado e vivia rodeado de pessoas apaixonadas, o Taemin e o Minho estavam nas suas “sete quintas” como se costuma dizer, desde o acidente do Minho que o pai dele teve um click no cérebro que o fez realmente perceber que separar aqueles dois era algo considerável como um crime.
O Jonghyun finalmente conseguiu ir para o Japão, não podia deixar de o ajudar obrigando o chefe dele e dar-lhe o dobro do ordenado, mas isso o Jonghyun não nem pode desconfiar senão é bem capaz de me matar por o ter ajudado, ele realmente consegue ser um orgulhoso do piorio. Só espero que eles dois se tenham entendido. O mês passado fui passar uns dias ao Japão para visitar o Key, ele esforçava-se para parecer animado, mas eu já o conhecia tão bem.
Aquele amor deles é mesmo o mais bonito e extraordinário que já vi, nem nos filmes se vê algo assim…Talvez foram eles que me fizeram escrever na página do meu caderno de textos e letras: “A magia do destino!” Mas estou com uma branca e não consigo passar do título.
Nunca na minha vida eu acreditei no destino nem em nada de sobrenatural, apenas acreditava nas coincidências do acaso, que nenhum significado tinham para além de que somos humanos e todos temos coincidências. Mas vejo-me mesmo a interrogar se o destino não existirá mesmo, afinal… como uma pessoa se apaixona pela pessoa que também o ama? Com tantos milhões de pessoas, dois seres que gostem um do outro parece algo tão natural mas ao mesmo tempo tão magnífico que a expressão “Obra do destino” encaixa na perfeição.
Talvez fosse o destino que me tenha dito que tinha que deixar ir o Key, pois algo melhor estava para me acontecer na vida.
Talvez, não sei…só sei que nunca esquecerei o key, nunca esquecer a dor que senti por ele, nunca esquecerei o amor que senti por ele, obra do destino ou não, não quero esquecê-lo, ficara na minha memoria fotográfica do coração tal como a primeira vez que andei de bicicleta ou mergulhei na piscina…tal como cada amizade que fiz que dura ou que perdi.
O destino pode estar escrito, mas as minhas escolhas farão parte dele e todas elas eu devo aos meus erros e quedas, não há um caminho perfeito, e ainda bem tal como a minha avó sempre dizia:
-“O mundo é tal como o amor, perfeito pelas suas imperfeições!”



FIM
[code]
Voltar ao Topo Ir em baixo
AndieLiu
Dance Machine
Dance Machine
avatar

Feminino Mensagens : 5853
Reputação : 4
Data de inscrição : 31/05/2011
Idade : 23
Localização : Wanted Dead or Alive

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Seg 5 Set - 14:56:01

Aqui está a Umma para comentar~ o Comentario vai ser uma beca para o gigante, mas okay, de certo que não de importas com isso neh Baby?
Bem começando com ele, já agora ouvi-o apenas ao som de Life, dos nossos anjinhos, ficou tão bem *___________*
Já sabes que eu o amei... mas deixo-te as minhas reacções!


~Reacções enquanto lia~



Spoiler:
 

Apesar de tudo, foi um sonho tão lindo, tão desejado, demonstra que ele precisa mesmo de voltar a ter o Jonghyun consigo T_T Omo a ouvir Life não é fácil não ler isto! Saber de toda a situação dos dois faz-me querer chorar!


Spoiler:
 

Yah yah yah Ki Kwang é o meu menino dos Beast *______________* Omo já amo o primo do Key!
Omo afinal não foi um sonho, era o Key a contar uma história ao maninho do Ki Kwang! Que querido, mas isto fará com que ele sofra mais e mais T_T Key eu adoro-te~


Spoiler:
 

O QUÊ??? EU NÃO ESTOU A ENTENDER, KIM JONGHYUN TU ESTÁS A IR TER COM O KEY?????????


Spoiler:
 

QUATRO FUCKING MESES, CREDO EU JÁ ME TINHA SUICIDADO! Sim Jjongie ele ainda se lembra, de certo que se lembra, ele lembra-se, sim ele lembra-se! Credo estou a chorar de emoção! Sorry não consigo conter-me!


Spoiler:
 

JJONGIE É O KI KWANG (ele é meu portanto) É O PRIMO DO KEY, PLEASE NÃO FIQUES COM IDEIAS NA CABEÇA, PLEASSEEEEEEE! NÃO DEIXES O KEY POR FAVOR, JJONGIIEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEE


Spoiler:
 

É oficial estou a chorar pah... pah fogo Jonghyun que coisa! Mas porquê? WAE WAE WAE???


Spoiler:
 

Omg, aniyo isto não pode estar a acontecer T_T Omg eu vou morrer... credo.... omo omo OMOOOOOOO!


Spoiler:
 

Juro que isto foi uma das coisas mais belas que já li em toda a minha vida, eu realmente amei!


Spoiler:
 

Por favor encontrem-se por favor, eu peço aos SHINee Goddies que vocês se encontrem!


Spoiler:
 

O Jjongie não vai fazer escada-lo pois não? Pah eles acabaram de se encontrar, por favor!


Spoiler:
 

Eu realmente, inteiramente, verdadeiramente, sinceramente, do fundo do meu coração'zinho eu amei esta cena, foi estrondosamente linda, foi tão pura e romântica, tão cheia de sentimentos... Omo eu amei-a mesmo!


Spoiler:
 

Aiiiiii adorei, lindo lindo, ainda bem que o pai do Minho teve esse click no cérebro... mas amor parece que o Onew está a terminar a cena toda! Continuando!


Spoiler:
 

Claro, mas ainda bem que o fizeste amor, estou orgulhosa de ti e as tuas ttals e aduels também *_____* (é inevitavel passei o capítulo todo a chorar pah)



Spoiler:
 

Muito bem dito/escrito, tá lindo *__________*


Spoiler:
 

Adoro, amo, venero~



WAIT! FIM... O QUÊ? AHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH~ Omo agora é que eu estou a chorar mesmo muito, credo, eu vou ter TANTAS saudades, eu amei tanto a tua fic minha linda baby, aishhhhhhh deixa-me controlar as lágrimas, é que eu estou a fazer mega esforço para escrever... amor eu vou ser muito sincera... está foi uma fic LINDA LINDA LINDA, E EU AMEI-A REALMENTE MUITO!

~Fim das reações enquanto lia~


E foi nisto que resultou, okay posso dizer que fui um bebé chorão neste capítulo, está realmente fantástico e eu já fiz questão que soubesses isso! Quer dizer eu fui um bebé chorão em quase toda a fic, mas isso foi apenas porque foi uma fic emocionalmente linda, maravilhosa, espantosa, eu realmente adorei-a muito!

Vou ter saudadinhas disto T_T mas vou continuar a vir-te chatear, está decidido =PPP



Agora uma última cena...

Spoiler:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
mwezi
Stalker
Stalker
avatar

Feminino Mensagens : 865
Reputação : 0
Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 23
Localização : Seoul, South Korea

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Seg 5 Set - 15:10:35

Vou morrer de tantos eluhios. Estava receosa pela reacção a este capitulo ainda bem que consegui passar a mensagem.
Saranghaeyo umma e obrigado por teres seguido tao lealmente <3
Voltar ao Topo Ir em baixo
C'Adiragram
Queen Symptoms
Queen Symptoms
avatar

Feminino Mensagens : 7630
Reputação : 0
Data de inscrição : 21/04/2011
Idade : 21
Localização : Coreia do Sul +.+

MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   Seg 5 Set - 15:21:40

-“Key, tem calma…olha para mim, vamos para dentro, está frio aqui, precisas de te acalmar…”
Faço de conta que não ouvi o aviso do meu primo de preocupação e corro pelas ruas, nem sabia bem o porquê, parecia que desejava encontrá-lo, apesar de saber que nunca iria acontecer.
Eu quase que estragava o pc de raiva por eles nao se encontrarem!! :s



Quando viro o rosto vejo-o, a caminhar em direcção a mim com os olhos brilhantes de chorar, até que pára.
Eu levanto-me e olho-o de frente, ainda afastados por metros, temia que fosse uma ilusão que estava a ter.
O rosto triste dele, quando os nossos olhares embatem, fica preenchido com um sorriso e é aí que ganho as certezas que ele é real.
Corro até ele com desespero abraçando-o ao chegar:
-“Jonghyun…”
-“Tinha saudades tuas meu parvo!”
-“Jonghyun eu só sou feliz contigo, mas tu não vês isso?”
-“Cala-te!”
-“O que?”

ohhhh fiquei tao feliz : DDDDDD


Nao acredito que acabou!!!!! Nao pode ser!!! :o e agora? como vou vai ser isto já fazia parte da rotina! Esperar pelas fic's eu adoro esta fic está linda!!!! Entao se acabas-te esta tens que começar uma nova!! Porque.. Porque tens muito talento para ficar desperdiçado ou parado ai na tua cabecinha ^^ Amei!!! Amei mesmo!!

Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 10 de 12Ir à página : Anterior  1, 2, 3 ... 9, 10, 11, 12  Seguinte
 Tópicos similares
-
» memória fotográfica ~FANFIC COMPLETA~
» A Chave do Quinto Elemento ~FANFIC COMPLETA~
» that first look ~FANFIC COMPLETA~
» Refrescar a memória...
» Fica comigo

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
SHINee Portugal :: SHINee Club! :: FanFic's-
Ir para: